Cinco verdades sobre o Jejum Intermitente

Especialista em emagrecimento, Rodrigo Polesso, esclarece algumas dúvidas sobre o assunto.


Da Redação

20/04/2017 - 15:00

Com certeza um dos assuntos mais comentados desse ano, em se tratando de alimentação e emagrecimento, foi o Jejum Intermitente. Mas, ao contrário do que muitos pensam essa prática não é nenhuma novidade.

Segundo o especialista em Nutrição Otimizada e emagrecimento, Rodrigo Polesso, criador do programa Código Emagrecer de Vez e que há 7 anos se dedica a pesquisas sobre perda de peso, Jejum Intermitente sempre foi algo que os seres humanos fizeram naturalmente até poucas décadas atrás, só não tinha esse nome específico.

“Há não muito tempo atrás o comum era ter duas ou três refeições por dia e só. Hoje em dia nos é dito que precisamos comer a cada 3h ou até mais frequentemente, porém não existe embasamento científico para esse hábito”, conta o especialista.

Rodrigo explica que ao fazer o Jejum Intermitente as pessoas permitem que o corpo tenha tempo de digerir os alimentos de forma correta. “Com isso, seu corpo começa a queimar o açúcar e a gordura de má qualidade. Do contrário, se seu corpo está a todo momento processando alimentos, ele sempre estará em estado anabólico e nunca terá tempo para se reciclar”, explica o especialista.

Porém, essa prática ainda gera muitas dúvidas entre as pessoas. Para esclarecer algumas questões, Rodrigo listou 5 verdades sobre o Jejum Intermitente que ajudam a mostrar que essa prática é algo simples e traz diversos benefícios à saúde:

1 - Jejum Intermitente não é dieta


Segundo Rodrigo, ao contrário do que muitas pessoas pensam, Jejum Intermitente não é dieta. “Dieta é o que você faz nos momentos em que você come, já o Jejum Intermitente ocorre justamente da ação de ficar períodos sem comer”, ressalta. O especialista explica que existem alguns protocolos de jejum intermitente, como o de 12h, o de 16/8, de 24h, 36h e outros. “O protocolo de 16/8 é o que eu mais gosto, porque é muito fácil de se fazer no dia a dia, já que você faz todas suas refeições dentro de uma janela de 8 horas e passa 16h sem comer, incluindo as horas de sono”, ensina. Rodrigo alerta que, segundo o médico canadense Dr. Jason Fung, para pessoas em bom estado de saúde, a prática não tem nenhuma contraindicação, mas o ideal é fazer com acompanhamento médico, pois conforme ele explica para começar o jejum intermitente a saúde da pessoa precisa estar em dia.

2 - Ajuda a reciclar as células mortas

Neste ano, o cientista Yoshinori Ohsumi recebeu o prêmio Nobel de Medicina e Fisiologia por grandes descobertas sobre o mecanismo de Autofagia, o qual explica o processo de reciclagem das células quando as pessoas estão em jejum. Nos seus estudos, o cientista relevou que os problemas nesse mecanismo de autofagia estão ligados diretamente com o surgimento de doenças como Parkinson e diabetes tipo 2. Assim, conforme Rodrigo explica, o Jejum Intermitente também contribui para muitos benefícios com a saúde, prevenindo doenças que chegam com o envelhecimento e promovendo longevidade. “Muitos estudos, como o do cientista Ohsumi, comprovam que a Autofagia é uma estratégia de neuroproteção do envelhecimento e doenças neurodegenerativas”, ressalta.

3 - Atua para solucionar a maior causa de ganho de peso


Rodrigo conta que muitas pessoas estão preocupadas com a quantidade de calorias existentes na alimentação, mas revela que a grande causadora de ganho de peso é a insulina. “Quase todo alimento, exceto gorduras puras, aumentam a insulina de alguma forma. Por exemplo, existem alguns alimentos, como o pão branco, que aumenta muito a insulina e outros como um pedaço de carne que aumenta bem menos, independente da quantidade calórica de cada um.”, explica. Ele ressalta que o que realmente importa é como o corpo reage à insulina. “O armazenamento de gordura é resultado de um problema hormonal e não calórico”, revela o especialista. Ao se praticar o jejum intermitente, dá-se folga ao corpo para que estes estímulos constantes da insulina parem e com isso, se colabora para a regularização do funcionamento deste hormônio.

4 - Não causa perda muscular

O especialista esclarece que alimentação e exercícios são coisas completamente diferentes. “Alimentação correta é um estilo de vida alimentar baseado no consumo correto e estratégico de alimentos”, revela. Ele ainda completa que esse tipo de alimentação correta ajuda a acabar com a gordura, já os exercícios tonificam e constroem músculos. Assim, ele aconselha que, se a pessoa está preocupada com os músculos, ela deve exercitar-se, mas se a preocupação é com a gordura, a pessoa deve cuidar primeiramente da alimentação. Ele conta que os estudos mostram que o Jejum Intermitente não provoca perda muscular até mesmo em jejuns de vários dias. “Percebemos que o corpo aumenta a secreção do hormônio do crescimento à medida que o jejum se prolonga”, ressalta.

5 - É adaptável e esporádico

Rodrigo revela que o jejum intermitente é adaptável à rotina de cada pessoa. “Você pode fazer o Jejum Intermitente quando quiser e onde quiser, como por exemplo três vezes na semana. Esse é o bacana, ele é adaptável para qualquer pessoa”, declara. O especialista conta que mesmo se a pessoa seguir algum tipo de dieta especial, não comer carne ou for intolerante a glúten, por exemplo, ela pode encaixar o jejum intermitente a qualquer momento. “Não importa qual dieta você segue, se estiver com a saúde em dia você pode fazer Jejum Intermitente”, finaliza.





Dicas de viagem

Descubra uma perfumaria com os aromas de Capri.


 65% dos brasileiros não possuem reserva financeira

Mundo Empresarial

65% dos brasileiros não possuem reserva financeira

Indicador do SPC Brasil e CNDL mostra que quem conseguiu poupar guardaram R$ 502 em março.


Luan Santana prepara lançamento de app para fãs

Famosos

Luan Santana prepara lançamento de app para fãs

Aplicativo gratuito terá conteúdo exclusivo e as novidades do artista.


OIT prevê 1 milhão de novos desempregados na AL

América Latina pode terminar 2017 com 26 milhões de desempregados.



Garota Vip chega pela 1ª vez a BH com grandes shows

Noticias Culturais

Garota Vip chega pela 1ª vez a BH com grandes shows

Evento no Mineirão terá shows de Wesley Safadão, Bell Marques, Gabriel Diniz e Renan & Rafael.


SUS oferecerá antirretroviral como prevenção ao HIV

Saúde

SUS oferecerá antirretroviral como prevenção ao HIV

O Brasil tem atualmente 827 mil pessoas convivendo com HIV/Aids.


Precisamos retomar alguns valores para educar os filhos

Educação & Capacitação

Precisamos retomar alguns valores para educar os filhos

Não é preciso ir longe para assistir exemplos de que a sociedade anda com vários problemas.


Brasileiros completam a maior pintura já feita na Síria

Noticias Culturais

Brasileiros completam a maior pintura já feita na Síria

Artistas brasileiros levam arte e esperança para uma população que tem sofrido muito com a guerra.


Gastos de brasileiros no exterior sobem 23,14% em abril

Viajando

Gastos de brasileiros no exterior sobem 23,14% em abril

Os brasileiros gastaram US$ 1,325 bilhão em viagens para fora do País.


Feirão da Caixa começa sexta e terá 228 mil imóveis

Utilidade Pública

Feirão da Caixa começa sexta e terá 228 mil imóveis

O Feirão será realizado em 14 cidades e vai até 25/06.


BNDES divulga vencedores do Edital de Cinema 2016

Na Tela

BNDES divulga vencedores do Edital de Cinema 2016

BNDES divulga lista de 22 filmes brasileiros selecionados para receber R$ 15 milhões.


Plataformas na internet para exercícios físicos

Digital

Plataformas na internet para exercícios físicos

Com aulas de até 20 minutos e para diferentes perfis os apps são alternativas para quem quer manter o corpo em dia.


Como cortar gastos desnecessários? Veja passo a passo

Você sabia que, em média, 25% dos gastos mensais de toda pessoa ou família são supérfluos e/ou desnecessários?


Porque a reciclagem de lixo eletrônico é um desafio

Ciência & Ambiente

Porque a reciclagem de lixo eletrônico é um desafio

Quais os perigos que existem no descarte inadequado desse tipo de lixo? Por que o descarte não é feito da maneira correta? E, o que se deveria fazer com tanto lixo eletrônico?


A felicidade brota do ato de perdoar e servir

Bem Viver

A felicidade brota do ato de perdoar e servir

Há duas grandes vertentes que podem tornar nossa vida mais feliz – uma jorra no plano material; outra, no plano espiritual.


Cannabis sativa entra em lista de plantas medicinais

Anvisa inclui Cannabis sativa, a maconha, em relação de plantas medicinais.



Conheça os 10 alimentos que mais mancham os dentes

Bem Viver

Conheça os 10 alimentos que mais mancham os dentes

Alimento com pigmentação excessiva e muito ácidos merecem atenção na hora do consumo.


Banco Central reduz projeção da inflação novamente

Mundo Empresarial

Banco Central reduz projeção da inflação novamente

Mercado financeiro reduz estimativa de inflação para 3,92% este ano.


Frutas: tome cuidado!

Passe a língua na superfície dos dentes naturais e perceba a textura lisa que eles possuem.


Alimentos que substituem o pão no café da manhã

Educação & Capacitação

Alimentos que substituem o pão no café da manhã

A primeira refeição é importante pois repõe as energias gastas durante à noite e abastece o corpo para começar o dia.


Antártida está ficando verde

Ciência & Ambiente

Antártida está ficando verde

Cientistas afirmam que aquecimento global é responsável pelo crescimento acelerado de musgos.


Violência faz 70% dos brasileiros mudarem hábitos

Café Pequeno

Violência faz 70% dos brasileiros mudarem hábitos

Para maioria da população, aumento da criminalidade se deve à certeza da impunidade, pesquisa da CNI


Estudantes ficam indecisos sobre o retorno profissional

Educação & Capacitação

Estudantes ficam indecisos sobre o retorno profissional

Estudantes do Ensino Médio se mostram indecisos sobre o retorno do investimento numa graduação.


Missão no Haiti liderada pelo Brasil se aproxima do fim

Café Pequeno

Missão no Haiti liderada pelo Brasil se aproxima do fim

Após 13 anos, Missão no Haiti está marcada para acabar em 15 de outubro.


Humor do Ceará se torna patrimônio imaterial

Noticias Culturais

Humor do Ceará se torna patrimônio imaterial

Lei estadual reconhece humor cearense como patrimônio imaterial.