Brasil tem o maior número de domésticas do mundo

O Brasil tem 7,2 milhões de empregados domésticos, sendo 6,7 milhões de mulheres e 504 mil homens.


Da Redação

09/01/2013 - 14:57

Segundo estudo feito em 117 países e divulgado nesta quarta-feira (9) pela  Organização Internacional do Trabalho (OIT), o Brasil também aparece como o país com a maior população de trabalhadores domésticos do mundo em números absolutos.

O estudo, com dados de 2010, não traz números da China, país de maior população mundial. Depois do Brasil, aparecem a Índia com 4,2 milhões e a Indonésia com 2,4 milhões.

De acordo com o relatório, 17% das mulheres que trabalham no Brasil realizam tarefas domésticas, percentual um pouco abaixo do registrado em países vizinhos como Argentina (18,3%) e Uruguai (18,5%), além de Costa Rica (17,3%) e Ilhas Cayman (17,3%), na América Latina e Caribe, e maior, por exemplo, que Chile (14,3%), Colômbia (13%), Venezuela (14,4%) e México (10,3%).

Os maiores índices de mulheres que trabalham como empregadas domésticas (porcentagem de domésticas sobre o total da população feminina), de acordo com a OIT, estão em países do Oriente Médio: Omã (59,3%), Kuwait (53,3%), Arábia Saudita (47,1%), Emirados Árabes (42,4%), Bahrein (42,2%) e Catar (38,9%).

O estudo mostra ainda que atualmente pelo menos 52 milhões de pessoas no mundo  - a maioria mulheres (83%) – estão empregadas como trabalhadores domésticos.

Esse número representa 7,5% do emprego assalariado das mulheres no mundo e em algumas regiões uma porcentagem muito maior, sobretudo na Ásia e no Pacífico e na América Latina e Caribe.




Mulheres gastam em média R$ 350 com sapatos

Segundo levantamento da 33 e 34 Shoes, os produtos mais comprados variam de R$130 a R$ 400.

40% dos adultos no mundo são analfabetos climáticos

Nada menos do que 40% dos adultos do mundo nunca ouviram falar de mudanças climáticas, segundo a pesquisa.

Mercado de TI gera 1,3 milhão de empregos no Brasil

Empresas demoram até 70 dias para preencherem vagas e projetam déficit de 400 mil profissionais até 2022.

Brasileiros pagaram menos para viajar aos Estados Unidos

Convertidas para o real, as passagens aéreas chegaram a apresentar queda de preço.

67 milhões de brasileiros, entre 14 e 75 anos, são sedentários

Levantamento contribuirá para nortear as próximas ações da Campanha Move Brasil, que visa aumentar o números de brasileiros praticantes de esportes e atividades físicas até 2016, ano Olímpico.

Confira sete dicas para minimizar os efeitos do fuso horário

Seja qual for o destino de sua viagem, é possível amenizar os sintomas provocados pela mudança do fuso horário.

Pesquisa: bancos praticam venda casada e outras irregularidades

Pacotes bancários para uso exclusivo pela internet e pelo caixa eletrônico são umas das práticas.

Brasileiros mudam hábitos para enfrentar a crise hídrica

56,5% das pessoas passaram a tomar banhos mais curtos e 45% passou a fechar a torneira enquanto escova os dentes, mas outras medidas para a redução do consumo ainda são menos utilizadas.

Até quando a grávida pode viajar de avião

Conheça os cuidados e os principais direitos das gestantes durante o voo.

Participação de pessoas com deficiência no mercado cresce 20%

A Lei de Cotas para Pessoas com Deficiência completa nesta sexta-feira (24) 24 anos.




Copyright © 2015 Todos os direitos reservados