Seleção do Brasil volta ao topo do ranking da Fifa

Após vencer as oito últimas partidas pelas Eliminatórias sul-americanas seleção supera Argentina.


Deutsche Welle

06/04/2017 - 13:36

A seleção brasileira de futebol desbancou a Argentina e, após sete anos, voltou a assumir a primeira posição do ranking da Fifa, divulgado nesta quinta-feira (06/04).

Sob o comando do técnico Tite, o Brasil venceu todas as últimas oito partidas pelas Eliminatórias para Copa do Mundo de 2018 na Rússia e foi a primeira seleção – além do país sede – a assegurar uma vaga no torneio, com quatro rodadas de antecedência.

Antes de Tite assumir o comando da seleção, o Brasil apresentava rendimento abaixo do esperado e amargava a sexta colocação nas Eliminatórias, após ter sido eliminado precocemente na última edição da Copa América.

Os argentinos, que vêm fazendo uma campanha irregular sob o comando do técnico Edgardo Bauza, caíram uma posição no ranking, enquanto ocupam o 5º lugar nas Eliminatórias sul-americanas.

A Colômbia subiu duas colocações, ficando em quinto no ranking, enquanto o Chile conservou o quarto lugar, antecedido pela Alemanha. O Uruguai deixou a lista das dez melhores seleções, ficando em 15º após perder deis posições.

Abaixo, os dez primeiros colocados no ranking da Fifa e a pontuação de cada seleção:

1. Brasil: 1.661 pontos.
2. Argentina: 1.603 pontos.
3. Alemanha: 1.464 pontos.
4. Chile: 1.403 pontos.
5. Colômbia: 1.348 pontos.
6. França: 1.294 pontos.
7. Bélgica: 1.281 pontos.
8. Portugal: 1.259 pontos.
9. Suíça: 1.212 pontos.
10. Espanha: 1.204 pontos.




Papa canonizará mártires brasileiros em outubro

Os primeiros mártires brasileiros foram assassinadas em 1645 pelos protestantes calvinistas holandes


Idec divulga produtos alvos da Operação Carne Fraca

Instituto recebe informações sobre marca, lote e prazo de validade dos produtos fraudados.


Quantos parlamentares são alvo de processos no Supremo?

Levantamento da DW Brasil mostra que o Supremo conduz mais de 500 investigações contra senadores e deputados federais.


Reforma do Maracanã teve propina de R$ 7,3 milhões

Odebrecht pagou R$ 7,3 milhões em propina ao governo do Rio por reforma do Maracanã.


Em carta, Papa Francisco recusa visita ao Brasil

O pontífice negou o convite com a justificativa de estar com a agenda cheia para 2017.


Mais da metade dos brasileiros está com sobrepeso

Estudo da Vigitel revela que 53,8% está com peso acima do recomendado.


Acidentes têm queda de 16% durante feriado

Segundo a PRF, 82 pessoas morreram na Semana Santa, queda de 1% em relação a 2016.


Morre aos 117 anos a pessoa mais velha do mundo

Ela era a única pessoa ainda viva a ter nascido no século 19.


PRF lança Operação Semana Santa

PRF reforça fiscalização em rodovias federais durante a Semana Santa.


Sobe faturamento de exportações de carne bovina

Apesar de operação da PF, exportações de carne bovina registrou alta em março.