Ganhador que não buscou prêmio da Mega-Sena tem novo prazo

A Caixa Econômica estabeleceu que até um dia após o término da greve dos bancários o vencedor poderá procurar uma agência.


Da Redação

10/10/2013 - 15:42

A Caixa Econômica Federal admitiu nesta quarta-feira (9) a possibilidade de pagar o prêmio de R$ 22, 9 milhões ao apostador de Ponta Grossa, que perdeu o prazo encerrado na terça-feira.

De acordo com a assessoria do banco, caso o vencedor apareça, ele deverá procurar uma agência da Caixa no dia seguinte ao término da greve dos bancários, ainda sem previsão de acabar.

O concurso da Mega-Sena foi realizado em julho e o dinheiro poderia ter sido resgatado em qualquer agência da Caixa no Brasil, mas ninguém apareceu para reclamar o prêmio.

Na terça-feira, último dia do prazo, algumas pessoas apareceram para reclamar o prêmio. Uma delas em Ponta Grossa, cidade em que a aposta foi realizada. Contudo, o gerente analisou o bilhete e afirmou que era falso. O prêmio não foi pago.

Apesar da greve, a Caixa pede ainda que o possível ganhador procure uma agência. Em muitas delas, os gerentes continuam trabalhando e podem atender o sortudo.

Índice de riqueza inclusiva só cresceu 2% em 20 anos

Encontro de Colecionadores reúne os times de Minas Gerais

Para Aécio dinheiro do petrolão em conta do PT é gravíssima

Snowden é ovacionado na entrega do Nobel Alternativo

Brasil sai da recessão técnica, mas continua estagnado


Jornal O Debate

Emprego em Portugal

Emprego nos Estados Unidos

Siga O Debate pelo Twitter
Curta-nos pelo Facebook

    O voo da águia em Paris



Copyright © 2014 Todos os direitos reservados