O impacto da tragédia do Rio Doce para a saúde

Estudo inédito investiga os principais problemas físicos e psicológicos de quem foi atingido.


Da Redação

17/04/2017 - 15:20

Alergia respiratória, gripe constante, pressãoalta, dengue, são alguns dos problemas enfrentados hoje por quem ainda vivencia o maior desastre socioambiental do país – a destruição da bacia do Rio Doce pelo rompimento de uma barragem de rejeitos da mineradora Samarco, que é controlada pelas empresas Vale e BHP Billiton.

No diagrama, feito a partir dos resultados de pesquisas junto à população, problemas respiratórios, de pele, dengue e emocionais se destacam entre os males mais recorrentes ou percebidos. Porém, os danos podem ir além, quando levado em conta as doenças crônicas que poderão vir a se desenvolver ou se agravar, sem que a Samarco ou o sistema público de saúde estejam se preparando para isso.

O estudo “Avaliação dos Riscos em Saúde da População afetada pelo Desastre de Mariana”, realizado pelo Instituto Saúde e Sustentabilidade (ISS) analisou os moradores de Barra Longa (MG), em função do município ser considerado um dos piores em situação.

“Em Bento Rodrigues, onde a lama destruiu tudo, não se mexeu mais e ninguém ficou por lá para ser afetado. Em Barra Longa, o pó da lama seca chegou aos quarteirões mais altos em função do trânsito de veículos e da própria reconstrução da cidade, atingindo todo mundo”, explica a médica e diretora do ISS, Evangelina Vormmitag, que coordenou o estudo.

De uma população de quase 6 mil habitantes, a pesquisa ouviu 289 famílias e seus 576 membros, calculados de forma estatística e sorteados a partir da lista das famílias do Programa Social de Família da Secretaria Municipal de Saúde de Barra Longa. Dos entrevistados, 35% afirmaram que a saúde piorou após o desastre. Para realizar a pesquisa, eles responderam um questionário e entrevistas sobre os sintomas que vêm sentindo após o desastre da Samarco.

Dentre os problemas relatados, 40% são respiratórios; 15,8% afecções de pele; 11% transtornos mentais e comportamentais; 6,8% doenças infecciosas; 6,3% de doenças do olho; e 3,1% problemas gástricos e intestinais. Para crianças de até 13 anos completos, as doenças respiratórias são 60% das queixas.

Desde o desastre, 56% dos respondentes afirmaram terem deixado de realizar alguma de suas atividades habituais e domésticas, e 49,5% chegaram a ficar acamados. Também houve a preocupação de inquirir sintomas, uma vez que os indivíduos poderiam não ter o diagnóstico da doença. Os prevalentes foram dor de cabeça, tosse e dor nas pernas, alergias de pele, febre e rinite. Dor nas pernas, por exemplo, é um sintoma comum de intoxicação por minério.

Para Fabiana Alves, da Campanha de Água do Greenpeace, os impactos na saúde mostram a amplitude de um desastre ambiental e é apenas uma das consequências da negligência de empresas em seus projetos de infraestrutura exploratória. “A população atingida tem que ser monitorada para uma ampla análise e suporte real à saúde dos atingidos. O que resta nesse momento é demandar que os órgãos municipais se organizem para esse monitoramento necessário, já que a Samarco não interesse em fazê-lo", diz Fabiana.

O estudo faz parte de uma série de pesquisas que contemplam mais outras cinco áreas: Água (já divulgado), Fauna, Flora, Impactos Sociais e Direitos Humanos. Todos conduzidos por pesquisadores independentes de universidades e institutos brasileiros, e financiados com doações captadas por artistas do coletivo Rio de Gente e gerenciadas pelo Greenpeace.





Dicas de viagem

Descubra uma perfumaria com os aromas de Capri.


 65% dos brasileiros não possuem reserva financeira

Mundo Empresarial

65% dos brasileiros não possuem reserva financeira

Indicador do SPC Brasil e CNDL mostra que quem conseguiu poupar guardaram R$ 502 em março.


Luan Santana prepara lançamento de app para fãs

Famosos

Luan Santana prepara lançamento de app para fãs

Aplicativo gratuito terá conteúdo exclusivo e as novidades do artista.


OIT prevê 1 milhão de novos desempregados na AL

América Latina pode terminar 2017 com 26 milhões de desempregados.



Garota Vip chega pela 1ª vez a BH com grandes shows

Noticias Culturais

Garota Vip chega pela 1ª vez a BH com grandes shows

Evento no Mineirão terá shows de Wesley Safadão, Bell Marques, Gabriel Diniz e Renan & Rafael.


SUS oferecerá antirretroviral como prevenção ao HIV

Saúde

SUS oferecerá antirretroviral como prevenção ao HIV

O Brasil tem atualmente 827 mil pessoas convivendo com HIV/Aids.


Precisamos retomar alguns valores para educar os filhos

Educação & Capacitação

Precisamos retomar alguns valores para educar os filhos

Não é preciso ir longe para assistir exemplos de que a sociedade anda com vários problemas.


Brasileiros completam a maior pintura já feita na Síria

Noticias Culturais

Brasileiros completam a maior pintura já feita na Síria

Artistas brasileiros levam arte e esperança para uma população que tem sofrido muito com a guerra.


Gastos de brasileiros no exterior sobem 23,14% em abril

Viajando

Gastos de brasileiros no exterior sobem 23,14% em abril

Os brasileiros gastaram US$ 1,325 bilhão em viagens para fora do País.


Feirão da Caixa começa sexta e terá 228 mil imóveis

Utilidade Pública

Feirão da Caixa começa sexta e terá 228 mil imóveis

O Feirão será realizado em 14 cidades e vai até 25/06.


BNDES divulga vencedores do Edital de Cinema 2016

Na Tela

BNDES divulga vencedores do Edital de Cinema 2016

BNDES divulga lista de 22 filmes brasileiros selecionados para receber R$ 15 milhões.


Plataformas na internet para exercícios físicos

Digital

Plataformas na internet para exercícios físicos

Com aulas de até 20 minutos e para diferentes perfis os apps são alternativas para quem quer manter o corpo em dia.


Como cortar gastos desnecessários? Veja passo a passo

Você sabia que, em média, 25% dos gastos mensais de toda pessoa ou família são supérfluos e/ou desnecessários?


Porque a reciclagem de lixo eletrônico é um desafio

Ciência & Ambiente

Porque a reciclagem de lixo eletrônico é um desafio

Quais os perigos que existem no descarte inadequado desse tipo de lixo? Por que o descarte não é feito da maneira correta? E, o que se deveria fazer com tanto lixo eletrônico?


A felicidade brota do ato de perdoar e servir

Bem Viver

A felicidade brota do ato de perdoar e servir

Há duas grandes vertentes que podem tornar nossa vida mais feliz – uma jorra no plano material; outra, no plano espiritual.


Cannabis sativa entra em lista de plantas medicinais

Anvisa inclui Cannabis sativa, a maconha, em relação de plantas medicinais.



Conheça os 10 alimentos que mais mancham os dentes

Bem Viver

Conheça os 10 alimentos que mais mancham os dentes

Alimento com pigmentação excessiva e muito ácidos merecem atenção na hora do consumo.


Banco Central reduz projeção da inflação novamente

Mundo Empresarial

Banco Central reduz projeção da inflação novamente

Mercado financeiro reduz estimativa de inflação para 3,92% este ano.


Frutas: tome cuidado!

Passe a língua na superfície dos dentes naturais e perceba a textura lisa que eles possuem.


Alimentos que substituem o pão no café da manhã

Educação & Capacitação

Alimentos que substituem o pão no café da manhã

A primeira refeição é importante pois repõe as energias gastas durante à noite e abastece o corpo para começar o dia.


Antártida está ficando verde

Ciência & Ambiente

Antártida está ficando verde

Cientistas afirmam que aquecimento global é responsável pelo crescimento acelerado de musgos.


Violência faz 70% dos brasileiros mudarem hábitos

Café Pequeno

Violência faz 70% dos brasileiros mudarem hábitos

Para maioria da população, aumento da criminalidade se deve à certeza da impunidade, pesquisa da CNI


Estudantes ficam indecisos sobre o retorno profissional

Educação & Capacitação

Estudantes ficam indecisos sobre o retorno profissional

Estudantes do Ensino Médio se mostram indecisos sobre o retorno do investimento numa graduação.


Missão no Haiti liderada pelo Brasil se aproxima do fim

Café Pequeno

Missão no Haiti liderada pelo Brasil se aproxima do fim

Após 13 anos, Missão no Haiti está marcada para acabar em 15 de outubro.


Humor do Ceará se torna patrimônio imaterial

Noticias Culturais

Humor do Ceará se torna patrimônio imaterial

Lei estadual reconhece humor cearense como patrimônio imaterial.