Lulu cria rede de avaliação de homens

Aplicativo Lulu, que permite que mulheres avaliem homens anonimamente, já é o líder de downloads na App Store brasileira.


Da Redação

27/11/2013 - 15:17

Mais uma vez a grande polêmica da semana veio da internet. Desta vez, trata-se do aplicativo Lulu, exclusivo para as mulheres avaliarem seus amigos homens do Facebook. Pelo aplicativo, é possível dar notas, postar comentários e hashtags.

Apesar de conquistar esta marca, o app divide opiniões: foi elogiado por amplificar o poder das mulheres, criticado por resumir o homem a apenas um objeto e avaliado como mais um software de puro entretenimento.

Na avaliação do especialista em marketing, Gabriel Rossi, o novo aplicativo prova que a privacidade na internet acabou de vez. “O que começou como brincadeira se tornou uma ferramenta de quebra de privacidade e de mau gosto” afirma.

Segundo Rossi, as plataformas das redes sociais são ferramentas que possibilitam um relacionamento mais direto e um compartilhamento mais dinâmico e democrático de opiniões e informações. “No entanto, o Lulu amplifica esta característica das redes sociais. Aquela conversa que as mulheres tinham no toilette feminino agora se tornou pública e invasiva.”

O especialista alerta que a privacidade da internet - o seu Santo Graal - foi quebrado de vez. “Coerência, respeito e bom senso são pontos essenciais a serem observados ao utilizarmos estes instrumentos e isto não está sendo observado no Lulu.”




"Curtidas" que geram financiamento para ações sociais

A plataforma Curtida.Social é uma espécie de crowdfunding que opera por meio de redes sociais.


Novas regras para registro de softwares no Brasil

Com a redução na burocracia, o registro de softwares cairá de uma média de 100 dias para apenas 7.


Filho sem Fila: o aplicativo que deu certo

Ele foi criado para minimizar problemas urbanos simples que se transformam em um verdadeiro caos.


Público masculino ganha aplicativo exclusivo de moda

Em apenas um clique é possível combinar o que tem no armário sem complicações.


Sinal analógico de TV em SP será desligado quarta-feira

São Paulo e 38 cidades da região metropolitana entram no processo de digitalização do sinal de TV.


Principais obstáculos da transformação digital no Brasil

Leia neste artigo as principais dificuldades encontradas pelo empresariado brasileiro para aderir a comunicação digital.


Site facilita clínicas e hospitais a contratarem médicos

O problema não é falta de médicos no setor e sim a falta de conexão entre médicos e gestores de saúde.


Facebook finalmente libera o botão "não curtir"

O uso do recurso será restrito ao app de mensagens Messenger.


Brasil está na 85ª posição em qualidade de internet

Em 2016 a média da velocidade chegou a 6,4 Megabits por segundo (Mbps).


No futuro próximo, tudo estará interligado em rede

Estima-se que 50 bilhões de dispositivos estejam conectados no mundo.



...


...