Próximo iPhone pode ser smartphone mais caro da história

A próxima geração do iPhone pode quebrar recordes dentro do mercado de smartphones.


Da Redação

11/04/2017 - 08:35

Dentre eles, estaria o de smartphone mais caro lançado no mercado (entre edições regulares dos principais fabricantes).

No segundo semestre deste ano, a Apple deve anunciar a chegada de seu próximo telefone celular—iPhone 7s ou iPhone 8. Rumores apontam para a possibilidade de que ele chegue a ser vendido no mercado americano por valores superiores a US$ 1.000 (no seu modelo mais caro).

Vale lembrar que neste ano o iPhone completa 10 anos. Por conta disso, o mercado espera um produto especial por conta de Apple.

Nos últimos dias, o rumor principal foi sobre a possibilidade de que o produto venha com tela curva de OLED, que seria produzida pela Samsung. A informação foi publicada por um jornal japonês.

Outras mudanças são aguardadas. O iPhone pode perder o botão físico que estampa sua porção frontal desde o primeiro modelo. Tecnologias de carregamento sem fio da bateria também poderiam encarecer o produto. Ainda se espera uma mudança no design que favoreça a diminuição no tamanho das bordas ao redor da tela.

A expectativa de alta no preço tem sido aguardada por analistas de mercado. Um relatório escrito por Steven Milunovich, da consultoria UBS, e reproduzido pelo site MacRumors afirma que a gama de preços do próximo iPhone deve começar por volta dos 850 dólares.

O modelo com tela maior e com mais capacidade de armazenamento, no entanto, poderia atingir a casa do milhar de dólares, de acordo com Milunovich. Com isso, o produto seria o primeiro lançado nos Estados Unidos a ser vendido por mais de mil dólares.

O modelo mais caro vendido hoje é o iPhone 7 Plus com 256 GB de armazenamento. Ele sair por 970 dólares desbloqueado nos EUA. Por conta disso, não é difícil acreditar que, com a chegada de novos recursos, ele pudesse ultrapassar os mil dólares. 




Spotify dá 50% de desconto para universitários

Mensalidade Nova modalidade de contas premium do Spotify sai por R$ 8,90.


Pesquisa mostra superioridade da Netflix sobre YouTube

75% das residências que possuem WiFi, usaram o Netflix em algum momento.


Número de acessos em 4G cresceu 120% no último ano

Brasil tem atualmente 67 milhões de acessos em 4G.


YouTube lança TV por assinatura nos Estados Unidos

Anunciado em fevereiro pelo Google, o serviço chegou quarta-feira em cinco cidades americanas.


Android supera Windows como principal plataforma

Com isso, o Google supera pela primeira vez a Microsoft nesse quesito.


"Curtidas" geram recursos para ações sociais

A plataforma Curtida.Social é uma espécie de crowdfunding que opera por meio de redes sociais.


Novas regras para registro de softwares no Brasil

Com a redução na burocracia, o registro de softwares cairá de uma média de 100 dias para apenas 7.


Filho sem Fila: o aplicativo que deu certo

Ele foi criado para minimizar problemas urbanos simples que se transformam em um verdadeiro caos.


Público masculino ganha aplicativo exclusivo de moda

Em apenas um clique é possível combinar o que tem no armário sem complicações.


Sinal analógico de TV em SP será desligado quarta-feira

São Paulo e 38 cidades da região metropolitana entram no processo de digitalização do sinal de TV.