4 passos para ler mais rápido e absorver mais conteúdo

Especialista ensina como é possível aumentar mais a capacidade de leitura para melhorar os estudos.


Da Redação

12/04/2017 - 10:30

Quem se dedica aos estudos sempre vai precisar ler muito. Victor Ribeiro, especialista em aprendizagem acelerada e criador do treinamento online Estratégias de Aprovação, explica que a habilidade de ler de forma rápida e mais eficiente é muito vantajosa para quem estuda para concursos, assim também como promove vantagens em todas as atividades intelectuais ao longo da vida.

“Se você pesquisar, vai descobrir que os grandes gênios da história tinham um hábito de leitura muito forte, e isso me faz concluir que a leitura mais eficiente é base para o sucesso”, completa.

Apesar de existirem diversas formas de estudar, seja assistindo aulas presenciais ou audiovisuais, seja ouvindo arquivos de áudio e podcasts, a leitura é a principal base dos estudos. “Se você é um bom leitor, qualquer momento é hora de aprender, pois ela permite que você possa estudar sempre que tiver um tempo, mesmo que de alguns minutos”, explica. Para ajudar a melhorar a rapidez e a efetividade da leitura, Victor destaca quatro passos que ajudam em diferentes pontos importantes. “O objetivo é aumentar a capacidade de absorver mais conhecimento em menos tempo”, explica.

1-Vocabulário

O primeiro passo para aumentar a velocidade da leitura é dominar as palavras e termos técnicos específicos da área. “Quando você lê um texto cheio de termos técnicos com os quais você não tem familiaridade, a velocidade de leitura é muito reduzida”, explica. Assim, Victor conta que as pessoas devem estudar o significado das palavras antes de se dedicarem a uma leitura mais complexa. “Cada tipo de conhecimento possui um grupo de 100 palavras, em média, que facilitam a leitura se você souber o significado delas”, conta, alertando que muitas pessoas acreditam saber o significado das palavras, quando apenas sabem falar sobre elas, mas não aprenderam de fato a definição.

2-Atenção

Depois que o vocabulário referente ao assunto foi dominado, Victor ensina que é necessário trabalhar a atenção que é dada à ação de ler. “Diferente de uma aula, em que o aprendizado chega passivamente, a leitura exige uma ação ativa de prosseguir com a absorção de conteúdo, e isso exige que você esteja totalmente presente”, conta o especialista. “Quando a sua atenção se dispersa em uma leitura, você consegue perceber rapidamente e voltar ao foco, diferente de uma aula, por exemplo, em que você se dá conta de que está pensando em outra coisa depois que o professor já caminhou uma parte da aula, até que você não entende mais nada”, exemplifica. O segredo para aumentar a atenção, segundo Victor, é acelerar a velocidade.

“A nossa atenção tende a ser maior quando lemos a em um passo mais rápido, porque o nosso cérebro entende que precisa estar mais alerta”, explica, destacando que o mesmo acontece quando assistimos a um vídeo. “Tente assistir aos meus vídeos no Youtube a uma velocidade 1.5, e você verá que vai ficar mais atento”, sugere. Victor também indica uma forma de treinar a capacidade de atenção: olhar para o ponteiro dos segundos de um relógio, e tentar permanecer um minuto inteiro sem pensar em mais nada, apenas acompanhando apenas a movimentação dele. “Vai ser difícil no começo, mas você consegue depois de algumas práticas”, incentiva.

3-Velocidade de processamento

Victor conta que o nosso cérebro tem uma velocidade de processamento das informações, como um computador. A diferença, segundo ele, é que o computador tem apenas uma velocidade, enquanto o cérebro pode aprender a se acelerar. “Isso vai determinar quantas palavras de informação ele consegue absorver por segundo, ou quantos pedaços de informação por minuto”. Assim, Victor explica que, com a atenção voltada para a leitura rápida, é possível treinar e cada vez mais aumentar esta capacidade. “Os aprovados nos concursos públicos leem, em média, 350 palavras por minuto, e eu já consegui fazer revisões a 900 palavras por minuto”, destaca, ressaltando que quando se trata de uma revisão de algo já visto, a velocidade deve aumentar”. Segundo o especialista, a velocidade com que as pessoas leem depende da sua velocidade de raciocínio e treinamento.

4- Eliminar vícios


O último passo para aumentar de vez a velocidade de leitura e aprendizado está na eliminação de vícios de leitura. “Infelizmente, a maioria das pessoas é alfabetizada com base em algumas práticas que se tornam vícios negativos para a sua performance”, conta o especialista. Estas práticas são as seguintes: focar-se nas sílabas em vez de ideias ou palavras, já que aprendemos sílaba por sílaba quando estávamos na escola; valorizar os conectores; e repetir as palavras que não foram lidas corretamente. Conforme explica o especialista, o ideal é ler com foco nas ideias que as palavras passam, ou seja, dar o foco da leitura nas palavras com significado, em vez de passar por cada artigo e preposição. “E como nós aprendemos a reler tudo aquilo que líamos errado ou sem entender, acabamos criando um hábito de voltar a frase só para prestar atenção em cada vírgula, quando o sentido do texto já foi captado e você pode seguir adiante”, completa.

Com isso, o especialista explica que o caminho para a leitura está traçado. “Isso vai acabar com a sua insegurança de ler livros e textos”, conta, destacando que muitos estudantes acham que aprendem mais com aulas porque não possuem essa capacidade de atenção e rapidez. “Trace esses passos, e a leitura vai se tornar sua melhor amiga no seu processo de aprovação”.




MEC divulga regras e data do Enade 2017

Enade avalia o rendimento dos alunos concluintes dos cursos de graduação em todo o país.


Universidades públicas podem cobrar por especialização

STF libera Universidades públicas a cobrarem por cursos de especialização se quiserem.


Canadá facilita condições para ida de brasileiros

Canadá amplia oportunidades para estudo e trabalho para brasileiros no país.


Lojas Americanas abre vagas para Programa de Estágio

A empresa busca estudantes para estagiar por 30 horas semanais.


Fundo oferece bolsas para mestrado

Oportunidade é para quem já foi aceito para fazer pós no exterior e está procurando bolsas para mestrado.


10% dos estudantes são vítimas de bullying

Um em cada dez estudantes brasileiros é vítima frequente de bullying nas escolas.


EAD ajuda a conciliar rotina com busca por conhecimento

Sem perder tempo com deslocamento, estudantes optam cada vez mais por essa modalidade.


Espelhos das redações do Enem 2016 saem nesta terça

MEC libera os espelhos da correção das redações do Enem 2016 nesta terça-feira.


Ambev e mais 42 empresas têm vagas para estágio

Confira as oportunidades disponíveis nos programas com inscrições abertas em ordem crescente de térm


Enem: Estudantes surdos terão acesso a vídeo com prova

Estudantes surdos poderão ter acesso a vídeo com prova do Enem traduzida em Libras.