Mais Médicos: fraudes e menos atendimentos

No Brasil, o tempo é fator aliado daquele que deseja errar sem ser punido.


Autor: Sandra Franco

17/03/2017 - 10:00

Vendido pelo Governo Federal como a solução para o atendimento básico de saúde nas cidades brasileiras, o Programa Mais Médicos está entre os projetos que não saem dos holofotes da polêmica.

Levantamento do Ministério da Transparência revelou que muitas prefeituras brasileiras aproveitaram as contratações do programa para demitir outros médicos que já trabalhavam para o município. Além de ser ilegal, essa manobra demonstra que o planejamento e a ideia inicial do programa “foi um tiro pela culatra”.

Vale lembrar aqui que, quando do lançamento do programa, instituições como CFM, AMB apontavam para esse possível deslinde. Assistia razão a elas! De acordo com o estudo, antes do programa, a atenção básica brasileira contava com 47 mil médicos.

De 2012 a 2015, 18 mil médicos do programa foram contratados para ampliar o atendimento no país. Mas no fim da investigação, apenas 54.525 médicos trabalhavam na atenção básica. Dez mil médicos a menos. Na Bahia foi onde essa prática mais ocorreu. As prefeituras tinham 3.400 médicos. Elas receberam 1.600 profissionais do programa, mas nem quatro mil estavam atendendo. Mil a menos do que o esperado.

O levantamento constatou que mais da metade dos médicos do programa substituíram outros e não reforçaram o atendimento à população, como se desejava. O escopo do projeto, conforme definição do governo, era o de melhorar e dar mais efetividade ao atendimento da população.

Talvez tenha faltado preparar melhor os gestores, os quais acabaram por demonstrar, em mais uma oportunidade que não estão preocupados com a população e uma efetiva aplicação dos recursos em uma das áreas mais críticas e fundamentais em qualquer sociedade.

As regras impostas inicialmente pelo Ministério da Saúde para o Mais Médicos se demonstraram fáceis de burlar porque não existe uma fiscalização efetiva de como está sendo realizado o trabalho, como está sendo investido o dinheiro. Não é pouco dizer que mesmo a sociedade civil organizada em órgão como o COMUS (Conselho Municipal de Saúde) ou outras organizações existentes não tem subsídios o suficiente para cobrar maior resolutividade.

A quem se deve recorrer? Ministério Público? Qual o tempo a transcorrer entre a instauração de um Inquérito Civil e as medidas reformativas e/ou punitivas? Neste caso específico, a regra é clara: o município que recebe profissionais do Mais Médicos não pode substituir os médicos da equipe e é obrigado a manter - durante a execução do projeto - os médicos não participantes do programa.

Porém, no Brasil vale a máxima de que “toda regra está aí para ser descumprida”, se assim for conveniente. Segundo o Ministério da Transparência, a União repassou à OPAS - encarregada do pagamento dos médicos cubanos – R$ 4 bilhões. A investigação concluiu que a prestação de contas é incompleta.

Até agora o Ministério da Saúde não apresentou comprovantes para justificar repasses de R$ 316 milhões. O Ministério da Saúde informou que já notificou as prefeituras que não estavam cumprindo as exigências do programa e bloqueou as vagas. Mas e o dinheiro que já foi repassado? E os profissionais que foram demitidos? No Brasil, o tempo é fator aliado daquele que deseja errar sem ser punido.

* Sandra Franco é consultora jurídica especializada em Direito Médico e da Saúde.





Gabriel Diniz gravará DVD em Fernando de Noronha

O DVD intitulado “GD na Ilha” será gravado dia 25/10, em Fernando de Noronha.


Documentário Dia de Folga terá pré-lançamento em BH

Na Tela

Documentário Dia de Folga terá pré-lançamento em BH

A primeira exibição acontece no dia 24 de outubro, no MIS Cine Santa Tereza.


O boom dos serviços de streaming

Noticias Culturais

O boom dos serviços de streaming

Modelo de negócios revolucionou indústria do entretenimento e hábitos dos espectadores mundo afora.


Supermercados apostam nas vendas online

No Brasil, o e-commerce de alimentos ainda está restrito a São Paulo e Rio de Janeiro.



Lollapalooza 2018 divulga programação completa

Notas Musicais

Lollapalooza 2018 divulga programação completa

Festival acontecerá entre os dias 23 e 25 de março em São Paulo.


Pilates pode contribuir no combate a osteoporose

Saúde

Pilates pode contribuir no combate a osteoporose

Dia Mundial da Osteoporose chama a atenção para tratamento, prevenção e alerta do problema.


Cai o número de trabalhadores em grandes empresas

De acordo com o IBGE, o número de trabalhadores em empresas de grande porte caiu 29% em um ano.


Knorr ensina cardápio de receitas vegetarianas

Alimentos e Bebidas

Knorr ensina cardápio de receitas vegetarianas

Outubro é considerado o mês do vegetariano. Que tal usar a ocasião para sair do lugar comum e preparar um cardápio diferente?


Maçaneta higieniza as suas mãos

Tecnologia Máxima

Maçaneta higieniza as suas mãos

Peça é equipada com álcool em gel.


Microsoft integra assistente pessoal ao Skype

Digital

Microsoft integra assistente pessoal ao Skype

Sistema “Cortana” já pode ser acessado nos Estados Unidos.


Moeda virtual pode ser mais transformadora do que a internet

Mundo Empresarial

Moeda virtual pode ser mais transformadora do que a internet

Investidores estimam crescimento do bitcoin e sua mudança no mundo.


Empresas do BH-TEC expandem negócios

Mundo Empresarial

Empresas do BH-TEC expandem negócios

Investimentos sinalizam confiança dos empreendedores no mercado.


Robô jornalista publica 850 matérias em um ano

Digital

Robô jornalista publica 850 matérias em um ano

Temas dos artigos escritos variam das Olimpíadas até as eleições norte-americanas.


Robert Plant descarta nova volta do Led Zeppelin

Cantor criticou aqueles que continuam fazendo apresentações baseadas em material antigo.


Natureza em foco no planejamento urbano de três metrópoles

Ciência & Ambiente

Natureza em foco no planejamento urbano de três metrópoles

Campinas, Belo Horizonte e Londrina pretendem evitar crises hídricas, alimentar a população sem agredir o meio ambiente e otimizar uso do solo.


Bruno Mars é a 1ª atração confirmada Rock in Rio-Lisboa

Notas Musicais

Bruno Mars é a 1ª atração confirmada Rock in Rio-Lisboa

A 8ª edição do Rock in Rio-Lisboa acontece dias 23, 24, 29 e 30 de junho 2018.


FGV: exportações têm crescimento de 15,1% em setembro

A principal alta no volume exportado foi observada na agropecuária (94,5%).



Confira os temas para focar nos estudos para o ENEM

Educação & Capacitação

Confira os temas para focar nos estudos para o ENEM

Faltando um mês para as provas, saiba como identificar temas clássicos e se preparar para o exame.


A cada ano, 3 milhões de jovens abandonam a escola

Educação & Capacitação

A cada ano, 3 milhões de jovens abandonam a escola

Um em cada quatro jovens vai abandonar o ensino médio até o final do ano, diz estudo.


Caixa e BB antecipam pagamento do PIS/Pasep

Correntistas com mais de 70 anos já podem receber o dinheiro dos benefícios.


Crise economica faz brasileiro andar mais a pé

Alimentos e Bebidas

Crise economica faz brasileiro andar mais a pé

Levantamento revela que o brasileiro está caminhando mais e recorrendo ao transporte público.


Receita libera pagamento do 5º lote da restituição do IR

Café Pequeno

Receita libera pagamento do 5º lote da restituição do IR

Restituição do Imposto de Renda dá R$ 2,8 bi a 2,3 milhões de contribuintes.


Um terço dos estagiários paga pela própria faculdade

Educação & Capacitação

Um terço dos estagiários paga pela própria faculdade

Pesquisa mostra que remuneração não é o fator mais importante para o jovem que busca esse tipo de vaga.


 Loja de enxoval de bebê lança robô de compras

Tecnologia Máxima

Loja de enxoval de bebê lança robô de compras

Tecnologia permite que cliente ande virtualmente pela loja de Orlando e escolha produtos remotamente.


Quedas são a maior ameaça ao bem-estar dos idosos

Bem Viver

Quedas são a maior ameaça ao bem-estar dos idosos

Maior parte dos traumas que levam a fraturas ocorre em casa. Saiba o que fazer para evitar.


SUS: crianças com diabetes receberão medicamento mais moderno

Saúde

SUS: crianças com diabetes receberão medicamento mais moderno

O Ministério da Saúde está investindo R$ 135 milhões a mais para ofertar a insulina análoga.