Temer e seu caminho pedregoso

Tempo e espaço são ficções que criamos para exercer nossa lógica.


Autor: Amadeu Roberto Garrido de Paula

10/04/2017 - 09:00

Só, evidentemente, os humanos os consideram. Neles navegamos. Produtos de equações acuradas de nossos sábios permitiram o desenvolvimento da vida. Nosso tempo previsível é o que medeia entre nascimento e morte, se nenhuma condição extraordinária tiver o condão de romper a previsão.

Espaço vem do recorte geopolítico de nossos povos, que estabelecem soberanias, linguagens, costumes, numa diversidade que fez a heterogenia do homem. Em verdade, essas duas verdades abstratas, projetadas pela razão, sempre andaram juntas e firmaram nossos destinos.

Poucas vezes o tempo e o espaço condicionaram tanto a vida nacional brasileira. Nosso imenso espaço político e suas diversidades não permitem que um governo provisório, enredado em compromissos de ética menor dos quais não pode fugir, herança maldita do que se foi tarde, atenda de imediato aos reclamos dos inúmeros povos que vivem no Brasil.

Por exemplo, a completude da transposição do rio São Francisco, que há pouco dois grupos reivindicaram radiantes, às margens plácidas de outro córrego da Independência. Nem neste, nem no próximo governo, livremente eleito, e bom, se Deus quiser, essa obra grandiosa será completada.

É preciso muito diálogo com as populações afetadas e o desenvolvimento da consciência de que o nordeste, neste mundo conturbado onde sobra dinheiro em contas correntes chinesas e outras, pode ser vocacionado ao turismo e precisará menos das águas do velho Chico, por mais que esse raciocínio imploda fetiches.

O tempo é fatal ao governo de Michel Temer. Pouquíssimo tempo e vasta imperiosidade de fazer conchavos, com seu PMDB fâmulo das posses privadas e outras agremiações famintas que passaram a integrar sua base de apoio.

Enquanto o governo não faz milagres, a esquerda, a plenos pulmões, solta sua gritaria por meio de vozes que se tornaram fracas ou roucas pela corrupção que consumiu seus antigos timbres da esperança ética. Essa a razão pela qual o governo transitório resume sua agenda. Para ver o possível, porque não vemos muito.

E, ainda, de modo infeliz, anatemiza a previdência e as relações de trabalho, a ponto mesmo de cogitar de medidas provisórias para revogar instituições jurídicas que se formaram universalmente e no decorrer de mais de um século. Cremos que Temer deveria preocupar-se tão somente em sanear o pesado Estado brasileiro.

Não o conseguiria, por inteiro, mas, pelo menos, passaria a seu sucessor um fardo menor. Diminuiria o tamanho e melhoraria a administração federal, em todos os níveis, inclusive no continental INSS, em que as atividades-meio consomem mais recursos que os benefícios, apontados como os grandes vilões do debacle.

Quanto à reforma trabalhista, deveria conduzir, com sua autoridade, diálogos muito profundos, entre empregados e empregadores, durante todo seu mandato, a fim de prepar-se um Código do Trabalho e de Processo do Trabalho.

Muitas ideias brilhantes poderiam surgir, de grandes especialistas e, principalmente, dos protagonistas, patrões, empregados e profissionais liberais, da nossa atividade econômica. Nossas leis duradouras foram feitas ao longo de décadas, como o Código Civil. No século XXI, claramente, podemos abreviar esse tempo.

Mas elas não brotarão desse congresso e desses inomináveis compromissos que o governo tem de amarrar com seus súcubos e cujos nós já se soltam. Não é preciso, Presidente Temer, escolher temas que, no imaginário político, poderiam vencer o desafio do tempo e do espaço. Sua posse foi inquestionavelmente constitucional.

Ocorre que constitucionalidade não é legitimidade. Esta vem das urnas. Prepare o cenário para que novo político comece, apenas comece, a salvar o Brasil. O senhor não é salvador da pátria. Nem o próximo o será, mas estará forrado daquele manto que não o agasalha. E poderá dar o passo inicial da criação.

Sim, o Brasil precisa ser criado. Os últimos dois governos apregoavam que eram seus criadores, "como algo jamais visto na história deste País". Envergonharam-se feitos marolinhas numa praia respeitável. Os sebastianistas esperam um líder. Ele não virá. Poderão vir ocasiões, se o senhor preparar devidamente a sucessão.

Se padeces de receios ante os movimentos da justiça brasileira, paciência, fizeste parte do pacto de Fausto com Mefisto. A Justiça não pode e não deve parar. E que as urnas sejam dignas de todos os brasileiros, não, mais uma vez, ferramenta demagógica de uma burocracia empedernida.

* Amadeu Roberto Garrido de Paula é Advogado e sócio do Escritório Garrido de Paula Advogados, com uma ampla visão sobre política, economia, cenário sindical e assuntos internacionais.





Smirnoff compra marca de tequila de George Clooney  por US$ 1 bi

Dona de marcas como Johnnie Walker, Smirnoff e Guinness, a Diageo acaba de fechar a compra da Casamigos, marca de tequila do ator George Clooney.


Comer mais chocolate no frio faz bem para a saúde

Alimentos e Bebidas

Comer mais chocolate no frio faz bem para a saúde

Além do bem-estar, se aliado a uma dieta balanceada, o chocolate torna-se benéfico para a saúde.


Produção industrial cresce e emprego cai em maio

Mundo Empresarial

Produção industrial cresce e emprego cai em maio

CNI divulga pesquisa Sondagem Industrial de maio com indicadores positivos.


Iphan abre concurso para premiar mestres do carimbó

Serão premiados 10 mestres e mestras que contribuem para a continuidade da tradição do ritmo carimbó



Harry Potter completa 20 anos e ainda é sucesso

Na Tela

Harry Potter completa 20 anos e ainda é sucesso

Duas décadas atrás ninguém imaginava que a autora J. K. Rowling ganharia milhões com a história do jovem bruxo.


Príncipe Harry diz que ninguém quer ser rei ou rainha

Café Pequeno

Príncipe Harry diz que ninguém quer ser rei ou rainha

Harry é o quinto na linha sucessória, ficando atrás do pai, do irmão e dos sobrinhos.


ONU: Pobreza diminuiria através das educações primária

Pobreza pode cair pela metade se adultos completarem ensino secundário, diz ONU.


Paula Fernandes apresenta turnê Acústico - Voz e Violão

Notas Musicais

Paula Fernandes apresenta turnê Acústico - Voz e Violão

Teatro Sesc Palladium em Belo Horizonte recebe no dia 08 de julho a turnê da cantora Paula Fernandes


Site facilita busca por instituições de ensino públicas

Digital

Site facilita busca por instituições de ensino públicas

Startup de Belo Horizonte cria o “Beduka – O buscador das instituições de ensino”.


Professores da rede pública ganham, em média, R$3,3 mil

Educação & Capacitação

Professores da rede pública ganham, em média, R$3,3 mil

Na rede privada, a média de salários é de R$ 2,59 mil.


Cresce o faturamento da empresas de turismo em 2017

Mundo Empresarial

Cresce o faturamento da empresas de turismo em 2017

Empresas de turismo têm faturamento médio de 4,3% no primeiro trimestre do ano.


PIS/Pasep está disponível para saque até dia 30

Café Pequeno

PIS/Pasep está disponível para saque até dia 30

O abono PIS é pago pela Caixa Econômica Federal e o Pasep pelo Banco do Brasil.


Cachorros podem substituir máquinas no diagnóstico de câncer?

Entre Patas

Cachorros podem substituir máquinas no diagnóstico de câncer?

Por meio de experimentos, cientistas tentam descobrir que moléculas associadas a tumores cães são capazes de detectar e com que precisão.


Kim Kardashian e Kanye West contratam barriga de aluguel

Casal planeja ter o terceiro filho e vai desembolsar mais de 110.000 dólares com procedimento.


Twitter liberará pagamento artistas que usam Periscope

Tecnologia Máxima

Twitter liberará pagamento artistas que usam Periscope

Twitter vai permitir que artistas recebam dinheiro de fãs com transmissão de vídeos no Periscope.


Golpe do Uber já afetou mais de 40 mil brasileiros

Digital

Golpe do Uber já afetou mais de 40 mil brasileiros

Vítima é enganada por hacker e tem seus dados pessoais roubados.


250 milhões de pessoas consumiram drogas em 2015

Relatório da ONU aponta que o número de consumidores de drogas se mantém estável há cinco anos.



Construção civil no Brasil registra números negativos

Café Pequeno

Construção civil no Brasil registra números negativos

Empreendimentos da construção civil têm queda de 16,5% entre 2014 e 2015.


Inverno inicia e deve ter El Niño de baixa intensidade

Bem Viver

Inverno inicia e deve ter El Niño de baixa intensidade

Estação se caracteriza pela chegada de massas de ar frio, procedentes do Sul do continente.


Dicas de Viagem e Moda – bolsas italianas La Tilde

Em que cada lugar por onde passo, cada cidade, gosto de procurar alguma coisa bem diferenciada e me delicio quando encontro!


John Mayer faz show em Belo Horizonte dia 20 de outubro

Notas Musicais

John Mayer faz show em Belo Horizonte dia 20 de outubro

Ingresso para o show na capital mineira começam a ser vendidos nesta sexta-feira, 23 de junho.


Couve: a nova queridinha do pós-treino

Alimentos e Bebidas

Couve: a nova queridinha do pós-treino

Médico revela benefícios da folha e ensina receita de suco verde saudável.


Minas é líder em geração distribuída

Energia para a Vida

Minas é líder em geração distribuída

Energia gerada nas residências, no comércio, na indústria e no campo ajuda a reduzir o valor da conta dos produtores.


Uma leitura obrigatória sobre pessoas desaparecidas

Para Ler & Reler

Uma leitura obrigatória sobre pessoas desaparecidas

Todos os anos aproximadamente 200 mil pessoas desaparecem no Brasil.


Orientações para um reposicionamento profissional adequado

Mundo Empresarial

Orientações para um reposicionamento profissional adequado

Alguns cuidados devem ser tomados antes de qualquer ação de mudança de emprego.


Penne com molho rosé e shitake

Alimentos e Bebidas

Penne com molho rosé e shitake

A chef Madelaine Seagram, da Fit Food, desenvolveu esta receita especial e de fácil preparo.