Polêmico Ato Médico será votado nesta terça-feira

Em tramitação há dez anos no Congresso Nacional, o texto do Projeto de Lei não é consenso entre as profissões da saúde.


Da Redação

26/11/2012 - 18:00

O Projeto de Lei (PLC nº 7703/2006 / PLS 268/2002), conhecido como Ato Médico, que define as atividades de prática privativa entre médicos, será discutido e votado em reunião ordinária, nesta terça-feira (27), às 11h, pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) do Senado Federal.

O texto do Projeto de Lei não é consenso entre as profissões da saúde. A principal crítica ao PL é quanto à interferência direta da medicina na autonomia das outras profissões da área da saúde, impedindo o trabalho interdisciplinar e multiprofissional.

Com origem no Senado Federal, o PL do Ato Médico passou recentemente por análise da Câmara dos Deputados na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), onde foi aprovado,  e hoje encontra-se novamente no Senado, como substitutivo PLS 268/2002, na Comissão de Educação.

O projeto deve passar, em seguida, pela Comissão de Assuntos Sociais (CAS), segue para apreciação do plenário, último passo antes da sanção presidencial.

Segundo o presidente do Conselho Federal de Psicologia (CFP), Humberto Verona, a Psicologia tem sido contrária a esse PL desde seu início e continua mantendo sua posição “por entender que ele retira dos profissionais da saúde o diagnóstico e a indicação terapêutica compartilhada para os usuários da saúde. A ditadura do diagnóstico médico será um grande retrocesso no cuidado multiprofissional e interdisciplinar, especialmente no SUS”, alerta.

Diante disso, o CFP vem realizando uma campanha contra a aprovação do Projeto de Lei. Quem quiser se posicionar contrário ao Ato Médico acesse o site do Conselho ou assine o manifesto.




Descubra quantas calorias você perde ao fazer exercícios

Atividades mais procuradas por quem deseja cuidar da saúde e manter o corpo em forma proporcionam resultados diferentes.

Fibromialgia: doença ou imaginação?

Muitas pessoas, hoje em dia, que procuram pela medicina tradicional e queixam-se de dores que circulam pelo corpo todo, são diagnosticadas com fibromialgia.

Pesquisa: obesidade em alta no Brasil

Enquanto não se atingir condições de prevenção desde o nascimento, as ações relacionadas ao controle do aumento do sobrepeso e da obesidade claramente terão pouco sucesso.

Cirurgia bariátrica não é tão simples quanto parece

Pacientes no pós-operatório podem apresentar complicações nutricionais.

Trabalhar mais de 55 horas semanais aumenta risco de enfarte

O risco aumenta em 33% quando se compara com uma jornada de 35 a 40 horas semanais.

Retiradas das amígdalas, em alguns casos, é indispensável

Especialista do Hospital CEMA explica qual a função deste órgão e quando a extração deve ou não ser realizada.

Nova droga oferece maior controle em casos de câncer de mama

Tratamento reduz efeitos colaterais e apresenta resultados promissores.

Razões para você doar leite materno

Ao fazer isso, você aumenta as chances de vida de bebês prematuros internados em Unidades Neonatais.

Estudo: chá verde pode dificultar a digestão de carboidratos

A pesquisa foi divulgada na "Scientific Reports", uma publicação do grupo editorial "Nature".

Margarina o grande vilão dos ataques cardíacos

O estudo foi publicado no British Medical Journal e pode mudar tudo que se sabe sobre dietas.




Copyright © 2015 Todos os direitos reservados