Termômetro com mercúrio ficam proibidos a partir de 2019

Anvisa aprova resolução que proíbe venda de termômetro com mercúrio.


Da Redação

08/03/2017 - 11:20

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou terça-feira (7) uma resolução que proíbe a comercialização de termômetros e aparelhos de medir pressão que utilizam mercúrio. A medida vale a partir de 2019.

De acordo com a Anvisa, a proposta de proibir o uso desses equipamentos no país faz parte do compromisso do Brasil de banir produtos com mercúrio até 2020.

Os aparelhos têm uma coluna transparente, contendo mercúrio no interior, com a finalidade de aferir valores de temperatura corporal (no caso do termômetro) e pressão arterial (no caso do esfigmomanômetro).

Em junho do ano passado, a agência abriu consulta pública sobre o tema. Na ocasião, a agência destacou o compromisso firmado com a Convenção de Minamata, onde 140 países, incluído o Brasil, se comprometeram com o controle do uso e redução de emissões e liberações do mercúrio para a natureza. A Anvisa destaca que no mercado já existem os termômetros e medidores de pressão digitais, alternativos aos com a coluna de mercúrio.

Termômetros mais caros

A reportagem da Agência Brasil entrou em contato com duas redes de farmácias. Uma delas já não comercializa mais o termômetro de mercúrio.

Na farmácia que comercializa ambos, o termômetro digital custa quase o dobro daquele feito com coluna de mercúrio. O primeiro custa R$ 19,90 e o segundo R$ 10. O aparelho digital, que funciona alimentado por uma bateria, tem a vida útil mais curta que o termômetro feito de mercúrio que, se não sofrer quedas, pode durar, como disse o próprio vendedor ao repórter, “a vida toda”.

Fonte: Agência Brasil




Workshop tira dúvidas sobre autismo

O Instituto Neuro Saber vai promover uma semana de aulas gratuitas e online com o neuropediatra Clay Brites.


9 mitos e verdades sobre alergia

Especialista lista dúvidas frequentes sobre crises alérgicas e alergias em geral.


Campanha faz alerta sobre a tuberculose

Incidência da doença teve redução de 14,1% nos últimos dez anos.


Anvisa proíbe fabricação e venda de energético

Anvisa determinou que a empresa promova o recolhimento do estoque existente no mercado.


Plataforma indica o melhor psicólogo para cada paciente

Startup desenvolve ferramenta que facilita o acesso dos brasileiros a sessões de terapia.


Na Índia, doces para os meninos e lágrimas para as meninas

A preferência dos pais por herdeiros homens provoca milhões de abortos e punição às mães.


Leitos psiquiátricos no SUS diminuem 40% em 11 anos

SUS fechou 85 hospitais e quase 16 mil leitos psiquiátricos desde 2015, diz CFM.


Casos de chikungunya disparam em Minas

Somente em 2017, foram notificados 2.296 casos pela Secretaria de Saúde de Minas.


Os sabotadores da dieta. Como vencê-los?

Muitas pessoas preferem culpar fatores externos pelo fracasso do próprio emagrecimento.


Bahia recebe 307 mil testes para diagnóstico de Zika

Ministério da Saúde distribuirá os testes rápidos em toda a rede pública do país por meio do SUS.



...


...