Tratamento pode corrigir orelhas de bebês

A moldagem de orelha no período neonatal pode corrigir deformidades e malformações sem cirurgias.


Da Redação

04/04/2017 - 17:00

Para os bebês com malformações congênitas da orelha, um sistema de tratamento chamado EarWell pode remodelar suavemente a orelha, evitando a dor e o custo de uma cirurgia posterior, relata um estudo publicado na edição de março do Plastic and Reconstructive Surgery®, jornal médico oficial da Sociedade Americana de Cirurgiões Plásticos (ASPS).

Mas o tratamento deve começar cedo, de preferência nas três primeiras semanas após o nascimento, de acordo com cirurgião Steve Byrd (autor do estudo), em Dallas. O Dr. Byrd comenta. "O sistema EarWell é eficaz na eliminação ou na redução da necessidade de cirurgia em todas as malformações congênitas da orelha, com exceção da mais grave".

No estudo, os pesquisadores revisaram sua experiência com a correção não cirúrgica das malformações congênitas da orelha em 175 crianças. “O sistema EarWell é uma técnica relativamente simples para moldar e remodelar a orelha, aproveitando a maior maleabilidade da cartilagem da orelha em recém-nascidos.

Para melhores resultados, o tratamento deve iniciar-se nas primeiras três semanas após o nascimento, ou, consequentemente, mais tarde, em recém-nascidos prematuros”, afirma o cirurgião plástico Ruben Penteado, diretor do Centro de Medicina Integrada.

A técnica e a duração do tratamento de EarWell variam de acordo com o tipo e gravidade da deformidade da orelha da criança.

O tratamento foi altamente bem sucedido na correção ou redução da gravidade das malformações congênitas da orelha. Os resultados foram julgados bons/ excelentes em 97% das orelhas com uma deformidade simples e em 88% com deformidades “mistas”, mais complexas. Cerca de 70% das orelhas com malformações constritivas foram classificadas como não tendo deformidade após o tratamento.

Embora o sistema de EarWell não seja novo, o relatório é o maior estudo de malformações congênitas da orelha tratadas com essa abordagem, incluindo uma abordagem padronizada para tratamento e avaliação dos resultados. Os resultados apoiam fortemente o uso do método, especialmente em lactentes com deformidades e malformações menos graves.




Programa Mais Médicos oferta 2.394 vagas a brasileiros

Saúde quer ampliar participação de profissionais formados no Brasil. Inscrições vão até 26 de abril.


Escolas públicas terão vacinação e ações ante obesidade

Ministério da Saúde vai destinar R$ 89 milhões e repassará recursos em parcela única.


Fiocruz cria aplicativo para pesquisar doenças

Com o aplicativo, os especialistas recebem os dados regionais diretamente das populações.


"É mito dizer que comer saudável é caro"

Um em cada cinco brasileiros está obeso, ainda que o consumo de açúcar tenha caído pela metade.


Dúvidas e indicações para o implante dentário

Há dois principais tipos de implantes que devem ser realizados de acordo com cada caso.


Saúde aprova venda e aplicação de vacinas em farmácias

Medida foi autorizada após surto de febre amarela e dengue no país.


Anvisa prepara projeto para 'rastrear' medicamentos

Anvisa firma convênio com a USP para projeto-piloto de rastreabilidade de medicamentos.


A população está preparada para envelhecer?

Deficiência auditiva atinge um terço das pessoas acima de 65 anos e metade de quem tem mais 75 anos


Inicia a mobilização nacional de vacinação contra gripe

A vacina permite a proteção contra os vírus A(H1N1), H3N2 e influenza B.


Dez dicas para incluir a água no seu dia a dia

Dicas importantes para ajudar aqueles que não sentem vontade de tomar água.