Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Agrointeligência: o futuro do café

Agrointeligência: o futuro do café

14/09/2016 Valéria Vilela

Produzir com sustentabilidade é o desafio e as novas tecnologias vão ajudar a melhorar a qualidade na lavoura.

Agrointeligencia é o uso das tecnologias e descobertas cientificas a serviço da produção de alimentos. A imagem do produtor rural de chapéu e enxada já não retrata mais a realidade do trabalhador do campo.

Mesmo em locais mais distantes dos centros industrializados o celular tem sido o grande aliado do agronegócio. Os aplicativos são usados para melhorar e dar maior precisão ao dia rural, é também a forma encontrada pelos grandes produtores para otimizar e melhorar a administração de cuidados e tratos culturais.

Os produtores têm as demandas, as empresas querem vender os equipamentos, e as universidades e academias produzem conhecimento. É urgente no Brasil unir as três cadeias para termos uma lavoura cafeira mais sintonizada com o consumidor final de café.

Precisamos levar ao comprador do cafezinho no exterior o máximo de dados sobre como produzimos nas nossas lavouras. Os cuidados com os grãos, o respeito a natureza e qualidade de vida que os trabalhadores das lavouras de café recebem precisam ser divulgados agregando valores aos grãos.

Há um papel estratégico dos produtores de alimentos para os próximos anos, o futuro da cafeicultura precisa ser pensado agora. O que vai fazer a diferença será como aplicamos na cadeia da cafeicultura a tecnologia agrícola existente.

A FAO – o braço da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação – fez duras criticas a países como México que para produzir alimentos tem cometido erros como a falta de inovação e transferência de tecnologias para pequenos produtores, além de assistência técnica com inclusão social.

Criticas que os cafeicultores precisam evitar com o uso da agro inteligência associada a políticas de preços, o que se faz urgente e imprescindível é a agilidade nos processos de informação. De forma simplificada, a sustentabilidade é um dos braços da agro inteligência aplicada no campo, já que o atendimento das necessidades das gerações atuais, sem comprometer a possibilidade de satisfação das gerações futuras passa pelas tecnologias e pela ciência.

Sempre observando os aspectos sociais, ambientais e econômicos, os cafeicultores também tem ao longo da historia incentivando a longevidade da atividade cafeeira com praticas ambientais. O Brasil é o maior produtor e exportador e segundo consumidor de café do mundo.

O café é produzido em 14 estados da Federação, possui atualmente uma área plantada de 2,3 milhões de hectares, com aproximadamente 6 bilhões de pés, está presente em cerca de 1.900 municípios e emprega direta e indiretamente aproximadamente 8,4 milhões de trabalhadores.

Entre os países produtores de café, o Brasil é o que se encontra em relevante posição quanto ao conceito de sustentabilidade. Os cafeicultores familiares representam 80% das propriedades com trabalhadores que cumprem as normas que abrangem o uso correto e seguro de produtos fitossanitários, proibição do emprego de trabalho infantil, segurança e direitos do trabalhador, reciclagem de embalagens de produtos químicos, uso correto de água para irrigação e limites para desmatamento.

Assim para uma cafeicultura agrointeligente se faz necessário praticas de sustentabilidade usando tecnologias sem afetar custos. Com relação a investimentos em infraestrutura que tragam impactos na rentabilidade das famílias dos produtores de café.

Bem como uma cafeicultura agrointeligente que garanta preços mínimos e competitividade nos mercados interno e externo. Os aspectos sociais e ambientais dependem diretamente da situação econômica da atividade.

Por isso, a renda do setor cafeeiro esta diretamente ligada a velocidade com que as novas descobertas são aplicadas nas lavouras de modo a minimizar os impactos dos clima .

* Valéria Vilela é jornalista especializada no agronegócio com ênfase no mercado de café.



Alimento orgânico ou convencional: qual é o melhor?

Por incrível que pareça, a polaridade existente em muitos assuntos do nosso cotidiano também se aplica aos alimentos.

Alimento orgânico ou convencional: qual é o melhor?

Como o agronegócio se beneficia com a energia solar

Adicionar energia solar a uma propriedade rural não apenas melhora os resultados, mas também é ecologicamente correto.

Como o agronegócio se beneficia com a energia solar


2022 promete

Nas últimas décadas, o agronegócio deu uma grande e importante contribuição à economia brasileira.

2022 promete

Cibersegurança: os desafios para implementação do 5G no agronegócio

No Brasil, existem muitas questões burocráticas de autorizações, impostos excessivos e um grande problema de infraestrutura.

Cibersegurança: os desafios para implementação do 5G no agronegócio

Valor da produção agropecuária de 2022 deve chegar a R$ 1,227 trilhão

Algodão em pluma, banana, batata inglesa, café, cana-de -açúcar, milho e trigo estão entre os produtos com melhor desempenho.

Valor da produção agropecuária de 2022 deve chegar a R$ 1,227 trilhão

Seis produtos da agricultura familiar terão bônus de desconto do PGPAF em abril

O produtor recebe o bônus quando o preço de seu cultivo fica abaixo do valor de referência do programa.

Seis produtos da agricultura familiar terão bônus de desconto do PGPAF em abril

Produção agrícola deve atingir 269,3 milhões de toneladas, diz Conab

O número é 5,4% maior do que o registrado na safra anterior.

Produção agrícola deve atingir 269,3 milhões de toneladas, diz Conab

Pesquisa revela benefícios de adubos feitos a partir do lodo de esgoto

Estudo está sendo feito em cultura de soja e milho.

Pesquisa revela benefícios de adubos feitos a partir do lodo de esgoto

Comércio exterior do agronegócio tem saldo de US$ 9,3 bi em fevereiro

Balança comercial registra superávit de US$ 4,0 milhões.

Comércio exterior do agronegócio tem saldo de US$ 9,3 bi em fevereiro

Brasil terá crédito de US$ 1,2 bilhões para projetos agrícolas

Convênio foi assinado com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Brasil terá crédito de US$ 1,2 bilhões para projetos agrícolas

Brasil registra recorde no abate de frangos em 2021

Foram abatidas 198,87 milhões de cabeças, alta de 2,8%.

Brasil registra recorde no abate de frangos em 2021