Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Auto-cancelamento, quem nunca?

Auto-cancelamento, quem nunca?

10/03/2021 Juliana Valentim

Cancelamento é o conceito da vez, palavrinha famosa que tem passado de boca em boca sempre ganhando roupas novas.

Auto-cancelamento, quem nunca?

Na essência, nada mais é do que um julgamento perpétuo ao que consideramos um erro grave do outro. Diante da nossa incapacidade de perdoar e esquecer, cancelamos as pessoas.

Nada que nunca tenha sido feito ao longo da história, mas, nos tempos atuais, o cancelamento ganha proporções compatíveis com o alcance da Internet. Ou seja, o cancelado é cancelado publicamente e por muito mais gente.

Talvez a pessoa tenha feito mesmo algo muito grave, mas o que vemos é um movimento para que repensemos este tipo de punição. Às vezes, ela é justa, às vezes, não. E isso serve pra gente com a gente mesma, quem nunca sofreu uma autopunição?

Todos nós conhecemos alguém que se cancelou, que nunca se perdoou por um erro do passado, por uma escolha, por uma estrada, por uma palavra que não deveria ter sido proferida. Há quem se cancele por toda uma vida! E sofre, é claro!

São pessoas que andam por essa terra sem se olhar nos olhos, com os espelhos sempre tampados para não enxergar o próprio reflexo. Todo mundo já se sentiu assim alguma vez na existência, como se não fosse digno de perdão.

Faz parte da natureza humana a vergonha de si mesmo, mas, em algum momento, ela precisa passar. E dar lugar a uma coisa bonita que nos faz seguir, sem carregar tantas culpas. Porque as coisas essenciais, invisíveis que são, cabem dentro do bolso ou na palma da mão. O resto é peso na alma, tralha que não compensa levar, é corrente que prende ao chão e atrapalha o caminhar.

Há indivíduos que possuem uma enorme facilidade em perdoar os outros, mas quando o assunto é o próprio erro, tratam-se com desdém. E não é justo negar a si mesmo um abraço! Se você não faz, quem o fará?

No fim das contas, no fim do mundo, qualquer que tenha sido o erro, a gente sempre pode voltar pra casa, para o aconchego do próprio peito, onde tem a cama pronta e rango no fogão, onde a música toca bem alto. Lulu Santos, talvez. A gente sempre pode voltar pra casa, para nossa casa de dentro... Outra vez!

* Juliana Valentim é jornalista e escritora, com vasta experiência também na área de comunicação corporativa. Autora de três livros, transita por diferentes gêneros literários, passando pelas crônicas, poesias e romances. 

Para mais informações sobre a Perdão clique aqui...

Fonte: LC Agência de Comunicação



Minas mobiliza população para receber proteção contra sarampo e gripe

Ações para estimular a vacinação ocorrem em todo o estado, pois coberturas contra o sarampo e a gripe continuam baixas.

Minas mobiliza população para receber proteção contra sarampo e gripe

A esperança é o combustível da vida

A esperança corresponde à aspiração de felicidade existente no coração de cada pessoa.

A esperança é o combustível da vida

Amar a si mesmo como próximo

No documentário “Heal” (em Português, “Cura”), disponível no Amazon Prime, há um depoimento lancinante de Anita Moorjani, que, em Fevereiro de 2006 chegou ao final de uma luta de quatro anos contra o câncer.


O peso da improbidade no destino das pessoas

O homem já em tempos pré-históricos se reunia em volta das fogueiras onde foi aperfeiçoada a linguagem humana.


Terapia de estimulação cerebral profunda pode reduzir até 80% dos tremores causados pelo Parkinson

A cirurgia é um recurso muito importante e deve ser considerada para alguns pacientes.

Terapia de estimulação cerebral profunda pode reduzir até 80% dos tremores causados pelo Parkinson

A educação é o caminho da liberdade

O atendimento socioeducativo ao adolescente em conflito com a lei é um desafio e necessita de um olhar resiliente e reflexivo, visto que é considerado um momento oportuno de mudanças.


O Influenza também está no nosso foco

Falar em vacinação nos dias de hoje nos tende a remeter quase que exclusivamente ao combate à Covid-19.

O Influenza também está no nosso foco

A nova era da Telemedicina no Brasil

Alguns números atestam que as consultas virtuais estão sendo utilizadas cada vez mais no país.

A nova era da Telemedicina no Brasil

Para onde foram os nutrientes que estavam aqui?

A maioria das culturas vegetais são produzidas com a ajuda de solos fertilizados. O alto uso de fertilizantes nitrogenados tende a reduzir o teor de vitamina C em muitas frutas e hortaliças.


Transtornos psiquiátricos catalisados pelo luto de vítimas de COVID-19

Médico psiquiatra comenta a situação exclusiva de pessoas que perderam parentes queridos durante a pandemia. A ansiedade e o transtorno de humor são os mais prevalentes nesses casos.

Transtornos psiquiátricos catalisados pelo luto de vítimas de COVID-19

Pesadelo na hora do sono: apneia atinge 70 milhões de brasileiros

Por muito tempo o hábito de roncar tem sido visto como motivo de chacota ou algo corriqueiro.

Pesadelo na hora do sono: apneia atinge 70 milhões de brasileiros

Qual é o melhor presente do dia das mães?

O mês de maio é reconhecido como o mês das mães em vários lugares do mundo.

Qual é o melhor presente do dia das mães?