Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Meninos descrevem resgate milagroso

Meninos descrevem resgate milagroso

18/07/2018 Deutsche Welle

Em primeira aparição pública, jovens retidos em caverna contam como lutaram contra a fome.

Meninos descrevem resgate milagroso

Após receberem alta, os 12 meninos tailandeses e o técnico de futebol que ficaram retidos por mais de duas semanas nos confins de uma caverna inundada na Tailândia fizeram, nesta quarta-feira (18/07), sua primeira aparição pública desde o resgate que comoveu o mundo.

"Foi um milagre", disse um dos garotos, Adul Sam-on, de 14 anos, sobre o momento em que foram encontrados por mergulhadores. "Foi mágico. Tive que pensar muito antes de conseguir responder às perguntas [dos mergulhadores]", descreveu em entrevista coletiva transmitida pela televisão.

Outro dos integrantes do grupo contou que o grupo só bebeu água de estalactites na caverna. Sem comida, eles sobreviveram apenas com água da chuva por nove dias até serem encontrados.

"Eu disse a todos para continuarem lutando e não se desesperarem", disse um dos meninos. "Eu não tinha forças, tentava não pensar sobre comida para não ficar com mais fome", completou o mais novo do grupo, Titan.

Vestindo camisas de futebol, os garotos sorriam e brincavam com uma bola de futebol ao chegaram ao local da entrevista, em Chiang Rai, no norte do país. Com aparência saudável, os garotos sorriam e faziam saudações tradicionais tailandesas.

Médicos, familiares e amigos receberam, aplaudiram e abraçaram os garotos, com idades entre 11 e 16 anos, e seu técnico numa equipe de futebol juvenil, de 25 anos.

O grupo planejava explorar o complexo de cavernas Tham Luang por cerca de uma hora após o treino de futebol de sua equipe Wild Boars, no último dia 23 de junho, mas fortes chuvas inundaram os túneis, deixando-os presos.

Eles revelaram que cavaram em busca de uma saída antes de serem localizados e chegaram a avançar três ou quatro metros.

"Nós nos revezávamos para cavar as paredes da caverna", disse o técnico de futebol, Ekkapol Chantanwong. "Não queríamos ficar esperando até que autoridades nos encontrassem."

O grupo acabou sendo encontrado nove dias depois por dois mergulhadores britânicos, a quase quatro quilômetros da entrada da caverna e após intensas buscas, das quais participaram mais de 1.300 pessoas.

O resgate, conduzido por uma equipe internacional formada por cerca de 20 especialistas, levou três dias. Segundo Chantanwong, a força física dos meninos não determinou a ordem em que foram resgatados. O técnico também afirmou que todos sabiam nadar, mas alguns não muito bem.

Na entrevista coletiva, dois dos garotos seguravam um retrato a lápis de Samarn Kunan, o ex-mergulhador da Marinha tailandesa que morreu durante as operações de preparo para o resgate, ao colocar tanques de oxigênio na caverna.

"Todos ficaram muito tristes. Eles sentiram como se fossem o motivo pelo qual ele teve de morrer, e sua família, de sofrer", disse Chantanwong.

Médicos afirmaram que os 13 jovens estão saudáveis física e psicologicamente. Desde o complexo resgate, encerrado na última terça-feira, os garotos ganharam uma média de três quilos cada, após perderem uma média de dois quilos. Alguns tiveram pequenas infecções tratadas, mas todos se recuperaram bem.

"Meu sonho é ser um jogador de futebol profissional", disse um dos garotos. 



Minas mobiliza população para receber proteção contra sarampo e gripe

Ações para estimular a vacinação ocorrem em todo o estado, pois coberturas contra o sarampo e a gripe continuam baixas.

Minas mobiliza população para receber proteção contra sarampo e gripe

A esperança é o combustível da vida

A esperança corresponde à aspiração de felicidade existente no coração de cada pessoa.

A esperança é o combustível da vida

Amar a si mesmo como próximo

No documentário “Heal” (em Português, “Cura”), disponível no Amazon Prime, há um depoimento lancinante de Anita Moorjani, que, em Fevereiro de 2006 chegou ao final de uma luta de quatro anos contra o câncer.


O peso da improbidade no destino das pessoas

O homem já em tempos pré-históricos se reunia em volta das fogueiras onde foi aperfeiçoada a linguagem humana.


Terapia de estimulação cerebral profunda pode reduzir até 80% dos tremores causados pelo Parkinson

A cirurgia é um recurso muito importante e deve ser considerada para alguns pacientes.

Terapia de estimulação cerebral profunda pode reduzir até 80% dos tremores causados pelo Parkinson

A educação é o caminho da liberdade

O atendimento socioeducativo ao adolescente em conflito com a lei é um desafio e necessita de um olhar resiliente e reflexivo, visto que é considerado um momento oportuno de mudanças.


O Influenza também está no nosso foco

Falar em vacinação nos dias de hoje nos tende a remeter quase que exclusivamente ao combate à Covid-19.

O Influenza também está no nosso foco

A nova era da Telemedicina no Brasil

Alguns números atestam que as consultas virtuais estão sendo utilizadas cada vez mais no país.

A nova era da Telemedicina no Brasil

Para onde foram os nutrientes que estavam aqui?

A maioria das culturas vegetais são produzidas com a ajuda de solos fertilizados. O alto uso de fertilizantes nitrogenados tende a reduzir o teor de vitamina C em muitas frutas e hortaliças.


Transtornos psiquiátricos catalisados pelo luto de vítimas de COVID-19

Médico psiquiatra comenta a situação exclusiva de pessoas que perderam parentes queridos durante a pandemia. A ansiedade e o transtorno de humor são os mais prevalentes nesses casos.

Transtornos psiquiátricos catalisados pelo luto de vítimas de COVID-19

Pesadelo na hora do sono: apneia atinge 70 milhões de brasileiros

Por muito tempo o hábito de roncar tem sido visto como motivo de chacota ou algo corriqueiro.

Pesadelo na hora do sono: apneia atinge 70 milhões de brasileiros

Qual é o melhor presente do dia das mães?

O mês de maio é reconhecido como o mês das mães em vários lugares do mundo.

Qual é o melhor presente do dia das mães?