Portal O Debate
Grupo WhatsApp

O perigo de quedas e a prevenção de acidentes domésticos com idosos

O perigo de quedas e a prevenção de acidentes domésticos com idosos

30/07/2022 Lucia Palma

O aumento da expectativa de vida nos últimos anos aumentou, e como consequência, tivemos um crescimento significativo de idosos.

O perigo de quedas e a prevenção de acidentes domésticos com idosos

Pelo fato de alcançarem uma vida mais longeva, requer-se mais cuidado com esse público, que passa a conviver com mais debilidades em razão do avanço natural da idade.

Nessa fase da vida é comum que ao menos uma vez ao ano o idoso sofra uma queda, sendo a maioria delas dentro do próprio lar. Fraqueza muscular, diminuição do equilíbrio e reflexos mais lentos, problemas de visão, entre outros problemas, ajudam a explicar alguns acidentes domésticos, responsável por ser a quinta principal causa de óbito nessa faixa de idade.

Uma frase clichê, mas que serve muito bem para esse tipo de situação, é que a prevenção é o melhor remédio. Além de manter hábitos saudáveis com atividades físicas regulares, sempre acompanhadas por um médico profissional, é fundamental adaptar os cômodos da casa para manter o idoso seguro no local.

Deixar o ambiente favorável com a remoção dos móveis que estejam atrapalhando a circulação da casa, instalar corrimão nas escadas, utilizar pisos ou tapetes antiderrapantes, instalar barras de apoio no box, colocar os utensílios em posição de fácil acesso – para que sejam alcançados sem a ajuda de escadas e cadeiras e manter a luz acesa, são pequenas mudanças que fazem grande diferença na hora de evitar uma queda.

Esses e outros cuidados adotados nas residências não substituem a necessidade das consultas de rotina com profissionais de saúde, por ser uma fase da vida que exige maior cuidado.

O efeito colateral de um medicamento de uso contínuo ou uma dificuldade de enxergar devido a idade são alguns exemplos de situações que colaboram e facilitam para a incidência de quedas, que são mais perigosas e suscetíveis a complicações graves.

Uma fratura de fêmur geralmente acarreta um grande comprometimento do quadro de saúde, com grandes chances de desenvolver complicações cardiorrespiratórias e embolia pulmonar.

É importante salientar que em casos de queda, recomenda-se breve avaliação médica para examinar minuciosamente possíveis lesões e causas que ajudaram a concretizar o ocorrido.

Em sua maioria, quedas são inesperadas e difíceis de serem previstas. Após o diagnóstico clínico e autorização para retomada da rotina dentro e fora de casa, é fundamental que os parentes apoiem o familiar, apontando os cuidados e atenção necessárias no dia a dia, pois a idade avançada não implica em nenhuma incapacidade para realização de qualquer atividade.

* Lucia Palma é formada em Gestão de Marketing pela Anhembi-Morumbi, CEO e fundadora do Portal Casas de Repouso.

Para mais informações sobre Idosos clique aqui...

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Fonte: Vervi Assessoria



O valor de um abraço

Livro de poesias nasce em homenagem aos milhões de abraços perdidos durante a pandemia de Covid-19.


4 situações para usar a imaginação como ferramenta de transformação

O cérebro não reconhece a diferença entre o pensamento e a realidade.

4 situações para usar a imaginação como ferramenta de transformação

Epidemia do coronavírus acelera epidemia de obesidade infantojuvenil

O ganho de peso entre crianças e adolescentes dá sinais de alerta global há algumas décadas.

Epidemia do coronavírus acelera epidemia de obesidade infantojuvenil

Troco Solidário Havan beneficia mais de 140 instituições

Somente no primeiro semestre de 2022, foram arrecadados mais de R$ 6 milhões nas lojas da rede.


O ego e outras drogas

Acho muito pouco elegante usar a si mesmo como referência ou um autor citar uma frase de sua própria autoria para exemplificar algo.

O ego e outras drogas

Pé chato em crianças a partir dos 7 anos deve ser avaliado por especialistas

Cerca de 4% das crianças não desenvolvem o arco plantar e podem ter problemas nos membros inferiores na vida adulta.

Pé chato em crianças a partir dos 7 anos deve ser avaliado por especialistas

Havan contempla mais 16 projetos sociais e culturais por meio de leis de incentivos

No segundo trimestre de 2022, varejista destinou mais de R$ 1,6 milhão aos projetos de lei federal.

Havan contempla mais 16 projetos sociais e culturais por meio de leis de incentivos

Atividades para acalmar crianças autistas

Lidar com as emoções nem sempre é fácil.

Atividades para acalmar crianças autistas

Por que se desconectar da internet?

É comum querermos proteger e privar crianças e adolescentes do uso constante do celular.

Por que se desconectar da internet?

Dia mundial dos avós

Neste domingo, 24 de julho de 2022, comemoramos o II Dia Mundial dos Avós.

Dia mundial dos avós

Joanete pode afetar até 30% das mulheres na fase adulta da vida

O hálux valgo, mais conhecido como “joanete” é uma das deformidades mais comuns dos pés.

Joanete pode afetar até 30% das mulheres na fase adulta da vida

A geopolítica da saúde de todos nós

Até fevereiro deste ano, a grande pauta dos negócios internacionais eram os efeitos da pandemia sobre as economias do mundo.

A geopolítica da saúde de todos nós