Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Qual o melhor tratamento para impotência do mercado?

Qual o melhor tratamento para impotência do mercado?

23/03/2018 Divulgação

Existem vários medicamentos disponíveis no mercado para o tratamento da disfunção erétil, comumente designada de impotência.

Qual o melhor tratamento para impotência do mercado?

Entre os mais usados, e conhecidos, se destacam o Viagra, Cialis, Spedra, Levitra e Vitaros.

A disfunção erétil é um problema de saúde que afeta milhões de homens em todo o mundo. Se caracteriza pela dificuldade, ou incapacidade, de manter ou obter uma ereção durante um mínimo de 3 meses. 

É um problema mais frequente em homens com idade avançada, mas pode ocorrer em qualquer fase da vida do homem. No entanto, hoje em dia já ninguém precisa se conformar com a sua situação, pois existem medicamentos para tratar a impotência sexual.

Viagra

O Viagra é o medicamento para o tratamento da disfunção erétil mais conhecido, até porque foi o primeiro a entrar no mercado com esse fim. Ele também é considerado o melhor para o tratamento da impotência, muito embora outros medicamentos já estejam a apresentar resultados iguais.

Este é o nome comercial dado ao Sildenafil (o princípio ativo do Viagra). Este pertence ao grupo de medicamentos inibidores da fosfodiesterase Tipo 5, uma enzima conhecida como PDE5. O Viagra, ou Sildenafil, inibe a ação dessa enzima, e por isso impede que ela restrinja a circulação sanguínea no pênis.

Por isso ele permite um aumento da circulação sanguínea, e consequentemente os homens têm ereções mais firmes, e que duram mais tempo.

Cialis

O Cialis, nome comercial da Tadalafila, ou Tadalafil, é usado para o tratamento da impotência, ou para aumentar o tempo de uma ereção. Ele pertence ao mesmo grupo de fármacos que Viagra, tendo a mesma ação no organismo dos homens. 

A vantagem do Cialis é que permanece no organismo por até 36 horas, e por isso com um efeito mais prolongado que o Viagra. É por essa razão que o Cialis, ou Tadalafila, é também conhecido como o Viagra do final de semana, por ter uma ação prolongada.

Spedra

O Spedra é o mais novo medicamento para o tratamento da disfunção erétil. O princípio ativo do Spedra, ou Stendra, é o Avanafil. Ele atua aumentando o fluxo do sangue no pênis, o que facilita a ereção quando estimulado sexualmente, e mantendo-a por mais tempo.

Os seus efeitos são quase imediatos e têm uma duração de até 6 horas.

Levitra

O Levitra atua no organismo da mesma forma que todos os medicamentos anteriormente mencionados. O seu princípio ativo é o Vardenafil, também este um inibidor da enzima PDE5.

Apesar de não ser um medicamento muitas vezes prescrito pelos médicos para o tratamento da impotência, o Levitra é uma das alternativas aos conhecidos Viagra e Cialis.

Uma vantagem deste medicamento é que tem maiores efeitos que os restantes com uma dose inferior, e por isso é indicado para homens mais velhos, ou para aqueles que tenham algumas condições de saúde que impeçam a ingestão de outros medicamentos, como hipertensão, diabetes, ou colesterol alto.

Vitaros

O Vitaros é menos conhecido que os demais no tratamento da impotência, mas não deixa de ser eficaz.

O seu princípio ativo é o Alprosdatil, o qual dilata os vasos sanguíneos permitindo a ereção possível.

Ele é um medicamento em forma de creme, ao contrário de todos os outros, de administração oral.

A sua aplicação deve ser feita entre 5 e 30 minutos antes da relação sexual. Os seus efeitos podem durar entre 1 e 2 horas, variando de paciente para paciente.

Qual é então o melhor?

Não existe uma resposta clara, mesmo comparando um por um. Cada medicamento deve ser escolhido tendo em conta o historial médico do seu utilizador. O Cialis, no entanto, é atualmente o medicamento para impotência mais vendido no mundo tendo ultrapassado o famoso Viagra.



Mãe: Florescer é não se esquecer de viver!

Tenho experimentado que o “traço de mãe”, plantado por Deus no coração de cada mulher que Ele criou, vai além da capacidade de gerar filhos, biologicamente.

Mãe: Florescer é não se esquecer de viver!

Bullying: da vítima ao espectador

O bullying é um tipo particular de violência, caracterizado por agressões sistemáticas, repetitivas e intencionais, contra um ou mais indivíduos que se encontram em desigualdade de poder, gerando sofrimento para as vítimas, agressores e comunidade.


Minas mobiliza população para receber proteção contra sarampo e gripe

Ações para estimular a vacinação ocorrem em todo o estado, pois coberturas contra o sarampo e a gripe continuam baixas.

Minas mobiliza população para receber proteção contra sarampo e gripe

A esperança é o combustível da vida

A esperança corresponde à aspiração de felicidade existente no coração de cada pessoa.

A esperança é o combustível da vida

Amar a si mesmo como próximo

No documentário “Heal” (em Português, “Cura”), disponível no Amazon Prime, há um depoimento lancinante de Anita Moorjani, que, em Fevereiro de 2006 chegou ao final de uma luta de quatro anos contra o câncer.


O peso da improbidade no destino das pessoas

O homem já em tempos pré-históricos se reunia em volta das fogueiras onde foi aperfeiçoada a linguagem humana.


Terapia de estimulação cerebral profunda pode reduzir até 80% dos tremores causados pelo Parkinson

A cirurgia é um recurso muito importante e deve ser considerada para alguns pacientes.

Terapia de estimulação cerebral profunda pode reduzir até 80% dos tremores causados pelo Parkinson

A educação é o caminho da liberdade

O atendimento socioeducativo ao adolescente em conflito com a lei é um desafio e necessita de um olhar resiliente e reflexivo, visto que é considerado um momento oportuno de mudanças.


O Influenza também está no nosso foco

Falar em vacinação nos dias de hoje nos tende a remeter quase que exclusivamente ao combate à Covid-19.

O Influenza também está no nosso foco

A nova era da Telemedicina no Brasil

Alguns números atestam que as consultas virtuais estão sendo utilizadas cada vez mais no país.

A nova era da Telemedicina no Brasil

Para onde foram os nutrientes que estavam aqui?

A maioria das culturas vegetais são produzidas com a ajuda de solos fertilizados. O alto uso de fertilizantes nitrogenados tende a reduzir o teor de vitamina C em muitas frutas e hortaliças.


Transtornos psiquiátricos catalisados pelo luto de vítimas de COVID-19

Médico psiquiatra comenta a situação exclusiva de pessoas que perderam parentes queridos durante a pandemia. A ansiedade e o transtorno de humor são os mais prevalentes nesses casos.

Transtornos psiquiátricos catalisados pelo luto de vítimas de COVID-19