Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Benefício do Brasil Carinhoso começa a ser pago dia 18

Benefício do Brasil Carinhoso começa a ser pago dia 18

04/06/2012 Divulgação

A partir dessa data, famílias extremamente pobres com crianças menores de 6 anos passam a receber no mínimo R$ 70 por pessoa como forma de complementação de renda.

A presidenta Dilma Rousseff reiterou nesta segunda-feira, dia 4, que o benefício oferecido pelo programa Brasil Carinhoso começa a ser pago no dia 18.

“Uma família com um casal e três filhos que tenha uma criança com menos de 6 anos de idade recebia, até agora, R$ 166 [referente ao Bolsa Família]. A partir do dia 18 de junho, essa família pode receber até R$ 350. Por quê? Porque são três filhos e um casal – cinco pessoas. Cinco vezes sete: R$ 350”, explicou.

No programa semanal Café com a Presidenta, Dilma lembrou que o novo benefício será pago no mesmo cartão do Bolsa Família. Ela destacou ainda que o Brasil Carinhoso vai ampliar a distribuição gratuita de medicamentos. A partir de hoje, drogarias credenciadas à rede Aqui Tem Farmácia Popular passam a oferecer três tipos de remédio para asma.

“O Ministério da Saúde observou que a asma é a segunda principal causa de internação de crianças até 5 anos no Sistema Único de Saúde (SUS). O uso correto dos remédios pode diminuir muito as complicações da doença, a necessidade de internação e até mesmo a mortalidade dessas crianças”, disse.

Dilma destacou ainda que o governo pretende ampliar a prevenção e o tratamento de doenças por meio da distribuição de vitamina A durante as campanhas nacionais de vacinação. Haverá também oferta de suplemento de ferro nas unidades básicas de saúde para quem tiver indicação médica.

Fonte: Agência Brasil



Portabilidade de crédito imobiliário cresce 200% em 2019

Número representa 6,4% dos contratos que poderiam ser alterados.

Portabilidade de crédito imobiliário cresce 200% em 2019

Casos de feminicídio crescem 22% em 12 estados durante pandemia

Números da violência contra a mulher caíram em apenas três estados.

Casos de feminicídio crescem 22% em 12 estados durante pandemia

Consumo das famílias tem a queda mais intensa desde 2001

O motivo da queda, segundo o IBGE, foi a pandemia do novo coronavírus.

Consumo das famílias tem a queda mais intensa desde 2001

Por que plano de saúde está tão caro?

Não é de hoje que os planos de saúde estão ficando cada vez mais caros.

Por que plano de saúde está tão caro?

Brasil perde mais de 860 mil empregos formais em abril

De janeiro a abril foram 4.999.981 admissões e 5.763.213 demissões.

Brasil perde mais de 860 mil empregos formais em abril

Correios serão opção para fazer cadastro para auxílio emergencial

Banco é condenado por falha ao compensar cheque

Cliente vai receber R$ 15 mil por danos morais.

Banco é condenado por falha ao compensar cheque

Dólar nas alturas: será que só existe desvantagem?

Do momento em que os casos de covid-19 começaram a aparecer fora da China, a moeda norte-americana acelerou o movimento de alta dos preços.

Dólar nas alturas: será que só existe desvantagem?

Fake news: da mídia à justiça (e vice-versa)

As fake news estão ultrapassando os prejuízos financeiros e de credibilidade nas empresas e invadindo o judiciário com dezenas de processos.

Fake news: da mídia à justiça (e vice-versa)

Por que emitir moeda em tempos de pandemia?

Somente o BC pode emitir moeda e somente o TN pode emitir títulos e pagar as despesas do Governo Federal.

Por que emitir moeda em tempos de pandemia?

Cartórios do interior já podem realizar casamentos virtuais

O projeto-piloto que autoriza a realização de casamentos civis por videoconferência e escritura pública digital foi ampliado.

Cartórios do interior já podem realizar casamentos virtuais

O que está acontecendo com o dólar com a saída do Moro?

A crise causada pelo Coronavírus já vinha elevando o preço do dólar que, nos últimos tempos, estava apresentando patamares históricos.

O que está acontecendo com o dólar com a saída do Moro?