Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Blatter dá nota 9,25 para Copa do Mundo do Brasil

Blatter dá nota 9,25 para Copa do Mundo do Brasil

14/07/2014 Da Redação

Nota dada pelo presidente da Fifa, Joseph Blatter, foi 0,25 maior que a atribuída à Copa da África do Sul.

O presidente da Fifa, Joseph Blatter, evitou comparações entre a Copa do Mundo do Brasil e edições anteriores do evento, mas afirmou que as próximas terão muita dificuldade para superar o Mundial de 2014, pela qualidade do futebol apresentado.

Questionado sobre a nota que daria à Copa no Brasil, depois de ter dado 9 à da África do Sul, Blatter brincou e atribuiu 9,25 ao evento, porque "não existe perfeição". "Foi uma Copa muito especial, e o que fez esta Copa tão especial foi a qualidade do futebol e a intensidade dos jogos", disse o presidente da Fifa.

Ele destacou o fato de ter havido poucas lesões de atletas e times jogando ofensivamente desde a primeira fase. "Não se pode comparar esta Copa a qualquer outra. Cada uma tem a sua própria história, mas posso dizer que esta foi excepcional."

Como grandes momentos do Mundial, Blatter apontou o jogo de abertura (Brasil e Croácia, no Itaquerão, em São Paulo), no qual disse "ter sentido que algo mudaria no país", e a goleada da Holanda sobre a Espanha (na Arena Fonte Nova, em Salvador) na estreia das duas seleções. "Quando vi o jogo em que o campeão do mundo defendia o título contra a Holanda, eu sabia que algo muito especial estava acontecendo nesta Copa do Mundo", afirmou o presidente, que agradeceu ao povo brasileiro pelo modo como acolheu o evento.

Blatter considerou normal o fato de ter sido vaiado quando sua imagem aparecia nos telões dos estádios e disse que também foi aplaudido: "Você tem que viver com isso", disse ele.

O presidente da Fifa manifestou insatisfação quanto ao combate ao racismo em eventos esportivos desse porte e afirmou que se trata de um ponto que precisará ser melhorado na Copa de 2018, na Rússia. "Não estou totalmente feliz."

Fonte: Agência Brasil



Diferença de acesso à cultura está relacionada à cor e região

Norte e Nordeste têm menos equipamentos culturais.

Diferença de acesso à cultura está relacionada à cor e região

Helena lidera ranking dos nomes mais escolhidos de 2019

Entre os nomes masculinos, Miguel segue no topo do ranking desde 2011.

Helena lidera ranking dos nomes mais escolhidos de 2019

Número de feriados em dias úteis cresce em 2020

Para grande parte da população, os feriados são uma das poucas opções de descanso e período para viagens.

Número de feriados em dias úteis cresce em 2020

Messi conquista Bola de Ouro pela sexta vez

Jogador argentino se isola como maior vencedor da história da premiação da revista France Football.

Messi conquista Bola de Ouro pela sexta vez

Pequenos negócios ganham mais espaço na pauta do Poder Legislativo mineiro

Forum vai debater os desafios e as oportunidades para estimular a economia dos municípios.


Brasil tem 12,4 milhões de pessoas desempregadas, diz IBGE

Número de brasileiros com carteira de trabalho assinada no setor privado, chega a 33,2 milhões de pessoas.

Brasil tem 12,4 milhões de pessoas desempregadas, diz IBGE

Eleitores com mais de 70 anos precisam fazer a biometria

De acordo com o TSE, os títulos podem ser cancelados.

Eleitores com mais de 70 anos precisam fazer a biometria

Médicos pelo Brasil é aprovado pelo Congresso Nacional

O programa vai ofertar 18 mil vagas em regiões onde há maior carência de médicos no país para ampliar o acesso do cidadão a cuidados básicos em saúde. Texto segue para sanção presidencial.


Cresce percentual de brasileiros que vão usar 13º salário para comprar presentes

32% dos trabalhadores vão gastar com presentes do que com pagamento de dívidas, aponta pesquisa.

Cresce percentual de brasileiros que vão usar 13º salário para comprar presentes

Ganhador do Prêmio Jovem Empreendedor na Austrália é brasileiro

Ribeirão-Pretano conquista Prêmio Jovem Empreendedor 2019 em Sydney, após 10 anos de sua chegada ao país.

Ganhador do Prêmio Jovem Empreendedor na Austrália é brasileiro

Arrecadação com loterias aumenta 22,7% em 2019

Repasses para programas do governo somam R$ 5,83 bilhões.

Arrecadação com loterias aumenta 22,7% em 2019

Uma cidade em que não há jornal

Por mais inacreditável que pareça, 30 milhões de brasileiros vivem em locais considerados “desertos” de notícia.

Uma cidade em que não há jornal