Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Corrupção no Serviço Público (II)

Corrupção no Serviço Público (II)

12/01/2006 Da Redação

Não se pode tirar o direito de o povo brasileiro, estarrecido pelos casos de desfaçatez no trato da coisa pública, denunciados diariamente pela imprensa, manifestar-se deste modo ao lhe ser solicitada a sua opinião.

No caso dos municípios, então, nem se fala: tem sido exibidos à exaustão episódios de corrupção que envolvem desde as viagens turísticas (que deveriam ser, mas não são, viagens de trabalho), de vereadores, até o nepotismo desavergonhado de prefeitos que não se acanham de empregar toda a sua parentela nas prefeituras que administram. Mas, diante de notícias como essa, é preciso colocar as coisas na balança. É possível, sem muito esforço, provar que o funcionalismo regular (pessoas aprovadas em concurso público e introduzidas na carreira dentro da melhor forma republicana), têm, na maior parte, um desempenho acima de qualquer suspeita no exercício de suas funções. 

Qualquer pessoa que tenha um mínimo conhecimento de como funcionam as nossas repartições públicas federais, estaduais e municipais, quando não lhes é inoculado o vírus da corrupção, que, normalmente, vem de cima, dos cargos bem remunerados, ocupados por indicação política, sabe que os nossos funcionários públicos têm, na maioria das vezes um padrão de comportamento exemplar. Às vezes o serviço público perde um pouco em dinamismo e eficiência, por conta da falta de treinamento, dos baixos salários, pela dificuldade de se fazer carreira e até pela humilhação de receber ordens de pessoas despreparadas, porque não se submeteram a concurso para trabalharem naquele local.



Visita a Goiás avalia perigos de privatização da Cemig

Empresa italiana que comprou a estatal goiana de energia é alvo de CPI e é indicada pela Aneel como a pior do País.


Governo Federal garante fornecimento de água para 30 mil pessoas

Codevasf inaugura sistema para garantir abastecimento de água para irrigação e consumo humano no Jaíba, no Norte de Minas


Brasil registrou 69 mil acidentes em rodovias federais em 2018

Painel CNT registrou que 14 pessoas morreram por dia.

Brasil registrou 69 mil acidentes em rodovias federais em 2018

Agressores de mulheres deverão ressarcir custos com atendimento médico

Lei que estabelece a medida está publicada no Diário Oficial da União.

Agressores de mulheres deverão ressarcir custos com atendimento médico

Show da Casa Própria em Belo Horizonte oferece cerca de 3 mil imóveis

Evento será realizado pelo Sinduscon-MG, Fiemg e Sebrae, com patrocínio da Caixa Econômica Federal e participação de 21 construtoras.

Show da Casa Própria em Belo Horizonte oferece cerca de 3 mil imóveis

Recebeu um e-mail sobre o cancelamento do seu título? É falso!

Mensagens inverídicas enviadas em nome da Justiça Eleitoral tentam ludibriar eleitores para fornecerem dados sigilosos.

Recebeu um e-mail sobre o cancelamento do seu título? É falso!

Receita libera pagamento do 4º lote de restituição do IR 2019

Lote inclui restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018.

Receita libera pagamento do 4º lote de restituição do IR 2019

Setor busca reconhecimento da cachaça como símbolo nacional

Atualmente, a bebida é exportada para mais de 60 países.

Setor busca reconhecimento da cachaça como símbolo nacional

Pagamento de R$ 500 por conta do FGTS teve início nesta sexta

Cerca de 33 milhões de trabalhadores receberão o crédito automático na conta poupança.

Pagamento de R$ 500 por conta do FGTS teve início nesta sexta

Número de mortes violentas no país caiu 10,43% de 2017 para 2018

Casos passaram de 64.021 para 57.341, mostra anuário.

Número de mortes violentas no país caiu 10,43% de 2017 para 2018

Contribuinte já pode consultar o 4º lote de restituição do IR

O dinheiro será depositado nas contas no próximo dia 16 de setembro.

Contribuinte já pode consultar o 4º lote de restituição do IR

Papa Francisco deixa Moçambique com apelo à reconciliação

Francisco foi o segundo chefe máximo da Igreja Católica a visitar Moçambique, depois de João Paulo II, em 1988. 

Papa Francisco deixa Moçambique com apelo à reconciliação