Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Corrupção no Serviço Público (II)

Corrupção no Serviço Público (II)

12/01/2006 Divulgação

Não se pode tirar o direito de o povo brasileiro, estarrecido pelos casos de desfaçatez no trato da coisa pública, denunciados diariamente pela imprensa, manifestar-se deste modo ao lhe ser solicitada a sua opinião.

No caso dos municípios, então, nem se fala: tem sido exibidos à exaustão episódios de corrupção que envolvem desde as viagens turísticas (que deveriam ser, mas não são, viagens de trabalho), de vereadores, até o nepotismo desavergonhado de prefeitos que não se acanham de empregar toda a sua parentela nas prefeituras que administram. Mas, diante de notícias como essa, é preciso colocar as coisas na balança. É possível, sem muito esforço, provar que o funcionalismo regular (pessoas aprovadas em concurso público e introduzidas na carreira dentro da melhor forma republicana), têm, na maior parte, um desempenho acima de qualquer suspeita no exercício de suas funções. 

Qualquer pessoa que tenha um mínimo conhecimento de como funcionam as nossas repartições públicas federais, estaduais e municipais, quando não lhes é inoculado o vírus da corrupção, que, normalmente, vem de cima, dos cargos bem remunerados, ocupados por indicação política, sabe que os nossos funcionários públicos têm, na maioria das vezes um padrão de comportamento exemplar. Às vezes o serviço público perde um pouco em dinamismo e eficiência, por conta da falta de treinamento, dos baixos salários, pela dificuldade de se fazer carreira e até pela humilhação de receber ordens de pessoas despreparadas, porque não se submeteram a concurso para trabalharem naquele local.



Consumo das famílias tem a queda mais intensa desde 2001

O motivo da queda, segundo o IBGE, foi a pandemia do novo coronavírus.

Consumo das famílias tem a queda mais intensa desde 2001

Por que plano de saúde está tão caro?

Não é de hoje que os planos de saúde estão ficando cada vez mais caros.

Por que plano de saúde está tão caro?

Brasil perde mais de 860 mil empregos formais em abril

De janeiro a abril foram 4.999.981 admissões e 5.763.213 demissões.

Brasil perde mais de 860 mil empregos formais em abril

Correios serão opção para fazer cadastro para auxílio emergencial

Banco é condenado por falha ao compensar cheque

Cliente vai receber R$ 15 mil por danos morais.

Banco é condenado por falha ao compensar cheque

Dólar nas alturas: será que só existe desvantagem?

Do momento em que os casos de covid-19 começaram a aparecer fora da China, a moeda norte-americana acelerou o movimento de alta dos preços.

Dólar nas alturas: será que só existe desvantagem?

Fake news: da mídia à justiça (e vice-versa)

As fake news estão ultrapassando os prejuízos financeiros e de credibilidade nas empresas e invadindo o judiciário com dezenas de processos.

Fake news: da mídia à justiça (e vice-versa)

Por que emitir moeda em tempos de pandemia?

Somente o BC pode emitir moeda e somente o TN pode emitir títulos e pagar as despesas do Governo Federal.

Por que emitir moeda em tempos de pandemia?

Cartórios do interior já podem realizar casamentos virtuais

O projeto-piloto que autoriza a realização de casamentos civis por videoconferência e escritura pública digital foi ampliado.

Cartórios do interior já podem realizar casamentos virtuais

O que está acontecendo com o dólar com a saída do Moro?

A crise causada pelo Coronavírus já vinha elevando o preço do dólar que, nos últimos tempos, estava apresentando patamares históricos.

O que está acontecendo com o dólar com a saída do Moro?

Dólar alto será positivo para a economia em período de pandemia

“Não é ruim no momento, mas quando a economia retomar, o 1º fator que vamos ver é a inflação”

Dólar alto será positivo para a economia em período de pandemia

Ministério lança canal para registro de denúncias trabalhistas

Nova ferramenta registrará denúncias trabalhistas no portal Gov.br.

Ministério lança canal para registro de denúncias trabalhistas