Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Esquecer é normal e faz bem

Esquecer é normal e faz bem

15/09/2006 Divulgação

Apesar de alguns esquecerem mais do que outros, todos nós já esquecemos, alguma vez, algo: seja um recado que deveria ser dado ou as chaves em cima da mesa. Mesmo alguns se preocupando com isso, o professor da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Iván Izquierdo, diz que esquecer é necessário e inevitável para uma vida saudável.

Apesar de alguns esquecerem mais do que outros, todos nós já esquecemos, alguma vez, algo: seja um recado que deveria ser dado ou as chaves em cima da mesa. Mesmo alguns se preocupando com isso, o professor da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Iván Izquierdo, diz que esquecer é necessário e inevitável para uma vida saudável.

Apesar de alguns esquecerem mais do que outros, todos nós já esquecemos, alguma vez, algo: seja um recado que deveria ser dado ou as chaves em cima da mesa. Mesmo alguns se preocupando com isso, o professor da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Iván Izquierdo, diz que esquecer é necessário e inevitável para uma vida saudável. 

De acordo com o professor, a maior parte das coisas que temos contato é esquecida naturalmente, pois seria impossível o cérebro lembrar e processar tantas informações. Algumas delas são guardadas momentaneamente: quando lemos um livro, guardamos apenas as idéias principais das páginas ou capítulos, sendo raro lembrar-se de cada palavra que foi lida.

Izquierdo é autor de vários livros sobre o tema e cooerdenador do Centro de Memória do Instituto de Ciências Biológicas da PUC-RS.

Fonte: O Estado de S. Paulo - 04/06/06



Portabilidade de crédito imobiliário cresce 200% em 2019

Número representa 6,4% dos contratos que poderiam ser alterados.

Portabilidade de crédito imobiliário cresce 200% em 2019

Casos de feminicídio crescem 22% em 12 estados durante pandemia

Números da violência contra a mulher caíram em apenas três estados.

Casos de feminicídio crescem 22% em 12 estados durante pandemia

Consumo das famílias tem a queda mais intensa desde 2001

O motivo da queda, segundo o IBGE, foi a pandemia do novo coronavírus.

Consumo das famílias tem a queda mais intensa desde 2001

Por que plano de saúde está tão caro?

Não é de hoje que os planos de saúde estão ficando cada vez mais caros.

Por que plano de saúde está tão caro?

Brasil perde mais de 860 mil empregos formais em abril

De janeiro a abril foram 4.999.981 admissões e 5.763.213 demissões.

Brasil perde mais de 860 mil empregos formais em abril

Correios serão opção para fazer cadastro para auxílio emergencial

Banco é condenado por falha ao compensar cheque

Cliente vai receber R$ 15 mil por danos morais.

Banco é condenado por falha ao compensar cheque

Dólar nas alturas: será que só existe desvantagem?

Do momento em que os casos de covid-19 começaram a aparecer fora da China, a moeda norte-americana acelerou o movimento de alta dos preços.

Dólar nas alturas: será que só existe desvantagem?

Fake news: da mídia à justiça (e vice-versa)

As fake news estão ultrapassando os prejuízos financeiros e de credibilidade nas empresas e invadindo o judiciário com dezenas de processos.

Fake news: da mídia à justiça (e vice-versa)

Por que emitir moeda em tempos de pandemia?

Somente o BC pode emitir moeda e somente o TN pode emitir títulos e pagar as despesas do Governo Federal.

Por que emitir moeda em tempos de pandemia?

Cartórios do interior já podem realizar casamentos virtuais

O projeto-piloto que autoriza a realização de casamentos civis por videoconferência e escritura pública digital foi ampliado.

Cartórios do interior já podem realizar casamentos virtuais

O que está acontecendo com o dólar com a saída do Moro?

A crise causada pelo Coronavírus já vinha elevando o preço do dólar que, nos últimos tempos, estava apresentando patamares históricos.

O que está acontecendo com o dólar com a saída do Moro?