Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Fifa libera R$ 45 milhões ao Brasil

Fifa libera R$ 45 milhões ao Brasil

18/06/2014 Da Redação

Legado! A Fifa prevê que o país vai receber cerca de R$ 225 milhões para investir em projetos sociais como contrapartida da entidade máxima do futebol pela organização da Copa.

A Fifa anunciou nesta quarta-feira a liberação dos primeiros US$ 20 milhões (R$ 45,1 milhões) como legado da Copa do Mundo para desenvolvimento do futebol brasileiro. O dinheiro, no entanto, não irá para a CBF.

A verba será investida em projetos para a evolução da formação de jogadores e do futebol feminino, principalmente. Todos precisam ser aprovados pela entidade que gera o esporte no mundo.

A CBF fará parte do conselho que irá gerir esse fundo, mas não terá controle total sobre as ações e as finanças.

"Chegaremos juntos a um acordo de onde será investido. Tudo seguirá a regulamentação da Fifa. Vamos montar uma conta exclusiva para esse fundo e ele passará por auditoria da KPMG", explicou o diretor de desenvolvimento do órgão, Thierry Regenass.

A previsão da Fifa é que o Brasil receba até US$ 100 milhões (R$ 225 milhões) para investir nesses projetos sociais como contrapartida da entidade pela organização da Copa.

O valor do fundo de legado, no entanto, só será definido quando o balanço financeiro do Mundial for fechado. Além de contemplar projetos de categorias de base e futebol feminino, a ideia é depositar dinheiro nos Estados que não receberam jogos da Copa. "Não é uma questão política", retrucou o presidente da CBF, José Maria Marin.

O primeiro projeto será inaugurado, ainda que parcialmente, já no início de julho. Trata-se da construção de quatro campos de futebol no Centro Esportivo da Juventude, localizado nos arredores do Mangueirão, em Belém (PA).

Quando questionado se também iria colocar dinheiro da CBF nos projetos de desenvolvimento do futebol entre jovens e mulheres, Marin não respondeu e disse apenas que era "uma boa ideia".

Segundo o presidente, a entidade já contribui com a evolução da prática do esporte no Brasil ao financiar a maior parte dos custos das Séries C e D do Campeonato Brasileiro.

A CBF teve uma receita recorde no ano passado e faturou R$ 436 milhões.



Inadimplência recua em Belo Horizonte

Índice apurado pela Fecomércio MG atingiu 29,3% em janeiro, enquanto o endividamento dos consumidores sofre a quarta queda consecutiva.

Inadimplência recua em Belo Horizonte

Bancos fecham na segunda e terça-feira de carnaval

Na Quarta-feira de Cinzas o início do expediente será às 12h.

Bancos fecham na segunda e terça-feira de carnaval

Programa para fazer Declaração do Imposto de Renda já está disponível

Prazo de entrega vai de 2 de março a 30 de abril.

Programa para fazer Declaração do Imposto de Renda já está disponível

Carnaval é feriado?

Tradição leva muitas pessoas a acreditarem que não precisarão trabalhar nos dias de carnaval.

Carnaval é feriado?

Banco Central lança sistema de pagamento instantâneo no Brasil

Plataforma estará disponível para a população a partir de novembro.

Banco Central lança sistema de pagamento instantâneo no Brasil

Calor do verão aumenta a incidência de escorpiões

Umidade e calor criam condição climática favorável para o aumento dos níveis de reprodução.

Calor do verão aumenta a incidência de escorpiões

Quem aluga apartamento por temporada não pode usar as áreas comuns do condomínio?

Campanha ajuda vítimas de assédio no Carnaval

#CarnavalSemAssédio vai acolher vítimas de abuso em blocos de São Paulo, Salvador, Recife, Rio e BH.

Campanha ajuda vítimas de assédio no Carnaval

Despesas médicas – o que pode e o que não pode declarar no Imposto de Renda

A entrega da Declaração Imposto de Renda Pessoa Física 2020 - Ano Base 2019 já é uma realidade para grande parte dos contribuintes brasileiros.

Despesas médicas – o que pode e o que não pode declarar no Imposto de Renda

Produção de minério caiu em 2019, mas faturamento cresceu

Faturamento no setor chegou a R$43 bilhões no ano passado,

Produção de minério caiu em 2019, mas faturamento cresceu

Indústria da panificação em Minas espera crescer até 10% em 2020

Estimativa é que a cada R$ 9 mil em vendas, o mercado gere um novo posto de trabalho.

Indústria da panificação em Minas espera crescer até 10% em 2020

Posto de Coleta – Faculdade Pitágoras recebe doações

Serão arrecadados itens de higiene pessoal e materiais de limpeza.

Posto de Coleta – Faculdade Pitágoras recebe doações