Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Justiça cria formulário para pessoas sem domicílio fixo

Justiça cria formulário para pessoas sem domicílio fixo

14/07/2018 Divulgação

Esforço procurou solucionar impasses burocráticos e viabilizar atendimento.

Justiça cria formulário para pessoas sem domicílio fixo

Muitas vezes, a impossibilidade de comprovar endereço mostra-se um obstáculo para o acesso à Justiça. Agora, pessoas em situação de rua, moradores de áreas ocupadas e migrantes podem ingressar com ações nos Juizados Especiais Cíveis, independentemente de produzir prova documental de seus domicílios.

A medida é válida em todo o Estado. A ausência de comprovação de endereços é suprida com o preenchimento de um formulário no qual a pessoa fornece outras informações, como telefone de recado, endereço de onde está vivendo, entre outras, capazes de assegurar a localização da pessoa.

A permissão, dada pela Corregedoria-Geral de Justiça em abril, atende a proposta dos representantes do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) no Comitê Estadual de Atenção ao Migrante, Refugiado e Apátrida, Enfrentamento do Tráfico de Pessoas e Erradicação do Trabalho Escravo (Comitrate-MG) e busca garantir o efetivo acesso à Justiça a essa população.

O comitê, criado em 2015, tem o objetivo de articular ações governamentais, por meio da conjunção de esforços do poder público e da sociedade civil, nas diversas áreas relacionadas às temáticas da migração, refúgio e apátridas, ao enfrentamento do tráfico de pessoas e do trabalho escravo, inclusive o trabalho escravo infantil.

A desembargadora Ângela de Lourdes Rodrigues e o juiz Paulo Barone Rosa representaram o TJMG no Comitrate-MG até julho de 2018. Segundo a magistrada, a possibilidade de acesso à justiça por parte de pessoas sem domicílio fixo, em situação de rua, moradores de áreas ocupadas e migrantes, no Juizado Especial do Estado de Minas Gerais, “demonstra o resgate do princípio da dignidade humana daqueles que se encontram em situação de vulnerabilidade e invisibilidade social, permitindo que tenham vez e voz na defesa de seus direitos e interesses, até então, excluídos”.

Para o juiz Paulo Barone Rosa, a medida tem “grande alcance social e representa importante contribuição do Judiciário estadual de Minas à facilitação do acesso dessa população carente à prestação jurisdicional”. Segundo o magistrado, medida semelhante foi adotada nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), com o objetivo de garantir o acesso universal à saúde.

O Juizado Especial de Belo Horizonte já garantia o acesso à Justiça às pessoas sem condição de fornecer prova documental de endereços. A nova regulamentação, entretanto, vale para a extensão territorial mineira e foi registrada na Instrução Padrão de Trabalho (IPT) – um tipo de manual de rotinas de trabalho – dos Juizados Especiais Cíveis.

Fonte: Assessoria de Comunicação Institucional – Ascom TJMG



Cadastro Positivo insere mais de 464 mil mineiros no mercado de crédito

Dados divulgados pela ANBC demonstram contingente da população mineira que se beneficiou da primeira consulta de crédito após a implantação do Cadastro Positivo com adesão automática.

Cadastro Positivo insere mais de 464 mil mineiros no mercado de crédito

Gasto anual com gatos chega a ser 178% menor que com cachorros

Atualmente, os pets fazem parte da vida de mais de 80 milhões de lares brasileiros.

Gasto anual com gatos chega a ser 178% menor que com cachorros

Formas mais livres de amar

A busca de afeição, o preenchimento da carência que nos corrói as emoções, nos lança a uma procura incessante de aproximação com outra pessoa: ânsia esperançosa de completude; algum\a outro\a me vai fazer feliz.


Como fazer em caso de PIX em conta errada?

No caso das pessoas que fez o pagamento, a alternativa é buscar a sua agência bancária para resolver a situação.

Como fazer em caso de PIX em conta errada?

Salário atrasado: o que pode acontecer?

De acordo com advogado trabalhista, se a situação ultrapassar um mês, o trabalhador poderá pedir a rescisão indireta na justiça.

Salário atrasado: o que pode acontecer?

Venda de imóvel tem isenção de Imposto de Renda ampliada

A partir deste ano, quem vender um imóvel terá a isenção de Imposto de Renda (IR) sobre o lucro do negócio.


Divórcios no Brasil atingem recorde com 80.573 atos em 2021

Total é 4% maior em relação a 2020, quando houve 77.509 atos.

Divórcios no Brasil atingem recorde com 80.573 atos em 2021

Correios fazem novo feirão para venda de imóveis

As vendas dos imóveis dos Correios ocorrem em formatos eletrônico e presencial.

Correios fazem novo feirão para venda de imóveis

Dados sobre religião entre jovens nos USA

As religiões cristãs no ocidente têm motivos para preocupação diante de um crescente número de ‘sem religião’ entre as novas gerações.


BH lidera ranking de consumo abusivo de álcool em 2021

Em um ano, capital mineira passou do nono para o primeiro lugar do levantamento do Ministério da Saúde.

BH lidera ranking de consumo abusivo de álcool em 2021

Nova loteria: +Milionária deverá sortear R$ 10 milhões em prêmios

Governo autoriza criação de nova loteria chamada +Milionária.

Nova loteria: +Milionária deverá sortear R$ 10 milhões em prêmios

Ligações de cobrança legítimas não podem ser bloqueadas pelo cliente

Telecobrança favorece a diminuição da inadimplência.

Ligações de cobrança legítimas não podem ser bloqueadas pelo cliente