Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Nova lei antidrogas deve ser votada em fevereiro

Nova lei antidrogas deve ser votada em fevereiro

21/12/2012 Da Redação

Projeto do deputado Osmar Terra aprovado por comissão da Câmara aumenta penas para traficantes e permite a internação compulsória de usuários de drogas.

Nos últimos dias de atividade do Congresso neste ano, um projeto de lei polêmico passou despercebido. Uma comissão da Câmara dos Deputados aprovou texto que altera radicalmente a legislação antidrogas do país, tornando-a muito mais rígida. A proposta está agora na pauta do plenário da Câmara.

O texto, aprovado sem alarde no dia 11 de dezembro na Comissão Especial do Sistema Nacional de Políticas sobre Drogas, permite que um usuário seja internado involuntariamente por até seis meses e aumenta a penalidade para traficantes. Também cria um sistema de informações de abrangência nacional.

O projeto não revoga a legislação atual, mas acrescenta 33 novos dispositivos à Lei de Drogas (Lei 11.343/06), que instituiu o Sistema Nacional de Políticas sobre Drogas (Sisnad), e à Lei 10.261/01, que trata da proteção e direitos de pessoas portadoras de transtornos mentais.

A proposta, com o espírito das políticas de “guerra contra as drogas”, segue o caminho oposto de abordagens alternativas para a questão, adotadas em países como Portugal e Espanha.

Para especialistas, no entanto, o projeto de lei antidrogas da Câmara levará ao aumento da demanda por drogas e não é eficaz para combater a violência.

Os integrantes da comissão especial assinaram um pedido de urgência para que o projeto seja um dos primeiros a ser analisados no início do próximo ano legislativo, em fevereiro. O texto ainda pode receber emendas.

O projeto também amplia a articulação federativa nas ações antidrogas, dividindo a competência nessa área entre a União, estados e municípios. A legislação atual não faz essa separação. Pelas novas regras, os municípios serão os agentes de prevenção.

O projeto torna a punição a traficantes mais rigoroso, elevando o período mínimo de prisão de cinco para oito anos e com possibilidades menores de redução da pena.



Receita libera restituições do 2º lote do Imposto de Renda

Serão depositados R$ 5 bilhões para 3.164.229 contribuintes

Receita libera restituições do 2º lote do Imposto de Renda

Sete em cada dez brasileiros consideram necessária a reforma da Previdência

40% deles consideram correta equiparação entre trabalhadores dos setores público e privado, mostra pesquisa da CNDL/SPC Brasil

Sete em cada dez brasileiros consideram necessária a reforma da Previdência

Anatel autoriza reajuste de tarifa de telefonia fixa

O reajuste foi concedido para Oi, Telefônica, Claro, Sercomtel e Algar

Anatel autoriza reajuste de tarifa de telefonia fixa

Alta carga tributária não garante retorno de serviços à sociedade

Com carga tributária de 34%, Brasil é o último entre 30 países em retorno de serviços à população

Alta carga tributária não garante retorno de serviços à sociedade

BNDES disponibiliza R$ 23 bilhões para Plano Safra 2019/2020

Todas as principais linhas de fomento à agropecuária empresarial tiveram o orçamento ampliado

BNDES disponibiliza R$ 23 bilhões para Plano Safra 2019/2020

Pequenos negócios poderão retornar ao Simples Nacional

Pequenos negócios excluídos do Simples Nacional poderão solicitar o reenquadramento até o dia 15

Pequenos negócios poderão retornar ao Simples Nacional

Paraty e Ilha Grande (RJ) recebem título de Patrimônio Mundial da Unesco

Local é o primeiro sítio misto do Brasil, reconhecido por cultura e natureza

Paraty e Ilha Grande (RJ) recebem título de Patrimônio Mundial da Unesco

Novo projeto de lei quer obrigar advogados a provar origem lícita dos honorários

Apresentado pela deputada federal Bia Kicis, texto é criticado como trava no exercício da profissão.


Receita abre consulta a segundo lote de restituição do IR

O crédito bancário será feito em 15 de julho

Receita abre consulta a segundo lote de restituição do IR

Manifestações – A Voz e a força do Povo

As manifestações populares são legítimas, republicanas, sejam elas a favor ou contra o governo.

Manifestações – A Voz e a força do Povo

IMA vai fiscalizar cerca de 800 propriedades produtoras de soja

Durante o vazio sanitário, fica proibido o cultivo da planta em todo o território mineiro

IMA vai fiscalizar cerca de 800 propriedades produtoras de soja

Partido propõe fim da aposentadoria para políticos corruptos

Podemos quer fim do benefício para políticos condenados por corrupção

Partido propõe fim da aposentadoria para políticos corruptos