Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Sites falsos aplicam golpes usando nome do TJMG

Sites falsos aplicam golpes usando nome do TJMG

24/10/2020 Divulgação

Quadrilhas se passam por empresas credenciadas para realizar leilões eletrônicos.

Sites falsos aplicam golpes usando nome do TJMG

O consumidor precisa ficar alerta antes de realizar qualquer arrematação por meio de leilões eletrônicos

Veículos, imóveis, máquinas, equipamentos industriais e até obras de arte a preços baixos, como se fossem recuperados de financiamentos não pagos pelo consumidor. São esses produtos, normalmente, que sites falsos de leilões eletrônicos têm anunciado para atrair e enganar possíveis consumidores desavisados. Essas quadrilhas estão espalhadas pelo País e usam o nome de instituições como o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) para se passar por empresas "credenciadas" por esses órgãos, na tentativa de ludibriar e dar credibilidade aos leilões fictícios.

O alerta foi dado pela Corregedoria-Geral de Justiça de Minas Gerais após diversas consultas públicas feitas por pessoas que tiveram acesso a esses sites falsificados na internet. "A facilidade de registrar uma página na internet contribui para a multiplicação desse tipo de golpe, que vem ocorrendo às centenas em todo o País", destaca o juiz auxiliar e superintendente adjunto de planejamento da Corregedoria, Eduardo Gomes dos Reis.

Segundo o magistrado, as quadrilhas especializadas não utilizam somente falsos sites para realização de leilões eletrônicos. Os falsificadores se aproveitam também de outros meios de comunicação, como telefonemas, cartas e mensagens eletrônicas e, sempre que possível, utilizam o logotipo e informações aparentemente verdadeiras de instituições públicas.

O consumidor precisa ficar alerta antes de realizar qualquer arrematação por meio desses leilões eletrônicos. Se tiver dúvidas ou desconfiar de qualquer negociação, é só entrar em contato com o Tribunal de Justiça pelo Fale com o TJMG.

Além disso, todos os leiloeiros em atividade no Estado precisam estar cadastrados na Junta Comercial (Jucemg) e, se for o caso, o órgão deve ser consultado. O Cadastro Eletrônico de Corretores e Leiloeiros do Estado de Minas Gerais (CCOLE) é feito por meio do Sistema Eletrônico Auxiliares da Justiça e o credenciamento para essa finalidade, se dá, exclusivamente, por meio do referido sistema e apenas para pessoa física.

Fonte: Tribunal de Justiça de Minas Gerais – TJMG



Consumidor satisfeito é utopia?

Ter clientes satisfeitos sempre foi um dos objetivos de qualquer organização.

Consumidor satisfeito é utopia?

Milhares de brasileiros podem se legalizar nos EUA

Após aprovação de projeto, brasileiros podem ficar de forma legalizada na terra do tio Sam.

Milhares de brasileiros podem se legalizar nos EUA

Governo Federal lança plano de testagem em seis cidades brasileiras

Até o fim do ano, serão distribuídos 60 milhões de testes.

Governo Federal lança plano de testagem em seis cidades brasileiras

Estradas mineiras receberão 598 novos radares de velocidade

Implantação de novos equipamentos em trechos sob responsabilidade do DER-MG ocorrerá de forma gradativa e com ampla divulgação.

Estradas mineiras receberão 598 novos radares de velocidade

Pecuarista de Minas Gerais recebe prêmio por silagem de alta qualidade

Desafio – Qualidade de Silagem Premium, realizado pela Sementes Biomatrix, reconhece os melhores produtores.

Pecuarista de Minas Gerais recebe prêmio por silagem de alta qualidade

BTG Pactual traz executivos do mercado em preparação para abertura de filial em BH

Time com vasta experiência em alta renda e Private vai liderar escritório de assessoria de investimento na capital mineira.



Ruas tomadas de alegria

Lembro-me bem quando tudo começou. Foi minha primeira eleição, para governador, em 1982.

Ruas tomadas de alegria

Cesta básica sobe em 13 das 17 capitais pesquisadas

Cesta mais cara é a de Porto Alegre, que custa R$ 664,67.

Cesta básica sobe em 13 das 17 capitais pesquisadas

Governo de Minas publica edital para concessão do Mineirinho

Empresa vencedora deverá promover reforma completa do imóvel e investir R$ 41 milhões nos dois primeiros anos de operação.

Governo de Minas publica edital para concessão do Mineirinho

Norte e Nordeste são regiões com maior insegurança alimentar, aponta estudo

Enani 2019 mostra que 47,1% das famílias brasileiras com crianças menores de 5 anos de idade vivem com algum grau de insegurança alimentar.

Norte e Nordeste são regiões com maior insegurança alimentar, aponta estudo

Porque o povo rejeita a política e os políticos

Os mal-acostumados querem voltar aos tempos fáceis.

Porque o povo rejeita a política e os políticos