Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Tecnologias e educação superior entre Minas e Piemonte

Tecnologias e educação superior entre Minas e Piemonte

28/11/2008 Divulgação

O governador Aécio Neves se reuniu, no dia 19 de novembro, em Torino, na Itália, com 400 empresários italianos e brasileiros.

Durante o evento no Torino Incontri, foram assinados acordos de cooperação entre Minas Gerais e a Região de Piemonte nas áreas de biotecnologia, nanotecnologia (criação de objetos de alta qualidade), combustíveis renováveis e educação superior. Entre eles, a instituição do duplo diploma para estudantes da Politecnico di Torino e da Universidade Estadual de Minas Gerais (Uemg). Em sua apresentação ao grupo de empresários, Aécio Neves ressaltou que Minas é um estado com uma economia diversificada e que continuará buscando novas parcerias nas áreas de novas tecnologias. “Hoje, Minas deixou de ser um mero exportador de commodities para ser um exportador também de produtos manufaturados”, disse. Segundo ele, o Estado está tendo uma grande oportunidade de abrir novas oportunidades de negócio na Europa, por meio de uma das mais desenvolvidas regiões da Itália.

“São oportunidades extraordinárias em vários campos que podem se transformar em negócio. Permeia isso tudo, uma extraordinária potencialidade no campo turístico aqui no Piemonte ainda a ser melhor explorada e conhecida e, da mesma forma, também em Minas uma grande potencialidade do turismo cultural, gastronômico, religioso, de aventura. Estamos, na verdade, nos conhecendo, nos gostando e, quem sabe, fazendo aí um casamento por toda a vida” , disse Aécio Neves. Os acordos nas áreas de biocombustíveis foram assinados pelo secretário de Desenvolvimento de Novas Tecnologias e Inovação em Universidades de Piemonte, Marco Bairatti, e pelo secretário de Estado de Ciência e Tecnologia, Alberto Portugal. Já o diretor da Politecnico di Torino, Francesco Profumo, e a reitora da Uemg, Janete Gomes Barreto, assinaram o acordo do duplo diploma entra entras instituições.

O objetivo do acordo entre a Politecnico de Torino e a Uemg é estabelecer um programa destinado aos estudantes da Laurea Specialistica in Ecodesign no Politecnico e do curso de Design de Produto da instituição mineira, com a instituição do duplo diploma entre as instituições. Os estudantes participantes receberão dois diplomas: o Laurea Magistrale in Ecodesign (Design del Prodotto Ecocompatibile), pela Politecnico, e o diploma de Bacharel em Desing de Produto expedido pela Uemg. Poderão participar do programa de duplo diploma um máximo de dez estudantes por instituição e por ano acadêmico. O acordo entre as duas escolas vai vigorar por cinco anos, a partir da sua assinatura, podendo ser renovado. Os alunos candidatos serão pré-selecionados com base nos resultados de seus históricos escolares, cartas de motivação e entrevistas. Para se inscrever, o aluno deve apresentar curriculum vitae, histórico escolar e duas cartas de apresentação por parte de dois docentes na universidade de origem.

Serão admitidos no programa exclusivamente os estudantes da Uemg que já completaram os seis primeiros semestres acadêmicos e os da Politecnico possuidores do Diploma de Laurea di primo livello (Nível I), no momento do início do programa, e que se inscrevem para a Laurea Magistrale. Os estudantes selecionados para o programa poderão iniciar o período de estudos junto à universidade que acolhe no início no semestre primaveril europeu (fim de fevereiro/início de março). Para os estudantes da Uemg, o período de estudos na Politecnico terá início no semestre outonal europeu (setembro). Os estudantes da Uemg deverão pagar uma taxa anual no valor de 150 Euros para terem acesso aos serviços públicos disponíveis aos estudantes universitários italiano.



Desemprego cai para 13,2% no trimestre encerrado em agosto

População desocupada no país chega a 13,7 milhões de pessoas, segundo IBGE.

Desemprego cai para 13,2% no trimestre encerrado em agosto

Cartórios de Minas Gerais passam a receber denúncias contra violência doméstica

Campanha nacional Sinal Vermelho conta com os mais de 3 mil Cartórios mineiros para prestar auxílio discreto e sigiloso às mulheres em situação de vulnerabilidade.

Cartórios de Minas Gerais passam a receber denúncias contra violência doméstica

Cresce número de brasileiros que buscam passaporte europeu

Entre 2002 e 2017 mais de 170 mil brasileiros obtiveram cidadania europeia. Passaporte italiano é um dos mais procurados.

Cresce número de brasileiros que buscam passaporte europeu

População residente em área indígena e quilombola supera 2,2 milhões

A informação é resultado de estudo divulgado pelo IBGE.

População residente em área indígena e quilombola supera 2,2 milhões

Brasil registrou mais de 76 mil divórcios em 2020

Mediação familiar possibilita diálogo entre os protagonistas do conflito em vez de entrar na justiça.

Brasil registrou mais de 76 mil divórcios em 2020

Banco Mundial lança plataforma Brasil Aberto

Ferramenta informará sobre ações da instituição no país de 2018 a 2023.


Operações do Pix depois das 20h terão limite de R$ 1 mil

Objetivo é coibir os casos de fraudes, sequestros e roubos noturnos.

Operações do Pix depois das 20h terão limite de R$ 1 mil

Brasil ocupa sétima posição em ranking de governo digital

Índice do Banco Mundial avaliou 198 economias.

Brasil ocupa sétima posição em ranking de governo digital

Desemprego cai para 13,7%, revela pesquisa do Ipea

Alta do emprego atingiu todos os segmentos da população.

Desemprego cai para 13,7%, revela pesquisa do Ipea

Brasil tem 3.280 municípios sem nenhum veículo de comunicação local

Projeto da FENAJ de financiamento público do jornalismo pode combater deserto de notícias que atinge 33,7 milhões de brasileiros.

Brasil tem 3.280 municípios sem nenhum veículo de comunicação local

IBGE e ANA lançam dados para orientar análises de recursos hídricos

As publicações apresentam os recortes hidrográficos espaciais do país.

IBGE e ANA lançam dados para orientar análises de recursos hídricos

Consumidor satisfeito é utopia?

Ter clientes satisfeitos sempre foi um dos objetivos de qualquer organização.

Consumidor satisfeito é utopia?