Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Golpe da carta do consórcio está de volta

Golpe da carta do consórcio está de volta

20/02/2019 Da Redação

Procon Assembleia alerta para cuidados para que o consumidor não seja enganado.

Golpe da carta do consórcio está de volta

Alguns golpes contra o consumidor são recorrentes, isto é, aparecem e desaparecem, vão e vêm ao longo do tempo. Quando denunciados pelos órgãos de defesa do consumidor e investigados pelas autoridades, deixam de existir por um período para depois voltarem com força.

É o que está acontecendo agora com o golpe da venda de cotas contempladas de consórcio, por meio de empresas que se dizem “intermediadoras” do negócio. O Procon da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) volta a alertar para esse crime de estelionato que está deixando muita gente no prejuízo. Os golpistas agem por um período breve, vitimando o maior número de pessoas possível, e somem logo que surgem as primeiras denúncias.

Existem normas que regulam a transferência de titularidade de cotas de consórcio. O consumidor que deixa de seguir essas normas é presa fácil para as quadrilhas que se aproveitam da boa fé das pessoas para lhes roubarem os planos, os sonhos e as economias, muitas vezes guardadas com tanta dificuldade.

O golpe funciona da seguinte maneira: por meio de propaganda na mídia ou nas redes sociais, os estelionatários prometem a liberação do crédito total  (carta de crédito) para a compra de determinado bem, geralmente um veículo, mediante o pagamento de uma quantia a título de entrada. O consumidor acredita que está adquirindo uma cota contemplada de consórcio, mas não recebe sequer as informações básicas, como os nomes do titular da cota ou da administradora de consórcios responsável.

Depois que o contrato é assinado e o pagamento é feito, a vítima é orientada a aguardar até 90 dias para a transferência da carta de crédito para o seu nome. Passado esse tempo, essa transferência obviamente não acontece, os telefones de contato não respondem e no endereço da “empresa” vendedora o cliente se depara com portas fechadas. O prejuízo está consolidado e só resta buscar ajuda nos procons e na delegacia de polícia.

Fonte: Procon ALMG



Receita libera pagamento do 4º lote de restituição do IR 2019

Lote inclui restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018.

Receita libera pagamento do 4º lote de restituição do IR 2019

Pagamento de R$ 500 por conta do FGTS teve início nesta sexta

Cerca de 33 milhões de trabalhadores receberão o crédito automático na conta poupança.

Pagamento de R$ 500 por conta do FGTS teve início nesta sexta

Contribuinte já pode consultar o 4º lote de restituição do IR

O dinheiro será depositado nas contas no próximo dia 16 de setembro.

Contribuinte já pode consultar o 4º lote de restituição do IR

Hábitos que podem estar levando seu dinheiro embora

Confira dez hábitos que podem ser cortados para não comprometer a sua renda.

Hábitos que podem estar levando seu dinheiro embora

INSS começa a pagar a primeira parcela do 13º dos aposentados

O dinheiro será depositado junto com a folha mensal de agosto.

INSS começa a pagar a primeira parcela do 13º dos aposentados

Receita paga restituições do 3º lote do Imposto de Renda 2019

O lote contempla também restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018.


Receita abre consulta a terceiro lote de restituição do IR

Crédito bancário será feito no dia 15 deste mês.

Receita abre consulta a terceiro lote de restituição do IR

Trabalhador já pode cancelar crédito automático do FGTS na Caixa

Prazo para pedir cancelamento vai até 30 de abril de 2020.

Trabalhador já pode cancelar crédito automático do FGTS na Caixa

Disque Denúncia lança campanha contra produtos contrabandeados

Ideia é alertar para a relação entre contrabando e crime organizado no Rio de Janeiro.

Disque Denúncia lança campanha contra produtos contrabandeados

Saques nas contas do FGTS começam em setembro

Poderão retirar até R$ 500 trabalhadores com contas ativas e inativas.

Saques nas contas do FGTS começam em setembro

ANS limita reajuste de planos de saúde individuais e familiares a 7,3%

A agência orienta os beneficiários a observarem se os reajustes aplicados serão iguais ou inferiores a esse limite.


Receita libera restituições do 2º lote do Imposto de Renda

Serão depositados R$ 5 bilhões para 3.164.229 contribuintes

Receita libera restituições do 2º lote do Imposto de Renda