Portal O Debate
Grupo WhatsApp

A emancipação do ser humano na construção de um planeta saudável

A emancipação do ser humano na construção de um planeta saudável

02/09/2020 Luiz Alexandre Solano Rossi

Na literatura bíblica, o meio ambiente é o lugar onde se realiza a história.

A emancipação do ser humano na construção de um planeta saudável

Assim, podemos dizer que história e natureza estão intimamente ligadas. Da mesma maneira que se constrói a história, é vista e tratada a natureza.

Além disso, a natureza nos textos bíblicos não é apresentada como um elemento a mais na criação; ao contrário, ela é associada à história humana.

Não se pode descrever o pensamento bíblico sobre o meio ambiente sem nenhuma referência à história.

Afinal, a ação de Deus e seu encontro com a humanidade acontecem na história. A experiência divina com o povo está definida, necessariamente, no espaço e no tempo de cada ser humano.

Consequentemente, criação e humanidade participam do mesmo destino comum, ou seja, os problemas de que trata a ecologia não afetam apenas o meio ambiente. Afetam o ser mais complexo da natureza, que é o ser humano.

E entre os seres humanos, os mais pobres são os que recebem com maior impacto os efeitos da degradação ambiental, com o agravante de não terem acesso a condições favoráveis de saneamento, alimentação, entre outros e não poderem se utilizar dos artifícios de que os mais ricos normalmente se valem para escapar do espaço urbano poluído.

É preciso superar urgentemente a visão que separa o ser humano de seu habitat natural: o universo. Já não é mais possível pensar tão somente na vida e sobrevivência das pessoas.

Todavia, a compreensão errônea dessa relação humanidade-meio ambiente tem provocado graves assimetrias: a principal delas é a exploração do homem pelo homem, que gera a exploração da natureza.

Pode-se dizer que quando não se tem mais respeito pelo seu semelhante, não se tem mais respeito por tudo aquilo que compõe o seu ambiente natural.

No processo de construção da história, a natureza não se apresenta como obstáculo. Muito menos como um elemento que deve ser sacrificado por uma causa maior.

Talvez, diante da crise que se nos apresenta, devêssemos superar o conceito do teocentrismo (próprio da Idade Média), do antropocentrismo (próprio da Modernidade) e pensarmos no conceito do biocentrismo.

Mas que fique claro: não é a negação do humano e muito menos do divino. Mas sim o encontro divino-humano ao redor e em defesa da vida.

Diante da necessidade da construção de um planeta saudável se faz necessário reler a questão ecológica a partir da questão da sobrevivência.

Fora desta perspectiva é possível que surja um espaço para a fabricação de abusos e manipulações; haveria o início da construção da idolatria do desenvolvimento.

Mas devemos nos lembrar que a tríade humanidade - planeta saudável - libertação se complementam, vivem simbioticamente e estabelecem um relacionamento construtivo e não destrutivo.

Sensibilidade e conviviabilidade se tornam palavras de ordem e não de desordem. É a ordem que emerge em meio ao caos.

* Luiz Alexandre Solano Rossi é doutor em Ciências da Religião e professor da graduação em Teologia Interconfessional do Centro Universitário Internacional Uninter.

Fonte: Pg1 Comunicação



O que são mesmo as cidades inteligentes? A Mantiqueira ensina

Vivemos um momento histórico de perplexidade e ruptura com os nossos padrões.

O que são mesmo as cidades inteligentes? A Mantiqueira ensina

Mercado de gestão de créditos de carbono é a aposta da Ecofix

Agronegócio passa a contar com um novo sistema de gestão de commodities ambientais que comercializa e monitora créditos por Pagamentos de Serviços Ambientais.

Mercado de gestão de créditos de carbono é a aposta da Ecofix

O Brasil no coração da conservação mundial da natureza

O Congresso trouxe esperança para todos que estão comprometidos com a conservação da natureza em nosso país.

O Brasil no coração da conservação mundial da natureza

Brasil pode gerar até US$100bi em receitas de créditos de carbono até 2030

Projeção feita pela WayCarbon em estudo encomendado pela ICC Brasil aponta oportunidades para os trades de agro, florestas e energia até 2030, com recomendações ao governo brasileiro e ao setor privado.

Brasil pode gerar até US$100bi em receitas de créditos de carbono até 2030

Sérgio Bringel: “preservar a Amazônia é cuidar do futuro de todos”

Sérgio Bringel, CEO do Grupo Norte de Comunicação, lançou, neste mês, uma campanha para promover ações de sustentabilidade em homenagem à Amazônia. Intitulada de #BemVerde.

Sérgio Bringel: “preservar a Amazônia é cuidar do futuro de todos”

Projeto prevê revitalização na bacia do Rio Urucuia em Minas Gerais

Governo Federal lança projeto que prevê plantio de 4,5 milhões de mudas de espécies do Cerrado

Projeto prevê revitalização na bacia do Rio Urucuia em Minas Gerais

Verão na Europa foi um dos mais quentes já registrados

Temperatura entre junho e agosto foi 1º Celsius acima da média.

Verão na Europa foi um dos mais quentes já registrados

Estudo constata redução de 15% da superfície de água no Brasil em 36 anos

Para evitar queimadas, é preciso investir em conscientização ambiental

Os números são alarmantes e indicam que as condições de fogo em todos os cantos do Brasil serão catastróficas.

Para evitar queimadas, é preciso investir em  conscientização ambiental

Ambev transforma suas geladeiras em ecológicas

Além da redução das emissões de gás carbônico, operação desses refrigeradores geraram economia de até 50% de energia elétrica.

Ambev transforma suas geladeiras em ecológicas

A importância da economia circular

Economia circular é todo o processo de produção e descarte sustentável.

A importância da economia circular

Como frear o aquecimento global: a parte que cabe a cada um

Nesta semana, li uma anedota muito interessante. Uma conversa entre duas pessoas.

Como frear o aquecimento global: a parte que cabe a cada um