Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Campanha volta a recolher óleo de cozinha em várias cidades do País

Campanha volta a recolher óleo de cozinha em várias cidades do País

04/04/2019 Da Redação

A ação conta com mais de 350 revendas parceiras na coleta de óleo de cozinha usado para produção de sabão biodegradável e biodiesel.

Campanha volta a recolher óleo de cozinha em várias cidades do País

Mais de 1 milhão litros de óleo de cozinha usado já foram coletados desde 2014 pelo projeto “Junte Óleo: Ultragaz Coleta, Soya Recicla”, fruto de uma parceria entre a Ultragaz, Bunge e Instituto Triângulo.  A campanha já está estabelecida nos estados de São Paulo, Ceará, Bahia, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Pernambuco.

A cada dois litros de óleo de cozinha usados e entregues nos caminhões da Ultragaz que circulam pelas ruas de diversas cidades do Brasil, o cidadão recebe duas barras de sabão biodegradável produzidas com parte do que é coletado. O restante é transformado em biodiesel.

“A Campanha Junte Óleo: Ultragaz Coleta e Soya Recicla vem de encontro à estratégia de Sustentabilidade da Ultragaz que visa, além de trazer benefícios à sociedade, a preservação do meio ambiente. Nossa intenção é a expansão para um maior número de estados e cidades, contemplando assim um maior número de domicílios impactados”, afirma Daniela Gentil, Gerente de Sustentabilidade da Companhia Ultragaz.

No site do Soya Recicla é possível conhecer mais pontos de coleta e todas as localidades que participam da Campanha “Junte Óleo, Ultragaz Coleta, Soya Recicla”: www.soya.com.br/soyarecicla.



Petrobras recolhe 200 toneladas de resíduos de óleo nas praias do Nordeste

Cerca de 1700 agentes ambientais contratados pela companhia atuaram na limpeza das áreas impactadas.

Petrobras recolhe 200 toneladas de resíduos de óleo nas praias do Nordeste

Minas consolida planos diretores em 90% das bacias hidrográficas

Até 2020, todas as 36 bacias presentes no estado serão contempladas.

Minas consolida planos diretores em 90% das bacias hidrográficas

A Gestão da Educação Ambiental

A gestão pública por meio da Educação Ambiental necessita difundir o conceito de futuras gerações.

A Gestão da Educação Ambiental

Processos de outorga de uso da água passa a ser 100% digital em Minas

Portaria do Igam também consolida normas em um só instrumento e padroniza prazo para apresentação de informações complementares.

Processos de outorga de uso da água passa a ser 100% digital em Minas

Projeto coleta mais de oito toneladas de vidro em bares do Rio

Parceria da cervejaria Kona com a startup Green Mining realiza programa de logística reversa inteligente no bairro da Lapa.

Projeto coleta mais de oito toneladas de vidro em bares do Rio

1 em cada 5 brasileiros é consumidor de produtos orgânicos

Os números apurados estão longe do maior mercado mundial dos orgânicos.

1 em cada 5 brasileiros é consumidor de produtos orgânicos

Valores dos ingressos nos parques nacionais terão reajustes

O acréscimo nas entradas dos parques, a partir de novembro, varia em média de R$ 1 a R$ 2.

Valores dos ingressos nos parques nacionais terão reajustes

Consumo consciente deve ser incentivado desde a infância

Especialistas indicam que família e escola trabalhem o tema com as crianças.

Consumo consciente deve ser incentivado desde a infância

Redução do IPTU como incentivo para a coleta seletiva

A sociedade tem aceitando, cada vez mais, medidas ambientalmente adequadas para a preservação do meio ambiente.

Redução do IPTU como incentivo para a coleta seletiva

Rock in Rio terá reciclagem de 2,5 milhões de copos plásticos

A iniciativa transformará os copos plásticos de Heineken descartados durante os sete dias do maior festival de música do mundo em embalagens de Natura Humor.

Rock in Rio terá reciclagem de 2,5 milhões de copos plásticos

32 anos do Protocolo de Montreal, avanços e desafios

A diminuição da camada de ozônio é um dos impactos antrópicos mais significativos da história da humanidade.


Temperatura média do planeta pode subir 3,4°C até 2100

Combustíveis fósseis como o carvão e o petróleo são as principais fontes de energia da humanidade.

Temperatura média do planeta pode subir 3,4°C até 2100