Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Distrito Federal infestado por escorpiões

Distrito Federal infestado por escorpiões

24/07/2020 André Maciel Pelanda

As grandes cidades apresentam um excelente habitat para os escorpiões.

Distrito Federal infestado por escorpiões

Determinadas condições climáticas, como o aumento da temperatura, podem favorecer a proliferação de escorpiões, fazendo com que o índice de acidentes com estes animais seja mais elevado. Somente neste ano, os casos no Distrito Federal aumentaram em 37%, de acordo com um levantamento efetuado pela Vigilância Ambiental.

Os escorpiões estão entre os animais mais antigos do planeta Terra e possuem um exoesqueleto, que é uma camada interna resistente e flexível, porém, se difere dos ossos dos vertebrados. As características morfológicas dos escorpiões permitiram que pudessem colonizar uma grande variedade de ambientes terrestres, sendo que existem cerca de 2000 espécies espalhadas pelo planeta. A maior parte das espécies habitam regiões que apresentam um clima tropical ou subtropical, como grande parte das regiões Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste do Brasil.

Eles se alimentam principalmente de pequenos insetos, como aranhas e baratas e podem predar até mesmo pequenos vertebrados, como rãs e roedores, e apresentam glândulas que produzem uma peçonha que é inoculada em suas vítimas através de ferrão conhecido como télson. Em função de seus hábitos alimentares e dos riscos que representam, os acidentes com estes animais, os escorpiões podem causar problemas para a saúde das populações humanas que estão localizadas nas regiões que estes animais se distribuem, sendo animais sinantrópicos, ou seja, se adaptaram para viver na presença dos seres humanos.

As grandes cidades apresentam um excelente habitat para os escorpiões, já que fornecem abrigos através das redes de esgoto e quando o lixo não é recolhido ou destinado em um local adequado, pode atrair insetos e pequenos animais que fazem parte de seu leque alimentar.  No Brasil, se destacam o escorpião-amarelo (Tityus serrulatus) e o escorpião-marrom (Tityus bahiensis), as duas espécies apresentam uma peçonha neurotóxica que age sobre o sistema nervoso e pode gerar óbito por parada cardíaca ou edema pulmonar. Pessoas idosas que apresentam problemas preexistentes, com diabetes e problemas cardíacos, podem apresentar uma maior sensibilidade ao veneno dos escorpiões, devendo fazer uma busca por ajuda médica imediata em casos de acidentes com estas espécies, pois o soro antiescorpiônico apresenta uma maior eficácia se for aplicado logo após a picada.

Alguns cuidados são extremamente necessários para manter os escorpiões afastados das residências, como o hábito de manter o quintal das casas limpos e sem a presença de entulho, o descarte de alimentos em locais inadequados deve ser evitado em função de que pode atrair insetos, e, consequentemente escorpiões. Também, deve-se evitar deixar calçados próximos de móveis e tampar os ralos dos banheiros, já que os escorpiões podem adentrar a parte interna das residências através destas tubulações. As mudanças climáticas contribuem com o aparecimento da espécie inclusive na região sul do Brasil.

* André Maciel Pelanda é tutor central do curso de Gestão Ambiental do Centro Universitário Internacional Uninter; Rodrigo Berté é diretor da Escola Superior de Saúde, Biociência, Meio Ambiente e Humanidades do Centro Universitário Internacional Uninter.

Fonte: Página 1 Comunicação



Governo cria Cadastro Ambiental Urbano

Objetivo é incentivar o uso de parques urbanos e áreas verdes de lazer.

Governo cria Cadastro Ambiental Urbano

Saneamento: entre a lei e a realidade

A lei é apenas um passo de um longo caminho que precisamos percorrer para responder às demandas urgentes.

Saneamento: entre a lei e a realidade

Novo Marco Legal e a eficiência energética no saneamento

A eficiência energética no setor ganha relevância ao estar em linha com os conceitos de sustentabilidade.

Novo Marco Legal e a eficiência energética no saneamento

Justiça suspende avanço de mineração na Serra da Moeda

Reunião com voto favorável ao licenciamento da Gerdau Açominas foi cancelada.

Justiça suspende avanço de mineração na Serra da Moeda

Flores mais indicadas para cultivo na primavera

Muitas plantas apresentam desenvolvimento de folhas novas nesse período, o que pode atrair pragas.

Flores mais indicadas para cultivo na primavera

Aquecimento Global? Ele existe?

Este é um fenômeno global que tem se intensificado nos últimos anos.

Aquecimento Global? Ele existe?

Zoológico de São Paulo comemora nascimento de dois micos-leões-pretos

Filhotes seguem sob cuidados, recebendo dieta com legumes e frutas.

Zoológico de São Paulo comemora nascimento de dois micos-leões-pretos

11º Prêmio Hugo Werneck de Sustentabilidade abre inscrições

Edição on-line tem como tema “Tempos Futuros: de Charles Chaplin à Indústria 4.0”.


Dez anos depois, Política de Resíduos Sólidos é revigorada

A Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), instituída pela Lei 12.305, de 2 de agosto de 2010, completa 10 anos.

Dez anos depois, Política de Resíduos Sólidos é revigorada

Estudo aponta que retomada econômica passa pela questão ambiental

Semin[ario aponta formas de trabalho e estratégias para enfrentar a crise econômica e climática.

Estudo aponta que retomada econômica passa pela questão ambiental

Um ano depois, manchas de óleo ainda representam risco ao ecossistema

Especialistas defendem a continuidade dos estudos sobre os impactos e o desenvolvimento de tecnologia de monitoramento das águas.

Um ano depois, manchas de óleo ainda representam risco ao ecossistema

A emancipação do ser humano na construção de um planeta saudável

Na literatura bíblica, o meio ambiente é o lugar onde se realiza a história.

A emancipação do ser humano na construção de um planeta saudável