Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Entrevista com Marcelo Eduardo Braga

Entrevista com Marcelo Eduardo Braga

26/03/2007 Da Redação

Braga é do departamento de comunicação da Vicar e Assessor de Imprensa da Copa Nextel Stock Car, a principal categoria do automobilismo nacional que movimenta 160 milhões anuais, empregando 1400 profissionais diretos e outros 700 indiretos.

Em 2007 serão 11 provas nacionais e uma na Argentina.  Com 25 equipes e 50 pilotos está dividida em três categorias: Junior, Light e V8. As provas iniciam no dia 22 de abril próximo e terão transmissão pela TV (Rede Globo ou SportTV). 

Calendário 2007

22/04-São Paulo-Copa Nextel Stock Car (Globo), Stock Car Light e Stock Jr
06/05-Curitiba-Copa Nextel Stock Car (Globo), Stock Car Light e Stock Jr
03/06-Campo Campo-Copa Nextel Stock Car (SportTV), Stock Car Light e Stock Jr
17/06-São Paulo-Copa Nextel Stock Car (SporTV), Stock Car Light e Stock Jr
29/07-Londrina-Copa Nextel Stock Car (SportTV)  e Stock Jr
19/08-Santa Cruz-Copa Nextel Stock Car (SportTV) e Stock Jr
08/09-Curitiba-Copa Nextel Stock Car (Globo), Stock Car Light e Stock Jr
23/09-Brasília-Copa Nextel Stock Car (Globo), Stock Car Light e Stock Jr
14/10-Tarumã-Copa Nextel Stock Car (Globo) Stock Car e Stock Jr
28/10-Buenos Aires-Copa Nextel Stock Car (Globo)
18/11-Rio de Janeiro-Copa Nextel Stock Car (Globo), Stock Car Light e Stock Jr
09/12-São Paulo-Copa Nextel Stock Car (Globo), Stock Car Light e Stock Jr

P – Em 2007 o nome da Stock Car passou a se chamar “Nextel Stock Car“, quais serão os benefícios com essa mudança?
R – A Stock sempre teve a Nascar como espelho. Dessa forma, ter a Nextel assinando o evento é uma grande honra, pois segue os mesmos passos da competição norte-americana.

P - Qual é o papel da VICAR na Nextel Stock Car 2007?
R - A Vicar é a promotora do evento.

P - Quantas provas, equipes e pilotos estão envolvidos na principal categoria neste ano
R – Serão 12 provas ao longo do ano com cerca de 50 pilotos em 25 equipes.

P - A Stock Car representa atualmente a maior categoria do automobilismo nacional, qual é o investimento financeiro anual e quantos empregos são gerados por ela diretamente e indiretamente? 
R – A categoria movimentou (no todo) 160 milhões de reais no ano passado. São 1400 empregos diretos, além dos 700 temporários, por etapa.

P - Quanto a pintura e design dos carros, houve alguma alteração?
R - Cada equipe  pode fazer o design que quiser, desde que obedeça as regras estipuladas. Uma cor deve ter 70% do espaço, por exemplo.

P - Sabe-se que nesse ano será implementado o Air Box nos carros, qual é a sua função e o que se espera com essa implementação? 
R - Trata-se de uma tomada de ar para o carburador que ajuda na ultrapassagem, pois melhora a refrigeração e o rendimento quando o carro “cola” no da frente.

P - Qual é a diferença de Stock Jr, Stock Light e Stock Car?
R - A Stock Jr. é uma categoria de formação, nas qual os carros têm motor de moto com 1200 cv. A Light e a Stock são ambas com motor V8, sendo que a Light tem menor potência. Para poder disputar a Stock, o piloto deve passar pela Light, ou ter disputado alguma categoria superior no exterior.

P – Com é a segurança dos carros da Stock Car?
R – A preocupação da categoria é total com a segurança. Tanto assim que no ano que vem vão diminuir os número de carros por prova. O melhor exemplo da segurança foi na etapa do ano passado em Buenos Aires, quando o Gualter Sales teve um acidente incrível e não sofreu nada. Mas não podemos esquecer que se trata de um esporte de risco.

P - Quanto é a média de combustível de um carro da Stock Car?
R – O combustível é especial, feito pela Petrobrás especialmente para a Stock Car. É uma gasolina que tem pouco chumbo, ou seja, polui menos. Cada carro consome cerca de 200 litros por prova.

P - A Stock Car terá 12 provas no ano de 2007, qual é a média de publico esperada? 

R - Tivemos 33,1 mil por etapa em 2006 e queremos subir uns 15%. Na verdade, os circuitos são limitados e não permitem mais do que isso.

P - Quanto tempo demora para preparar uma prova de Stock Car?
R - A temporada tem de estar toda pronta antes mesmo de começar. Já estamos trabalhando em todas elas, deixando para semanas que antecedem as montagens e ajustes.

P - Quero ser piloto de Stock Car. Tenho que ter uma carta especifica ou a minha já vale?
R – Tem de fazer um curso reconhecido pela CBA (há vários em São Paulo). Depois de aprovado, disputar provas regionais para começar a subir e chegar a Stock.

P - Quanto teria de investir para começar a correr na categoria inicial (Stock Jr)?

R – A temporada custaria uns R$18 mil por prova.

P - Com a entrada da Peugeot o campeonato se firmou mais no conceito multimarcas, você acredita que outras marcas ingressarão nos próximos anos?
R – Não. O projeto é para quatro montadoras. Para outras entrarem, só se sair alguma das atuais.

P- Quanto custa para ir numa prova de Stock Car? Lá no autódromo posso ver os carros de pertinho?
R – O ingresso mais caro é em São Paulo, R$ 25,00. Nas demais praças ele diminuiu. Há ingressos que dão direito a visitar os boxes em algumas etapas, com preço maior.



As cidades e as mudanças climáticas

Tão linda, tão bela... e agora tão quente. Assim é a cidade de Paris no verão europeu.

As cidades e as mudanças climáticas

O Brasil e a agropecuária sustentável

A pecuária brasileira tem se pautado ao longo dos anos pela sustentabilidade em toda cadeia produtiva e pela qualidade e segurança dos alimentos.


Como transformar a nossa relação com a natureza?

Falar em meio ambiente não é algo abstrato.

Como transformar a nossa relação com a natureza?

Cerrado tem 5% da biodiversidade do mundo

O Cerrado é o segundo maior domínio brasileiro com um território de 1,5 milhão de km².

Cerrado tem 5% da biodiversidade do mundo

Alertas de desmatamento crescem 223% na Amazônia, segundo Inpe

Área desflorestada da Amazônia, em 2019, cresceu 92% ao registrado no mesmo período do ano passado.

Alertas de desmatamento crescem 223% na Amazônia, segundo Inpe

Oceanos são o verdadeiro pulmão do mundo, diz pesquisador

Em evento realizado no Rio de Janeiro, cientistas, atletas, jornalistas, influenciadores e artistas discutiram a importância dos ecossistemas marinhos para a sobrevivência na Terra.

Oceanos são o verdadeiro pulmão do mundo, diz pesquisador

Ambev seleciona startups com soluções socioambientais

As inscrições estão abertas para a 2ª edição do programa; o melhor projeto será premiado com R$ 100 mil.

Ambev seleciona startups com soluções socioambientais

A propósito das sacolas de plástico

O plástico é mais solução do que problema se for bem manejado e processado.

A propósito das sacolas de plástico

A água que você não vê

Feche a torneira ao escovar os dentes! Banho de 5 minutos! Lave o carro e o quintal com balde e não com mangueira!


Focos de queimadas batem recorde no Brasil

Queimadas no país já ultrapassam 70 mil pontos em 2019.

Focos de queimadas batem recorde no Brasil

Como a comunicação pode engajar a sociedade na preservação dos oceanos

Conexão Oceano abordará a relação do oceano com o nosso dia a dia e o papel da comunicação para a sensibilização da comunidade.

Como a comunicação pode engajar a sociedade na preservação dos oceanos

Julho de 2019 foi o mês mais quente da história mundial

2019 foi o ano com maiores temperaturas até o momento em partes da América do Sul e do Norte, Ásia, Austrália e Nova Zelândia.

Julho de 2019 foi o mês mais quente da história mundial