Portal O Debate
Grupo WhatsApp

O frisson pela exploração mineral

O frisson pela exploração mineral

04/08/2021 Tasso Mendonça

Não existe país em todo o mundo com uma política regulatória da extração mineral com tantos avanços, em tão pouco tempo, quanto a do Brasil.

O frisson pela exploração mineral

A implantação da Agência Nacional de Mineração (ANM) no Brasil ocorreu há apenas dois anos, mas seu impacto no setor extrativista do país chama a atenção de grandes, médios e até pequenos investidores. Os principais motivos são a disponibilização de novas áreas para pesquisa e lavra e a celeridade dos projetos que visam iniciar as operações de exploração e de produção mineral.

Outro ponto que tem chamado a atenção dos empreendedores   é o fato da ANM estar viabilizando a regulação para que os títulos minerários possam ser apresentados como ativos garantidores para o acesso a empréstimos bancários e para investimentos de capitais, ou seja, os investimentos poderão ter como garantia a própria área requerida.

O resultado é uma grande alta na expectativa de novos investimentos no setor. A estimativa é que haja uma maior injeção de capitais, além dos US$ 38 bilhões garantidos até 2024, que deverão vir de novos agentes interessados em apostar na mineração brasileira.

De fato, o balanço da indústria mineral brasileira alcançou números tão positivos que, desde o início da pandemia foi o que apresentou as melhores performances econômicas do país. Até março deste ano, suas exportações, sobretudo de minério de ferro, haviam crescido 11%, alcançando 371 milhões de toneladas em remessas e um faturamento R$ 70 bilhões – um superávit de US$ 10,7 bilhões* na balança comercial (* O saldo do setor mineral correspondeu a 135% do saldo Brasil no 1T21) Fonte: Comex Stat.

Vale ressaltar que grandes analistas e profissionais da mineração em âmbito global têm avaliado de forma positiva o cenário nacional, e atribuem parte disso à Agência e a ascensão de intensão dos investimentos em exploração e produção mineral no país nos próximos anos. Atualmente, não existe país em todo o mundo com uma política regulatória da extração mineral com tantos avanços, em tão pouco tempo, quanto a do Brasil. A oferta de áreas, a desburocratização e uma positiva agenda regulatória, onde a maioria dos temas prioritários serão tratados, constituem-se em um marco que atende aos anseios de investidores nacionais e internacionais, mas sem comprometer o meio ambiente e a segurança jurídica.

O Brasil pode e deve se gabar de ter encontrado um caminho para um equilíbrio entre os interesses econômicos e a sustentabilidade ambiental e social. Um dos méritos mais recentes da Agência foi ter liberado para exploração nada menos que dez mil novas áreas, através de edital, além novas formas de diálogo com a sociedade que é chamada a se manifestar nos temas relevantes da mineração, incluindo um intensivo programa de resolução de conflitos e regularização de áreas de garimpagem e de mineração de pequena escala. Não é por acaso que há um frisson em escala global pela exploração mineral no país. Os números tendem a ser bastante positivos daqui em diante.

* Tasso Mendonça - Diretor da Agência Nacional de Mineração (ANM).

Para mais informações sobre Mineração clique aqui...

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Fonte: Naves Coelho Comunicação



Projeto incentiva o plantio de 1 bilhão de árvores em Minas Gerais

Conspiração Mineira pelo Plantio de Árvores é apresentada pela ACMinas.

Projeto incentiva o plantio de 1 bilhão de árvores em Minas Gerais

Estudo avalia a situação hídrica da Bacia do Rio da Prata, em Presidente Olegário

Diagnóstico de Zoneamento Ambiental Produtivo (ZAP) faz parte das ações do Programa Restaurar, estruturado pelo Sebrae Minas, no noroeste do estado.

Estudo avalia a situação hídrica da Bacia do Rio da Prata, em Presidente Olegário

Brasil registra reciclagem de 98,7% de latas de alumínio em 2021

Índice é o maior já alcançado pelo setor.

Brasil registra reciclagem de 98,7% de latas de alumínio em 2021

Onça-parda é vista em área onde era considerada extinta no Rio de Janeiro

Reserva ambiental fica em Maricá, na região metropolitana.

Onça-parda é vista em área onde era considerada extinta no Rio de Janeiro

Livro mostra biodiversidade do Parque Nacional do Iguaçu

Publicação tem imagens e infográficos para explicar como é o trabalho de conservação na região e curiosidades sobre espécies.

Livro mostra biodiversidade do Parque Nacional do Iguaçu

Acordo prevê remuneração para conservação de florestas

Estudo de viabilidade será feito em duas etapas.

Acordo prevê remuneração para conservação de florestas

Copasa prevê investir R$ 34 milhões na recuperação de nascentes em 2022

Investimento no programa Pró-Mananciais é recorde; nos últimos cinco anos, companhia empregou R$ 62 mi na revitalização de minas, córregos e rios.

Copasa prevê investir R$ 34 milhões na recuperação de nascentes em 2022

Inmet lança documento com informações meteorológicas de 30 anos

Dados do Inmet mostram elevação das temperaturas e maior frequência de chuvas intensas no Brasil.

Inmet lança documento com informações meteorológicas de 30 anos

Apenas 7% dos rios da Mata Atlântica apresentam água de boa qualidade

Dados são divulgados no Dia Mundial da Água, comemorado neste 22 de março.

Apenas 7% dos rios da Mata Atlântica apresentam água de boa qualidade

São Paulo inaugura programa que plantará um milhão de árvores pelo Brasil

União Química, em parceria com a ONG Ipê e o Centro de Educação Ambiental de Guarulhos, já começa a plantar 100 mil mudas de árvores nativas no estado.

São Paulo inaugura programa que plantará um milhão de árvores pelo Brasil

Parem de culpar o clima pelos desastres

Todos os anos, no período de janeiro a março, existe grande concentração de chuvas em algumas regiões brasileiras.

Parem de culpar o clima pelos desastres

Fundação UniAbralimp lança e-book gratuito sobre ESG

Entenda como funciona a adesão das melhores práticas ambientais, sociais e de governança na limpeza profissional.

Fundação UniAbralimp lança e-book gratuito sobre ESG