Aprovado projeto sobre proteção de dados pessoais

Nova lei, que segue para a sanção de Temer, cria um marco legal para proteção, tratamento e uso de informações pessoais no país.


Deutsche Welle

11/07/2018 - 17:54

O Senado aprovou um projeto de lei que define as regras para a proteção de dados pessoais no país, determinando em que situações essas informações podem ser coletadas e como devem ser tratadas tanto por empresas como pelo poder público.

O texto foi aprovado pela Câmara dos Deputados no fim de maio e, como seu conteúdo não sofreu alterações por parte dos senadores, segue para a sanção do presidente Michel Temer. Com isso, o Brasil se junta a diversos países do mundo que já possuem legislação sobre o tema.

Segundo o Senado, o projeto de lei foi inspirado em linhas específicas do Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados (RGPD) da União Europeia (UE), que entrou em vigor em maio passado.

A proposta disciplina a forma como as informações são coletadas e tratadas, especialmente em meios digitais, como dados pessoais de cadastro – incluindo nome, endereço, e-mail, idade, estado civil, entre outros – ou até mesmo textos e fotos publicadas em redes sociais.

Assim, os cidadãos terão um maior controle sobre suas informações pessoais, uma vez que o texto exige o consentimento explícito do usuário para que seus dados sejam coletados e usados, e obriga que sejam oferecidas opções para o cidadão visualizar, corrigir e excluir esses dados.

Essa autorização deve ser solicitada de forma clara, em cláusula específica, e não de maneira genérica. Caso uma empresa colete um dado para um determinado fim e mude essa finalidade, deve obter um novo consentimento. A permissão dada pelo usuário, contudo, deve ser revogada se o titular assim desejar.

O projeto de lei também proíbe o uso de dados pessoais para a prática de discriminação ilícita ou abusiva – ou seja, o cruzamento de informações de uma pessoa ou de um grupo específico para subsidiar políticas públicas ou decisões comerciais, como definir um perfil de consumo para divulgação de ofertas de bens ou serviços, por exemplo.

Criou-se ainda uma categoria especial de informações, denominada dados "sensíveis", que abrange registros de raça, opiniões políticas, crenças, condições de saúde e características genéticas. O uso desses registros fica mais restrito, já que traz riscos de discriminação e outros prejuízos ao usuário.

Também há parâmetros diferenciados para processamento de informações de crianças, como a exigência de consentimento dos pais e a proibição de condicionar o fornecimento de registros à participação em aplicativos, como redes sociais e jogos eletrônicos.

Para editar normas complementares, fiscalizar as obrigações previstas na lei e aplicar sanções, o texto prevê a criação de um órgão regulador, a chamada Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD), vinculada ao Ministério da Justiça.

Empresas e entidades que descumprirem as regras estão sujeitas a multas de até 2% de seu faturamento no último exercício, limitadas a 50 milhões de reais, além da proibição parcial ou total do exercício de atividades relacionadas ao uso de dados.

A norma vale inclusive para empresas com sede no exterior, mas que realizam operações de tratamento de dados no Brasil ou coletam informações de pessoas que estão em território nacional. Por exemplo, por mais que o Facebook recolha dados de brasileiros e faça o tratamento em servidores nos Estados Unidos, a empresa terá de respeitar as regras.

Parlamentares defendem proposta

O tema mobilizou o Congresso principalmente depois do vazamento de dados de pelo menos 87 milhões de usuários do Facebook, coletados pela empresa Cambrigde Analytica e usados nas últimas eleições nos Estados Unidos.

O senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES), relator do projeto na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado, que aprovou o projeto de lei na semana passada, destacou que a regulação do tema já é uma realidade no resto do mundo.

"Mais de 100 países já colocaram de pé leis e diretrizes de proteção de dados no ambiente da internet. A internet não pode ser ambiente sem regras. A privacidade é um valor civilizatório", argumentou o parlamentar.

Para Ferraço, o Brasil perde oportunidades de investimento financeiro internacional em razão do "isolamento jurídico" por não possuir uma lei geral de proteção de dados pessoais.

O senador Eduardo Braga (MDB-AM), nomeado relator no plenário do Senado, também defendeu a importância da proposta – apoiada por diversas entidades de comunicação e tecnologia da informação, mas rejeitada por organizações do setor financeiro.

"Na era digital, dados são considerados grande ativo e patrimônio e devem receber grau mínimo de proteção jurídica. Dados trafegam pelas redes e, sem consentimento, acabam sendo comercializados, em contraposição aos preceitos constitucionais, que garantem o direito à vida privada", disse Braga. 





China inaugura maior ponte marítima do mundo

Obra de 55 km que inclui túnel subaquático e interliga Hong Kong, Macau e China continental é inaugurada com dois anos de atraso e custo acima do previsto.


A profissão do futuro

Educação & Capacitação

A profissão do futuro

No ano passado, três das mais respeitadas instituições de educação, pesquisa e inovação do mundo se uniram para tentar descobrir quais seriam as profissões da próxima geração.


Burst: Quais as vantagens para você que é empresário?

Briefing

Burst: Quais as vantagens para você que é empresário?

Aqui você encontra as melhores imagens, já otimizadas, para os mais diversos usos.


Cinco benefícios da aveia que você precisa conhecer

Funcional, a aveia é o mais nutritivo de todos os cereais.



Márcia Fellipe lança clipe com Jerry Smith

Notas Musicais

Márcia Fellipe lança clipe com Jerry Smith

Single “Quem me derá” promete ser o hit da cantora.


Usuários de cartão de crédito desconhecem valor da fatura

Mundo Empresarial

Usuários de cartão de crédito desconhecem valor da fatura

Um terço dos usuários de cartão de crédito não sabem quanto gastaram no mês anterior.


Rock in Rio anuncia três atrações do Palco Mundo

P!nk, Black Eyed Peas e Anitta se apresentarão no dia 05 de outubro de 2019, na Cidade do Rock.


Marketing de referência – Tudo o que você necessita saber

Briefing

Marketing de referência – Tudo o que você necessita saber

No mundo dos negócios é bastante comum que se ouça a expressão “marketing de referência”.


Correios lança selos sobre a história da computação brasileira

Digital

Correios lança selos sobre a história da computação brasileira

Três selos apresentam estudos e projetos de computadores nacionais.


Brasil faz ação para promover carne bovina na Europa

Café Pequeno

Brasil faz ação para promover carne bovina na Europa

Abiec participa da Sial Paris para divulgar a qualidade da carne bovina brasileira.


BH recebe XV Mostra de Cinema Atual Espanhol

Na Tela

BH recebe XV Mostra de Cinema Atual Espanhol

Evento no MIS Cine Santa Tereza propõe um mergulho no cinema espanhol atual.


Como evitar brigas nas redes sociais por política

Café Pequeno

Como evitar brigas nas redes sociais por política

Uma ação que aparenta ser apenas de cunho pessoal pode também prejudicar o campo profissional.


Estudo mostra que casamento ruim prejudica a saúde

Bem Viver

Estudo mostra que casamento ruim prejudica a saúde

Ansiedade e depressão são alguns dos sintomas de uma relação que não vai bem.


Bolsonaro tem 59% dos votos válidos, e Haddad, 41%

Capitão reformado tem mais eleitores convictos, enquanto ex-prefeito tem maior rejeição.


Dengue na gravidez aumenta risco de anomalias congênitas

Saúde

Dengue na gravidez aumenta risco de anomalias congênitas

O estudo foi publicado na edição de setembro da revista Emerging Infectious Diseases.


Ferramenta para detectar fake news é desenvolvida no Brasil

Tecnologia Máxima

Ferramenta para detectar fake news é desenvolvida no Brasil

Acessível via WhatsApp e na internet, plataforma possibilita checar se uma notícia é falsa ou verdadeira.


Apenas 3,3% dos estudantes querem ser professores

Nesta segunda-feira, 15 de outubro, celebra-se o Dia do Professor.



Meio ambiente é essencial para cidades inteligentes

Ciência & Ambiente

Meio ambiente é essencial para cidades inteligentes

IESE - Cidades em Movimento 2018 analisou nove dimensões de 165 cidades pelo mundo.


Roupa Nova lança clipe do 2° single de novo projeto

Notas Musicais

Roupa Nova lança clipe do 2° single de novo projeto

Roupa Nova, a banda com mais tempo em atividade no Brasil, lançou o clipe da inédita Seja Bem-Vindo.


Brasil possui maior índice de aprovação em transplantes

País prevê quebra de recordes em números de procedimentos ainda em 2018.


Como acelerar o acúmulo de milhas aéreas?

Briefing

Como acelerar o acúmulo de milhas aéreas?

Nesta reportagem você vai aprender como viajar mais com menos dinheiro.


As flores mais indicadas para cultivo na primavera

Ciência & Ambiente

As flores mais indicadas para cultivo na primavera

Muitas plantas apresentam desenvolvimento de folhas novas nesse período, o que pode atrair pragas.


Comércio e serviços devem abrir 59,2 mil vagas

Mundo Empresarial

Comércio e serviços devem abrir 59,2 mil vagas

De acordo com pesquisa, as vagas serão abertas até o final deste ano.


Postura confortável não é sinônimo de postura correta

Bem Viver

Postura confortável não é sinônimo de postura correta

Cada pessoa pode apresentar vários tipos de vícios posturais, explica especialista.


FMI reduz projeção de crescimento do Brasil no ano

Café Pequeno

FMI reduz projeção de crescimento do Brasil no ano

Para 2018, projeção de crescimento do PIB caiu para 1,4%.


Eleitor que não votou tem 60 dias para justificar ausência

Utilidade Pública

Eleitor que não votou tem 60 dias para justificar ausência

Quem não votou no primeiro turno e nem justificou não fica impedido de votar no segundo turno.