Portal O Debate
Grupo WhatsApp

ProUni abre período de inscrições

ProUni abre período de inscrições

11/06/2019 Da Redação

O prazo para participar da seleção vai até 14 de junho.

ProUni abre período de inscrições

Teve iníco nesta terça-feira (11/05) as inscrições do Programa Universidade para Todos (ProUni). Ao todo, serão ofertadas, para o segundo semestre deste ano, 169.226 bolsas de estudos em instituições particulares de ensino superior, sendo 68.087 bolsas integrais e 101.139 parciais. A inscrição deverá ser feita pela internet, no site do Prouni.

Os participantes podem escolher até duas opções de curso. Durante o período de inscrição, o candidato pode alterar as opções. Será considerada válida a última inscrição confirmada.

As bolsas de estudo ofertadas pelo ProUni são parciais, de 50% do valor da mensalidade, e integrais, de 100%. As bolsas integrais são destinadas a estudantes com renda familiar bruta per capita de até 1,5 salário mínimo. Já as bolsas parciais contemplaram os candidatos que têm renda familiar bruta per capita de até 3 salários mínimos.

Podem se inscrever candidatos que não tenham diploma de curso superior e que tenham participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018. Além disso, os estudantes precisam ter cursado o ensino médio completo em escola pública ou em instituição privada como bolsista integral.

Fonte: Agência Brasil



Analfabetismo no Brasil tem redução de 7,2% para 6,8%

Analfabetismo no Brasil está diretamente associado à idade. Quanto mais velho o grupo populacional, maior a proporção de analfabetos.

Analfabetismo no Brasil tem redução de 7,2% para 6,8%

Curso preparatório gratuito para o Enem é disponibilizado para todo o país

São cerca de 350 videoaulas, simulados e revisões que podem ser acompanhados on-line; inscrições já estão abertas.

Curso preparatório gratuito para o Enem é disponibilizado para todo o país

Psicopedagoga dá dicas de como professores podem estimular alunos na sala de aula

Regina Lima explica quais técnicas de aprendizagem os professores podem propor na sala de aula para estimular seus alunos.

Psicopedagoga dá dicas de como professores podem estimular alunos na sala de aula

Leitor em braile desenvolvido por alunos será apresentado na Inglaterra

O protótipo, desenvolvido por estudantes de Eletrônica do CEFET-MG, foi credenciado para ser apresentado no maior fórum científico juvenil do mundo, em julho.


Quando dizer não

Na agenda sobrecarregada dos pais há cada vez menos espaço para o convívio com os filhos.

Quando dizer não

Uninter promove curso intensivo sobre empreendedorismo e inovação em Boston

Proposta de imersão acontece durante uma semana dentro do campus da Lasell College, com professores experientes nos temas.

Uninter promove curso intensivo sobre empreendedorismo e inovação em Boston

Diretor de escola: um gestor de pessoas ou gestor de conflitos?

Uma boa rotina escolar é imprescindível tal qual a energia elétrica e a água encanada.

Diretor de escola: um gestor de pessoas ou gestor de conflitos?

Mesmo com avanços tecnológicos, escolas não devem esquecer a formação humana dos estudantes

Segundo coordenador do Sistema de Ensino pH, é necessário se preocupar com uma educação ética, sustentável e que respeite a diversidade.

Mesmo com avanços tecnológicos, escolas não devem esquecer a formação humana dos estudantes

Cresce o número de adultos que querem concluir o Ensino Médio

Segundo o Inep, as inscrições para o Encceja aumentaram 75% este ano, em relação a 2018

Cresce o número de adultos que querem concluir o Ensino Médio

Como mediar conflitos nas escolas

Mediar um conflito de forma positiva, restaurando os sentimentos e as emoções usando modelos não punitivos responsabilizando os envolvidos.

Como mediar conflitos nas escolas

Os três pilares do aprendizado

A educação brasileira passa por um profundo processo de transformação com a implantação da nova Base Nacional Comum Curricular.

Os três pilares do aprendizado

60% das pessoas que procuram intercâmbio são mulheres

As mulheres, geralmente, procuram programas que possibilitam estudar e trabalhar

60% das pessoas que procuram intercâmbio são mulheres