Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Como professores podem estimular alunos na sala de aula

Como professores podem estimular alunos na sala de aula

19/06/2019 Da Redação

Regina Lima explica quais técnicas de aprendizagem os professores podem propor na sala de aula para estimular seus alunos.

Como professores podem estimular alunos na sala de aula

Segundo ela, é possível dizer que, além de faixas etárias distintas, diferentes áreas do ensino também podem ser suportadas positivamente pela utilização de diagramas, instrumentos, experiências vivenciais, músicas e técnicas que torne lúdico e positivo tanto o processo de aprendizagem quanto o de memorização.
 
"O Mapa Mental é um exemplo das técnicas que podem ser utilizadas. Ele é um diagrama criado por um psicólogo como suporte à gestão de informação, memorização e solução de problemas. Apesar de originalmente estar associado à prática e às escolas de administração, é possível aplicar seus conceitos em salas de aula regulares, com crianças de todas as idades", diz Regina Lima.
 
A especialista diz ainda que os mapas mentais podem ser úteis em diferentes processos de aprendizagem. "A técnica pode ser usada para a fixação da linguagem escrita, o ensino e visualização de fatos históricos, além de fornecerem aos alunos uma maneira natural de pensar e construir pensamentos sobre diferentes temas", explica a psicopedagoga.
 
Outras ferramentas e técnicas – Regina Lima ressalta que além das experiências ao ar livre, com música, jogos simples e da utilização do lúdico, algumas técnicas devem ganhar espaço nas salas de aula nos próximos anos. "A sala de aula invertida é uma delas. Esse método de ensino subverte o ambiente de aprendizado tradicional ao fornecer conteúdo que mistura ações dentro e fora da sala de aula. São geradas atividades, que podem ter sido tradicionalmente consideradas tarefas de casa e elas são parte de um processo finalizado dentro da sala de aula, dando protagonismo aos alunos no debate e geração de ideias", propõe a especialista.
 
A psicopedagoga cita ainda o Design Thinking, que, de acordo com ela, pode ajudar em elementos como colaboração e competição. Outro artifício proposto por Regina Lima é a Gamificação, que tem como objetivo motivar os alunos a aprender usando elementos de jogos no processo de aprendizagem.
 
"O objetivo é maximizar o prazer e o envolvimento, capturando o interesse dos alunos e inspirando-os a continuar aprendendo através da competição ou colaboração na busca de pontos e realização de tarefas. Por fim, vale lembrar os Métodos Blended, que se utilizam de recursos digitais e tradicionais, com ações executadas dentro e fora da sala de aula, de maneira orquestradas por um professor e, eventualmente, um assistente facilitador", destaca Regina Lima.
 
Benefícios dos modelos – Regina Lima afirma que propor e utilizar novos modelos acessa áreas diferentes do cérebro de crianças e adolescentes, maximizando as chances de atingir a forma ideal de aprendizagem de cada um. "A Junior Coders, uma organização não governamental americana, afirma que apenas 25% das escolas ensinam a programar, embora 90% dos pais digam que gostariam que seus filhos tivesse essa habilidade. O uso de técnicas diferenciadas e a inserção de novas formas de ensinar serão fundamentais para um mundo que não para de mudar", ressalta a psicopedagoga.

Fonte: News 1 Comunicação



Agradeça a um professor hoje

O mundo mudou e, consequentemente, a Educação também.

Agradeça a um professor hoje

Intercâmbio no ensino médio enriquece currículo e prepara para o mercado

Entre os países mais procurados, Canadá e Estados Unidos aparecem no topo da lista, seguido por Inglaterra, Irlanda e Austrália.

Intercâmbio no ensino médio enriquece currículo e prepara para o mercado

Aluno não é todo mundo

“Você não é todo mundo”.


A importância da educação financeira na infância

Para quem acompanha os números do mercado, não há como negar: a ausência de uma educação financeira para as gerações anteriores foi bastante maléfica.


Como as crianças pequenas aprendem inglês?

Por se tratar de um dos idiomas mais falados no mundo, a língua inglesa facilitou de forma considerável a comunicação entre as pessoas.

Como as crianças pequenas aprendem inglês?

Programa do MEC abrirá 1,5 milhão de vagas em educação profissional

As vagas deverão ser ofertadas tanto no ensino médio quanto para jovens e adultos que já estão fora da escola.

Programa do MEC abrirá 1,5 milhão de vagas em educação profissional

MEC libera 679 bolsas de pós-graduação

Todas as bolsas serão ofertadas em cursos nota 4, com tendência de melhora.

MEC libera 679 bolsas de pós-graduação

Família e escola: mãos dadas pela educação

A grande verdade é que a educação das crianças é compartilhada entre pais e escola.

Família e escola: mãos dadas pela educação

Decifra-me ou te devoro: qual o futuro da educação superior

As primeiras análises dos dados do censo da Educação Superior, indicam que o segmento agora está sustentado e direcionado para o EAD - Educação a Distância.

Decifra-me ou te devoro: qual o futuro da educação superior

Cerca de 6% dos cursos avaliados no Enade 2018 tiraram nota máxima

A maior parte dos cursos é ofertada por instituições públicas federais.

Cerca de 6% dos cursos avaliados no Enade 2018 tiraram nota máxima

10 tópicos para entender e se preparar para o Novo Ensino Médio

Novo modelo passa a vigorar em 2021 em todas as escolas brasileiras.

10 tópicos para entender e se preparar para o Novo Ensino Médio

MEC anuncia desbloqueio de R$ 2 bilhões

Ministério da Educação vai destinar maior parte de verba desbloqueada para universidades.

MEC anuncia desbloqueio de R$ 2 bilhões