Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Quase 90% dos professores do país sentem-se desvalorizados

Quase 90% dos professores do país sentem-se desvalorizados

30/06/2014 Divulgação

Mesmo não se sentido valorizados, a maioria está satisfeita com o emprego.

Estudo constata que quase 90% dos professores brasileiros acreditam que a profissão não é valorizada na sociedade.

O resultado foi apresentado semana passada pela Pesquisa Internacional sobre Ensino e Aprendizagem (Talis) da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) que ouviu 100 mil professores e diretores escolares em 34 países.

De acordo com o levantamento, somente 12,6% dos professores brasileiros consideram-se valorizados. A proporção está abaixo da média internacional, de 30,9%. No entanto, 87% dos professores brasileiros consideram-se realizados no emprego, próximo da média global de 91,1%.

Apesar de não se sentirem valorizados, os professores brasileiros estão entre os que mais trabalham, com 25 horas de ensino por semana, seis horas a mais do que a média internacional.

Em relação ao tempo em sala de aula, os professores brasileiros ficam atrás apenas da província de Alberta, no Canadá, com 26,4 horas trabalhadas por semana, e do Chile, com 26,7 horas.

Mesmo trabalhando mais que a média, os professores brasileiros gastam mais tempo para manter a ordem em sala de aula. Segundo o levantamento, 20% do tempo em sala é usado para controlar o comportamento dos alunos, contra 13% na média internacional. Todos os entrevistados na pesquisa dão aula para a faixa etária de 11 a 16 anos.

A publicação também mostra que nos países em que os professores se sentem valorizados, os resultados no Programa Internacional de Avaliação de Alunos (Pisa) tendem a ser melhores.

Quanto à formação, mais de 90% dos professores brasileiros dos anos finais do ensino fundamental concluíram o ensino superior, mas cerca de 25% não fizeram curso de formação de professores. Segundo a falta de especialização reflete-se no ensino. Professores com conhecimento de pedagogia e de práticas das disciplinas que lecionam relataram se sentir mais preparados do que aqueles cuja educação formal não continha esses elementos.

Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), os dados serão incorporados aos dados do Censo Escolar e das avaliações nacionais, para que se possam criar descrições ainda mais detalhadas da situação educacional brasileira.

Fonte: Agência Brasil



A educação é o caminho da liberdade

O atendimento socioeducativo ao adolescente em conflito com a lei é um desafio e necessita de um olhar resiliente e reflexivo, visto que é considerado um momento oportuno de mudanças.


Não são apenas números

Vinte e duas redações receberam nota mil, 95.788, nota zero, e a média geral de 634,16.


Enem divulga datas das provas para os estudantes em 2022

As inscrições começam no dia 10 de maio e se encerram no dia 21.

Enem divulga datas das provas para os estudantes em 2022

Projeto incentiva o plantio de 1 bilhão de árvores em Minas Gerais

Conspiração Mineira pelo Plantio de Árvores é apresentada pela ACMinas.

Projeto incentiva o plantio de 1 bilhão de árvores em Minas Gerais

Olimpíada Mirim de Matemática abrange alunos do 2º ao 5º do fundamental

Essa é a primeira competição nacional a incluir estudantes tão novos.

Olimpíada Mirim de Matemática abrange alunos do 2º ao 5º do fundamental

Enem 2021: 22 estudantes tiraram nota máxima na redação

Correções detalhadas podem ser conferidas na internet.

Enem 2021: 22 estudantes tiraram nota máxima na redação

Webinar gratuito apresenta oportunidades de estudo e trabalho na Irlanda

Evento será transmitido pela SEDA College, no dia 12 de abril.

Webinar gratuito apresenta oportunidades de estudo e trabalho na Irlanda

MEC lança projeto para aproveitamento de estudos de cursos técnicos

Primeira turma do curso de aperfeiçoamento tecnológico será em julho.

MEC lança projeto para aproveitamento de estudos de cursos técnicos

Inscrições para cursos técnicos gratuitos pelo Trilhas de Futuro vão de 7 a 25 de abril

Além da formação profissional gratuita, o Governo de Minas fornece ajuda de custo para transporte e alimentação dos alunos do programa, que chega a sua segunda edição.

Inscrições para cursos técnicos gratuitos pelo Trilhas de Futuro vão de 7 a 25 de abril

Governo de Minas oferece curso gratuito de programação e tecnologia

TecPop Minas, programa da Sede-MG que amplia as políticas de inclusão digital e capacitação profissional, se une a startup para formação de desenvolvedores.


CBCA abre inscrições de concursos para estudantes de engenharia e arquitetura

Vencedores de ambas as áreas dividirão prêmio de R$ 10 mil entre equipe participante e professor orientador.


A pandemia revelou o futuro da educação

No princípio da pandemia, era o caos.

A pandemia revelou o futuro da educação