Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Cientistas alemães buscam voluntários para ficarem deitados

Cientistas alemães buscam voluntários para ficarem deitados

02/04/2019 Chase Winter

Cientistas espaciais têm uma oferta de trabalho para você: testar os efeitos da microgravidade no corpo humano. Pagamento é de 16,5 mil euros.

Cientistas alemães buscam voluntários para ficarem deitados

Cientistas espaciais alemães estão oferecendo um pagamento de 16.500 euros a cada voluntário que concordar em ficar deitado por 60 dias para testar os efeitos negativos da ausência de gravidade no corpo humano.

O estudo requer que 12 homens e 12 mulheres fiquem deitados em uma cama ao longo de dois meses no Centro Aeroespacial Alemão (DLR, na sigla em alemão) na cidade de Colônia. O objetivo é permitir que cientistas compreendam melhor o impacto da microgravidade em astronautas durante longas viagens espaciais até a Lua ou Marte.

"Viagens espaciais tripuladas continuarão a ser importantes no futuro para realizar experimentos na microgravidade, mas precisamos tornar esse procedimento o mais seguro possível para os astronautas", disse Hansjörg Dittus, membro do Conselho Executivo para Pesquisa e Tecnologia Espacial do DLR.

Longos períodos em um ambiente sem gravidade causam atrofia de ossos e músculos, reduzem a atividade cardiovascular e forçam fluidos corporais a se moverem para a parte superior do corpo. Também podem levar a fraqueza, tontura, rostos inchados, enjoos, distúrbios do ouvido interno, comprometimento do sistema imunológico e dores nas costas.

Como parte da simulação do estudo, participantes ficarão confinados a camas ao longo de todos os experimentos, refeições e lazer – até mesmo para tomar banho ou usar o banheiro.

As camas serão inclinadas, deixando os pés dos voluntários seis graus para cima, a fim de simular o deslocamento de fluidos corporais sentido por astronautas na microgravidade.

Dois terços dos voluntários serão colocados diariamente em uma "centrífuga humana" que cria gravidade artificial, experimento a ser realizado pela primeira vez na história.

A centrífuga tem o objetivo de testar se a gravidade artificial pode prevenir ou compensar as mudanças fisiológicas sentidas no espaço por astronautas.

Financiado pela Nasa e pela Agência Espacial Europeia, o estudo será realizado em duas etapas. Os primeiros 12 voluntários chegaram ao DLR em 25 de março. O segundo grupo deve iniciar o estudo em setembro.

Os pesquisadores ainda estão em busca de voluntários, especialmente mulheres, para a segunda etapa. Bons conhecimentos de alemão são necessários para participar.

Além do pagamento em dinheiro, outros benefícios de participar no estudo incluem usar o tempo para estudar, assistir TV, evitar tarefas diárias e "obter uma ideia clara sobre os objetivos que você quer alcançar no futuro", disse o DLR.

Fonte: Deutsche Welle



Confira essas dicas antes de se candidatar a um novo emprego

Conseguir uma nova oportunidade de trabalho nem sempre é uma tarefa fácil, principalmente se a situação econômica do país não está muito boa, se você ficou fora do mercado de trabalho por muito tempo ou se não tem muita experiência (ou nenhuma experiência) na área.


Veja as profissões que estarão em alta

Quais as profissões que prometem marcar forte presença no mercado? Existem profissões que se destacam e que devem ter uma boa procura durante o ano de 2019.

Veja as profissões que estarão em alta

Comece a investir com o salário de estagiário

Quem investe, multiplica o que tem e tem sempre!

Comece a investir com o salário de estagiário

3,8 milhões de brasileiros tem os aplicativos como principal fonte de renda

“O trabalho pelo aplicativo é muito útil, pois gera uma entrada de renda.

3,8 milhões de brasileiros tem os aplicativos como principal fonte de renda

Cuiabá-MT: 1.238 vagas na área de saúde

Com reajuste, salários oferecidos estão acima da média nacional. Para Técnico de Enfermagem são 470 vagas imediatas.


Pequenos negócios criam quase 300 mil empregos em 4 meses

Levantamento foi feito pelo Sebrae, com base em dados do Caged.

Pequenos negócios criam quase 300 mil empregos em 4 meses

Instituto é criado para incentivar o empreendedorismo

Iniciativa foi idealizada por 34 empreendedores de renome nacional e visa ajudar jovens e estudantes carentes.


Está procurando emprego? Cuidado com as mensagens de phishing

De acordo com relatório da Kaspersky, a procura por emprego pode ter colocado muitos pessoas como alvo de esquema sofisticado de roubo de dinheiro.

Está procurando emprego? Cuidado com as mensagens de phishing

Petz prevê abertura de 500 vagas este ano

Profissionais para atuar em banho e tosa no setor de estética estão entre os mais procurados pela rede de pet shop.


Efetivação de estagiários: quando deve ocorrer?

Encerramento do contrato com o estudante ainda gera dúvidas entre os gestores.

Efetivação de estagiários: quando deve ocorrer?

Setores de drones e geotecnologias esperam gerar 100 mil empregos

Os dois setores movimentarão no Brasil em 2019, R$ 1,5 bilhões

Setores de drones e geotecnologias esperam gerar 100 mil empregos

Censo 2020 vai contratar 234 mil trabalhadores temporários

A contratação dos profissionais depende de aprovação prévia em processo seletivo simplificado

Censo 2020 vai contratar 234 mil trabalhadores temporários