Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Cientistas alemães buscam voluntários para ficarem deitados

Cientistas alemães buscam voluntários para ficarem deitados

02/04/2019 Chase Winter

Cientistas espaciais têm uma oferta de trabalho para você: testar os efeitos da microgravidade no corpo humano. Pagamento é de 16,5 mil euros.

Cientistas alemães buscam voluntários para ficarem deitados

Cientistas espaciais alemães estão oferecendo um pagamento de 16.500 euros a cada voluntário que concordar em ficar deitado por 60 dias para testar os efeitos negativos da ausência de gravidade no corpo humano.

O estudo requer que 12 homens e 12 mulheres fiquem deitados em uma cama ao longo de dois meses no Centro Aeroespacial Alemão (DLR, na sigla em alemão) na cidade de Colônia. O objetivo é permitir que cientistas compreendam melhor o impacto da microgravidade em astronautas durante longas viagens espaciais até a Lua ou Marte.

"Viagens espaciais tripuladas continuarão a ser importantes no futuro para realizar experimentos na microgravidade, mas precisamos tornar esse procedimento o mais seguro possível para os astronautas", disse Hansjörg Dittus, membro do Conselho Executivo para Pesquisa e Tecnologia Espacial do DLR.

Longos períodos em um ambiente sem gravidade causam atrofia de ossos e músculos, reduzem a atividade cardiovascular e forçam fluidos corporais a se moverem para a parte superior do corpo. Também podem levar a fraqueza, tontura, rostos inchados, enjoos, distúrbios do ouvido interno, comprometimento do sistema imunológico e dores nas costas.

Como parte da simulação do estudo, participantes ficarão confinados a camas ao longo de todos os experimentos, refeições e lazer – até mesmo para tomar banho ou usar o banheiro.

As camas serão inclinadas, deixando os pés dos voluntários seis graus para cima, a fim de simular o deslocamento de fluidos corporais sentido por astronautas na microgravidade.

Dois terços dos voluntários serão colocados diariamente em uma "centrífuga humana" que cria gravidade artificial, experimento a ser realizado pela primeira vez na história.

A centrífuga tem o objetivo de testar se a gravidade artificial pode prevenir ou compensar as mudanças fisiológicas sentidas no espaço por astronautas.

Financiado pela Nasa e pela Agência Espacial Europeia, o estudo será realizado em duas etapas. Os primeiros 12 voluntários chegaram ao DLR em 25 de março. O segundo grupo deve iniciar o estudo em setembro.

Os pesquisadores ainda estão em busca de voluntários, especialmente mulheres, para a segunda etapa. Bons conhecimentos de alemão são necessários para participar.

Além do pagamento em dinheiro, outros benefícios de participar no estudo incluem usar o tempo para estudar, assistir TV, evitar tarefas diárias e "obter uma ideia clara sobre os objetivos que você quer alcançar no futuro", disse o DLR.

Fonte: Deutsche Welle



Emprego no setor da construção civil em Minas cresce quase 90%

No primeiro bimestre de 2019, já foram criadas 7.800 novas vagas

Emprego no setor da construção civil em Minas cresce quase 90%

Autistas podem ser empregados exemplares

Trabalhadores com autismo costumam se destacar pelo alto grau de lealdade e dedicação.

Autistas podem ser empregados exemplares

O desafio de preparar jovens para profissões ainda inexistentes

Acreditamos que a sala de aula é o melhor local para a iniciação ao bom uso da tecnologia.

O desafio de preparar jovens para profissões ainda inexistentes

Tatuagem ainda é proibida em muitas empresas

Apesar de ainda ser tabu em algumas empresas, os empregadores não podem vetar tatuagens ou piercings no ambiente de trabalho, sendo crime de discriminação previsto em lei.

Tatuagem ainda é proibida em muitas empresas

Você está sendo vigiado e provavelmente perderá seu emprego

“Deus sonhou o homem, o homem sonhou a máquina e a máquina sonha Deus”, frase do pensador Dietmar Kamper.

Você está sendo vigiado e provavelmente perderá seu emprego

Empregos na era de Renascimento da Indústria

Sete maneiras para aumentar a produtividade e adaptar os empregos para o Renascimento da Indústria.


As profissões que estarão em alta em 2019

Existem profissões que se destacam e que devem ter uma boa procura durante este ano.

As profissões que estarão em alta em 2019

A importância do seu perfil na web na busca por trabalho

Não esqueça: suas redes sociais são seu marketing pessoal. Faça bom uso de destes recursos.

A importância do seu perfil na web na busca por trabalho

Planejando a transição de carreira

Deixar um cargo certo para investir em um novo negócio é atitude cada vez mais comum. Como passar por esse processo?

Planejando a transição de carreira

O que realmente importa num currículo para o primeiro emprego?

Crie um currículo bem completo e conquiste sua primeira vaga no mercado de trabalho.


Marinha abre 177 vagas para profissionais da saúde

A Marinha publicou três editais para profissionais de nível superior da área de Saúde.


Programa de Estágio de Cemig 2018 oferece 193 vagas

Inscrições do Programa de Estágio de Cemig se encerram neste domingo.