Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Geração de empregos pelos pequenos negócios revela melhor agosto em cinco anos

Geração de empregos pelos pequenos negócios revela melhor agosto em cinco anos

30/09/2019 Da Redação

Levantamento feito pelo Sebrae, com base em dados do Caged, apontam que das 121 mil vagas abertas no mercado de trabalho, mais de 95 mil foram nas micro e pequenas empresas.

Geração de empregos pelos pequenos negócios revela melhor agosto em cinco anos

De cada 10 empregos gerados no país em agosto deste ano, oito foram nos pequenos negócios. Esse é o dado revelado em análise feita pelo Sebrae, com base em dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia.

De acordo com o levantamento, as micro e pequenas empresas (MPE) criaram 95.587 vagas de trabalho formais celetistas no país, no mês passado, enquanto as médias e grandes corporações geraram um quarto desse saldo. Incorporando ao total de contratações feitas pela administração pública, o número de novos postos de trabalho foi de 121.387, com os pequenos negócios respondendo por quase 80% desse total, o melhor saldo do mês de agosto dos últimos cinco anos.

No acumulado de janeiro a agosto, os pequenos negócios geraram 541,7 mil empregos, saldo 15 vezes maior que o registrado pelas médias e grandes empresas, tendo superado, ainda, em 6% o registrado pelos pequenos negócios no mesmo período do ano passado. Já o saldo de vagas nas corporações de maior porte foi de 35,1 mil contratações com carteira assinada, nesse mesmo período. O resultado é 58% menor do que elas haviam registrado em 2018. O volume de postos de trabalho gerados pelas MPE no mês passado superou em 117% o saldo de julho e em 14,5% o resultado do mesmo mês em 2018.

Serviços

Os pequenos negócios da área de Serviços continuam liderando a geração de empregos no país, tendo sido responsáveis por 48,1 mil novos postos de trabalho, em agosto deste ano. Isso corresponde à metade de todas as vagas criadas por esse nicho de empresas no oitavo mês de 2019. Destacaram-se nesse setor, as micro e pequenas empresas que atuam no ramo imobiliário (na comercialização e administração de imóveis), com a criação de 17,8 mil novas vagas, e as empresas do ramo de ensino, com mais 9,8 mil empregos.

As MPE desse setor também estão à frente das contratações com carteira assinada realizadas no acumulado de 2019, com 325 mil pessoas empregadas, seguidas pela Construção civil, com mais de 90 mil. Isso sinaliza, também, uma retomada do crescimento econômico, uma vez que o setor da construção está diretamente relacionado a investimentos em infraestrutura.

As micro e pequenas empresas de São Paulo lideraram a geração de empregos em agosto, com a criação de mais de 30 mil postos de trabalho, sendo seguidas pelas MPE do Rio de Janeiro, que responderam pela geração de 10 mil vagas no país. Com isso, a região Sudeste se destacou no mês passado, com a contratação de 45,5 mil trabalhadores, seguida pela região Nordeste, que gerou mais de 16,8 mil empregos.

Fonte Sebrae



Inscrições abertas em concurso para o Hospital Universitário da UFSCar

No total, são 59 vagas para as áreas Médica e Assistencial, além de cadastro reserva para a área Administrativa


Transição do emprego

Volta a contratação na indústria em 2020.


Vagas temporárias também exigem capacitação

Candidatos com mais conhecimento têm melhores chances de conquistar uma das oportunidades oferecidas pelo mercado de trabalho no fim do ano.

Vagas temporárias também exigem capacitação

Empresas reveem vantagens na contratação de profissionais maduros

As corporações que estão deixando de lado o preconceito com a idade procuram no profissional maduro a redução dos riscos aos quais a organização se expõe.

Empresas reveem vantagens na contratação de profissionais maduros

O novo mundo profissional

Nós estudamos o perfil de cada um e mostramos os caminhos que há para alcançar aquilo que se deseja.

O novo mundo profissional

Plano de carreira é coisa do passado

A carreira deixa de ser responsabilidade da empresa e passa a caber ao indivíduo.

Plano de carreira é coisa do passado

Entenda as diferenças entre temporários e terceirizados

Especialista da Luandre detalha o que foi atualizado com o novo decreto e o que muda para contratantes e contratados.


Evento em São Paulo oferece 2,2 mil vagas para pessoas com deficiência

Há oportunidades em supermercados atacadistas, call centers, tratamento de resíduos, saneamento, recursos humanos, hospitais e restaurantes.


Começa a corrida para as contratações temporárias

Para atender o aumento de vendas de cerca de 13% no Natal, lojistas precisarão elevar contratações temporárias e deverão ficar atentos às obrigações legais para as vagas.

Começa a corrida para as contratações temporárias

Consultoria de RH inova e lança aplicativo gratuito que conecta empresas a profissionais

Acesso ilimitado e gratuito a diversas oportunidades de emprego, a qualquer hora, na palma da mão.

Consultoria de RH inova e lança aplicativo gratuito que conecta empresas a profissionais

CNI e Senai listam 30 profissões promissoras para a indústria 4.0

Profissões estarão ligadas ao setor automotivo, indústria de alimentos e bebidas e construção civil.

CNI e Senai listam 30 profissões promissoras para a indústria 4.0

Estágio x Emprego: entenda a diferença!

A modalidade não se configura como um trabalho formal, mas uma atividade voltada ao aprendizado.

Estágio x Emprego: entenda a diferença!