Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Armazenamento solar: uma alternativa para acabar com o ‘susto’ da conta de energia

Armazenamento solar: uma alternativa para acabar com o ‘susto’ da conta de energia

12/06/2024 Simone Cesário

Estudo do Instituto Polis e da Ipec mostrou que quase metade das famílias brasileiras apontam a conta de luz como o item que mais impacta o orçamento familiar.

Armazenamento solar: uma alternativa para acabar com  o ‘susto’ da conta de energia

Levante a mão quem nunca se assustou com o valor cobrado na conta de energia. E esse é um dos gastos que provoca mais preocupação entre os brasileiros. Segundo estudo divulgado pelo Instituto Pólis, em parceria com a IPEC (Inteligência em Pesquisa e Consultoria Estratégica), a conta de luz é o item que mais impacta o orçamento para 49% das famílias brasileiras, sendo equivalente ao gasto com a alimentação. E mais: para conseguir pagar esse débito, 35% dos entrevistados afirmaram que precisaram reduzir gastos com itens básicos, como arroz e feijão, ou demais itens de consumo: como roupas e eletrodomésticos. E a perspectiva não é animadora: segundo projeção da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), divulgada em janeiro, ao longo deste ano, o valor médio da tarifa de energia elétrica deverá ter alta de 5,6%.

Diante desse cenário, as fontes de energia renováveis se tornam opção que contribuem para um estilo de vida ambientalmente mais verde e financeiramente compensador. E, como a energia solar é a segunda fonte energética mais utilizada no Brasil, depois da hídrica, de acordo com a Absolar (Associação Brasileira de Energia Solar), a evolução dessa fonte energética, ou seja, o armazenamento de energia solar, torna-se uma opção atrativa ao consumidor brasileiro.

A possibilidade de ir além do sistema fotovoltaico tradicional é uma realidade presente em vários países do mundo: este sistema já está bastante avançado, por exemplo, nos EUA e Europa, onde grande parte das residências que fazem novas instalações de sistemas fotovoltaicos já contam com sistema de armazenamento. Segundo levantamento conjunto da Associação das Indústria de Energia Solar (Seia, na sigla em inglês) e da consultoria Wood Mackenzie, em 2023, o armazenamento de energia nos EUA respondeu por 13% das instalações residenciais e 5% das demais. E, em 2024, a expectativa é de que 25% dos sistemas residenciais possuam baterias.

E, agora, esse sistema de armazenamento de energia solar começa a ganhar espaço no Brasil. Por meio de um inversor híbrido conectado a uma bateria, é possível não apenas produzir energia solar, como ocorre no sistema tradicional, mas também armazenar a energia solar excedente para ser utilizada em outros momentos, como no período noturno ou chuvosos, quando não há incidência de raios solares.

“O principal diferencial desse sistema é que esta energia excedente não é injetada na rede da concessionária, como no sistema fotovoltaico sem armazenamento. Com as baterias, essa energia fica à disposição do consumidor, que não dependerá da concessionária no caso de apagões, por exemplo, já que poderá utilizar essa energia armazenada. Ou seja, economia na conta de energia, independência energética e uso de uma fonte de energia limpa, que não agride o meio ambiente”, explica o diretor-executivo da SolaX Power no Brasil, Gilberto Camargos.

É muito caro ter o sistema de armazenamento?

O sistema de armazenamento de energia solar tem ficado mais acessível em virtude da queda dos preços dos equipamentos. Só no último ano, a redução no valor do sistema de armazenamento solar completo foi, em média, de 50%, aponta o diretor-executivo da multinacional.

O que contribuiu para esse cenário foi a queda no preço dos módulos em quase 50%. Vale ressaltar que os módulos compõem quase 70% do sistema de armazenamento. Além disso, a redução no valor das baterias também impulsionou essa queda no sistema de armazenamento. As baterias de lítio, que são as tradicionalmente utilizadas no sistema fotovoltaico, tiveram uma redução de 97% em quase 30 anos, segundo estudo da Our World in Data e, apenas entre 2022 e 2023, essa queda no preço das baterias foi de 14%, segundo a Bloomberg NEF.

“Esse cenário tornou mais acessível o valor dos sistemas de armazenamento com inversores híbridos, os quais, hoje, são equivalentes ao que era pago pelo sistema tradicional de energia solar há três anos”, pontua o executivo.

* Simone Cesário é Assessoria de Imprensa da SolaX Power.

Para mais informações sobre energia solar clique aqui...

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Entre para o nosso grupo de notícias no WhatsApp

Todos os nossos textos são publicados também no X

Quem somos

Fonte: SolaX Power



Sustentabilidade e eficiência energética na indústria

A preocupação com menor impacto no meio ambiente há muito tempo é pautada por entidades, empresas e sociedade, e quando olhamos para o setor industrial, essa necessidade é ainda mais crucial.

Autor: Giordania R. Tavares

Sustentabilidade e eficiência energética na indústria

O impacto positivo da energia eólica nas economias locais

Além da geração de 11 postos de trabalho a cada MW instalado, as usinas atuam como catalisadoras dos setores de comércio e serviços das regiões onde estão instaladas.

Autor: Divulgação

O impacto positivo da energia eólica nas economias locais

Cinco dicas de economia de energia no inverno

Julho terá condições de geração de energia menos favoráveis, conforme sinalização da Aneel.

Autor: Divulgação

Cinco dicas de economia de energia no inverno

Cemig realiza inspeções na rede elétrica com drones em todo estado

Equipes da companhia atuam em todas as regiões do estado utilizando o equipamento para localização de defeitos em áreas de difícil visualização.

Autor: Divulgação

Cemig realiza inspeções na rede elétrica com drones em todo estado

MG já investiu R$ 19,6 bilhões na geração própria de energia solar

Segundo mapeamento da ABSOLAR, estado acumula mais de 684 mil consumidores atendidos pela fonte solar em residências, comércios, indústrias, propriedades rurais e prédios públicos.

Autor: Divulgação

MG já investiu R$ 19,6 bilhões na geração própria de energia solar

Gasmig atinge marca de 100 mil clientes ligados

A Companhia de Gás de Minas Gerais (Gasmig) atingiu o marco de 100 mil clientes ligados. O Contrato de concessão previa que a Companhia chegasse a esta marca em dezembro de 2026.

Autor: Divulgação


Pipas prejudicam mais de 100 mil clientes da Cemig nos quatro primeiros meses de 2024

Além do grande risco de acidentes fatais, linhas chilenas e cerol podem causar falta de energia em grandes circuitos do sistema elétrico.

Autor: Divulgação

Pipas prejudicam mais de 100 mil clientes da Cemig nos quatro primeiros meses de 2024

Sobre a alta eficiência energética das máquinas brasileiras

Em um cenário global onde a eficiência energética se torna cada vez mais um diferencial competitivo, a indústria brasileira de máquinas se destaca por sua capacidade de inovação e adaptação.

Autor: Gino Paulucci Jr.


Eficiência Energética da Cemig vai beneficiar mais de 1,5 milhão de pessoas

Previsão de investimento da empresa para o PEE é da ordem de R$ 102 milhões até o fim do ano.

Autor: Divulgação

Eficiência Energética da Cemig vai beneficiar mais de 1,5 milhão de pessoas

Cemig vai instalar mais de 3 mil religadores na rede de distribuição

Equipamentos são instalados nas redes elétricas urbanas e rurais e contribuem para o rápido restabelecimento do serviço em casos de defeitos transitórios.

Autor: Divulgação

Cemig vai instalar mais de 3 mil religadores na rede de distribuição

Se está sobrando energia porque conta de luz é tão cara?

Hidrelétricas ambientalmente sustentáveis seriam um exemplo que poderíamos ter dado ao mundo e não demos.

Autor: Divulgação

Se está sobrando energia porque conta de luz é tão cara?

Minas atinge 8 GW em energia solar e garante liderança nacional

Cerca de um quinto de toda a energia solar produzida no Brasil está concentrada em Minas Gerais. É o que aponta o levantamento da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) em 2024. 

Autor: Divulgação

Minas atinge 8 GW em energia solar e garante liderança nacional