Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Os sistemas fotovoltaicos perdem efetividade no inverno?

Os sistemas fotovoltaicos perdem efetividade no inverno?

27/07/2019 Da Redação

Um dos mitos mais propagados é de que os sistemas fotovoltaicos perdem a eficiência durante os períodos mais frios do ano, ou seja, no outono e inverno.

Os sistemas fotovoltaicos perdem efetividade no inverno?

A resposta é não. Os sistemas não perdem a sua eficiência, o frio pouco interfere na geração de energia, já que existe radiação solar no inverno e em dias nublados. O que acontece é a diminuição da incidência de radiação solar sobre os módulos, fazendo com que o sistema tenha uma redução na energia gerada.

Alcione Belache, engenheiro eletricista e CEO da Renovigi, explica porque essa dúvida é comum para quem pensa em instalar um sistema de energia solar em casa. Segundo Aclione, a primeira coisa que se deve ter em mente quando falamos de energia provinda do sol é que existe uma diferença entre as tecnologias existentes no mercado. Existe a energia solar térmica e a energia solar fotovoltaica.

A primeira, energia térmica, utiliza o calor do sol e se baseia na condução do calor, que para aquecer algum elemento, como água e gás. Neste sistema, o calor é captado por meio de painéis coletores instalados nos telhados. Existe ainda um reservatório com isolamento térmico, e canos de cobre para que ocorra o aquecimento. Esse sistema também é conhecido como Aquecimento Solar.

Já a energia solar fotovoltaica, que está ganhando espaço em todo o mundo, gera energia por meio da conversão da radiação solar emitida pelo sol em energia elétrica. Dessa maneira, pode ser aplicada em residências, empresas e no meio rural. Sendo capaz de colocar em funcionamento qualquer equipamento elétrico, não só o chuveiro. “O frio de inverno não influencia negativamente a geração de energia do sistema, ao contrário, ele é até benéfico para o desempenho dos painéis, em algumas situações.”, esclarece o Alcione Belache.

Energia produzida por meio da radiação

Um painel fotovoltaico possui diversas células e cada uma delas é composta por duas camadas de silício. A mais fina é carregada negativamente e, ao ser atingida pela radiação solar, transfere seus elétrons para a camada mais grossa, gerando energia elétrica. O frio pouco interfere na geração de energia, pois o impacto da temperatura não é tão agressivo quanto o impacto da diminuição da incidência de radiação solar, pois ela continua sendo emitida, em menor proporção, porém continuará a produção de energia mesmo no inverno e em dias nublados.

Portanto, há diminuição de geração de energia no inverno devido às condições de radiação solar está ligada a menor duração do dia nessa estação e da angulação do sol, fazendo com que seja gerada menos energia do que no verão. A posição dos módulos fotovoltaicos também influenciará nesse fator de geração.

Falando em angulação do sol, um outro fator que também se relaciona à eficiência da geração de energia em diferentes estações do ano é o posicionamento dos painéis. Nos sistemas fotovoltaicos, normalmente quando não há um software específico para determinar a melhor angulação do sistema, o melhor ângulo para inclinação dos painéis é equivalente a latitude do lugar, ou seja, é levada em consideração a latitude da região para se fazer a instalação dos painéis, alcançando dessa forma, um potencial mais elevado do sistema.

Em estações com maior radiação solar haverá, por vezes, meses em que o sistema vai produzir mais energia do que a necessária naquele imóvel, é o caso do verão. Esse excedente é injetado na rede pública, e pode-se transferir esses créditos excedentes para outras unidades consumidores, por meio da concessionária de energia. “Nos períodos de outono e inverno os créditos podem ser utilizados no abatimento do consumo, gerando economia até mesmo nos períodos com menos radiação solar”, finaliza Alcione.

Fonte: Renovigi e Pipah Comunicação



Banco do Brasil abre edital para locação de energia solar

Com foco na sustentabilidade, BB é a primeira instituição do segmento público a realizar licitação no modelo de locação para geração distribuída.

Banco do Brasil abre edital para locação de energia solar

Primeira usina hidrelétrica da América Latina completa 130 anos

Geradores do Complexo Hidrelétrico de Marmelos, em Juiz de Fora, estão em atividade até hoje.

Primeira usina hidrelétrica da América Latina completa 130 anos

Seminário gratuito estimula pequenos negócios a produzirem a própria energia

Evento do Sebrae Minas será realizado em Belo Horizonte no dia 3 de setembro.

Seminário gratuito estimula pequenos negócios a produzirem a própria energia

Não perca dinheiro com o ar condicionado

Você sabia que nos setores comercial e de serviços o consumo do ar condicionado pode atingir até 50% do consumo total de uma edificação?

Não perca dinheiro com o ar condicionado

Mortes em incêndios por sobrecarga de energia crescem mais de 100%

Especialista orienta sobre os cuidados necessários para evitar acidentes com a rede elétrica.

Mortes em incêndios por sobrecarga de energia crescem mais de 100%

Pesquisa indica que 87% das pessoas acham conta de luz cara no país

Para 57% da população o custo da energia cairia caso houvesse abertura do mercado.

Pesquisa indica que 87% das pessoas acham conta de luz cara no país

Mercado Livre de Energia Elétrica completa 21 anos

O mercado livre de energia elétrica é uma realidade crescente no Brasil.


BRF reduz em 45% consumo de energia em computadores

Empresa implementou novo dispositivo em cerca de 12.000 máquinas e deixou de usar 1,6 milhão de kWh, o suficiente para abastecer 850 residências ao ano.

BRF reduz em 45% consumo de energia em computadores

Empresa de energia solar anuncia investimento de R$ 21 bi em Minas Gerais

Maior desenvolvedora de projetos solares da América Latina vai ampliar atuação no estado.

Empresa de energia solar anuncia investimento de R$ 21 bi em Minas Gerais

Cemig publica edital de R$ 50 milhões para captação de projetos de eficiência energética

Chamada Pública de 2019 é oportunidade para consumidor adequar consumo de energia.


Congresso discute fontes renováveis de energia em Belo Horizonte

Circuito Nacional do Setor Elétrico reunirá especialistas do setor para discutir futuro da geração, transmissão e distribuição no país.


Porcos geram energia para cidade paranaense

215 t de dejetos suínos são transformados em biogás para cidade de 4 mil habitantes.

Porcos geram energia para cidade paranaense