Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Transição verde no mercado de energia é puxada por países em desenvolvimento

Transição verde no mercado de energia é puxada por países em desenvolvimento

23/06/2020 Divulgação

Brasil é principal motor de crescimento de renováveis na América Latina.

Transição verde no mercado de energia é puxada por países em desenvolvimento

Os países em desenvolvimento fizeram a maioria dos investimentos em energias renováveis ​​em 2019, atingindo 54% do total global, superando as economias desenvolvidas pelo quinto ano consecutivo.

Embora a capacidade de investimento no setor tenha diminuído na China e na Índia no último ano, nos demais países pobres e de renda média subiu 17%, um valor recorde de 59,5 bilhões de dólares. Nos países ricos, esse aumento foi de 2%. O Brasil foi o principal motor do crescimento das renováveis na América Latina, com expansão de 5,83%.

As informações são do novo Relatório de Status Global de Renováveis da rede REN21, que acompanha a evolução das fontes renováveis ao redor do mundo. O investimento em energia renovável variou por região, aumentando nos Américas, incluindo Estados Unidos e Brasil, mas caindo em todas as outras regiões do mundo, incluindo China, Europa, Índia e Oriente Médio e África.

Considerando todo o financiamento de fontes renováveis - e excluindo hidrelétricas maiores que 50 MW - a China tem a maior participação do mercado (30%), seguida pelos Estados Unidos Estados (20%), Europa (19%) e Ásia-Oceania (16%; excluindo a China e Índia). África e Oriente Médio responderam por 5%, as Américas (excluindo Brasil e Estados Unidos Estados Unidos) representam 4%, Índia 3% e o Brasil 2%.

O resultado dos países em desenvolvimento é atribuído aos leilões de energia, que agora são um fenômeno global. O Brasil foi um dos pioneiros, mas há uma competição em andamento na América Latina e em partes da Ásia. Além disso, muitos dos metais e minerais de terras raras necessários para desenvolver tecnologias renováveis, como as placas solares, ​​são extraídos nos próprios países em desenvolvimento.

Fonte: Climainfo



Energia eólica offshore: a nova fronteira

O Brasil segue como um “mercado a ser acompanhado”: é o que diz o relatório de 2022 do GWEC (Global Wind Energy Council) fórum global de energia eólica.

Energia eólica offshore: a nova fronteira

Energia solar ultrapassa 17 GW e mais de R$ 90 bilhões em investimentos no Brasil

Desde 2012, setor gerou mais de 514 mil empregos e evitou a emissão de 25,5 milhões de toneladas de CO2 na geração de eletricidade.

Energia solar ultrapassa 17 GW e mais de R$ 90 bilhões em investimentos no Brasil

Por que as energytechs são tão importantes para o mercado e o planeta?

A chamada revolução energética contribui para o surgimento de startups voltadas para o mercado de energia.

Por que as energytechs são tão importantes para o mercado e o planeta?

Automação na mineração: os desafios do setor

Várias inovações digitais estão sendo implementadas em muitas operações de mineração em todo o mundo.

Automação na mineração: os desafios do setor

Energia solar passa termelétrica e se torna 3ª maior fonte brasileira

Dados são da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica.

Energia solar passa termelétrica e se torna 3ª maior fonte brasileira

Geração instantânea de energia eólica no Nordeste tem novo recorde

Dados foram apurados pelo ONS e ainda estão sendo validados.

Geração instantânea de energia eólica no Nordeste tem novo recorde

Eficiência energética pode reduzir até US$ 650 bilhões por ano as contas domésticas

Eficiência em energia ajudaria combater crise energética, pressões inflacionárias e o aumento das emissões de gases de efeito estufa.

Eficiência energética pode reduzir até US$ 650 bilhões por ano as contas domésticas

Geladeiras devem exibir hoje nova etiqueta de eficiência energética

Etiqueta indica diferença de consumo de até 30% entre produtos.

Geladeiras devem exibir hoje nova etiqueta de eficiência energética

Os desafios do Brasil para expansão do hidrogênio verde

No último dia 18 de maio, o ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, anunciou a publicação do decreto 11.075, de 19/5/22, que regulamenta o mercado de carbono no Brasil.

Os desafios do Brasil para expansão do hidrogênio verde

Privatização da Petrobras: uma proposta promissora para o mercado nacional

Muitas cartas estão em jogo com a mais recente intenção de acelerar a privatização da Petrobras em meio a um choque nos preços dos combustíveis.

Privatização da Petrobras: uma proposta promissora para o mercado nacional

Aneel reajusta bandeiras tarifárias em até 64%

Consumidores não pagarão mais porque bandeira está verde.

Aneel reajusta bandeiras tarifárias em até 64%

Como economizar energia durante os dias mais frios

O Brasil vive estiagem mais severa dos últimos 91 anos.

Como economizar energia durante os dias mais frios