Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Vai adotar um amigo para seu filho?

Vai adotar um amigo para seu filho?

29/09/2016 Ana Paula Morais

Saiba quais as raças mais indicadas para cada fase da criança e acerte na escolha do melhor amigo!

Vai adotar um amigo para seu filho?

Bebê Pug. O Pug é o cachorro perfeito para quem fica em casa. Dócil, tranquilo e brincalhão, a raça pode ficar horas descansando ao lado do dono e do neném. Spitz Alemão. Com seu pequeno porte, o Spitz Alemão (ou Lulu da Pomerânea), o famoso ursinho em miniatura é muito alegre, expressivo e inteligente, agradando pais e bebês. Beagle. Mesmo bastante bagunceiros, os Beagles aprendem comandos com facilidade e o melhor de tudo: sem perder a alegria! Além disso, a raça é leal e independente. Buldogue Francês. Sociável, afetuoso e paciente. Essas são algumas características marcantes do Buldogue Francês que, por sinal, é um excelente companheiro para os bebês, já que suas atividades favoritas são brincar e dormir. Buldogue Inglês. Assim como o Pug e o Buldogue Francês, o Buldogue Inglês não precisa de muitos exercícios para manter a forma. Conhecido como uma das raças mais amáveis do mundo canino, o grandão é uma ótima companhia para a família e pode se adaptar muito bem às crianças. Criança Maltês. Conhecido pela sua agitação, o Maltês é um dos cãezinhos ideais para aquela criança que tem bastante energia. Além de ter bastante pique e disposição para brincar, a raça é gentil e fácil de lidar. Shih Tzu. é um cãozinho extrovertido, alerta, ativo e uma ótima companhia para os pequenos. Dachshund. Se a criança é curiosa, aventureira e brincalhona, o salsicha é o cachorro perfeito! A raça Dachshund é super popular entre a garotada e pode garantir diversão e atividade física. Cocker. Seus charmosos cachos não deixam dúvidas: o Cocker Spaniel é uma raça adorável! Fiel, amigável e tranquilo, esse cão pode ser adestrado com facilidade. Golden Retriever. Quem nunca esbarrou em um Golden não sabe o que é felicidade. O cão parece sorrir toda hora! Além de ser confiável e inteligente, o Golden também não perde uma oportunidade de brincar com a criançada. Pré-adolescente Labrador. É inteligente, confiável e um ótimo companheiro para as atividades que gastam bastante energia. Bull Terrier. Se o adolescente tem costume de praticar esportes, o Bull Terrier vai se encaixar perfeitamente na rotina dele. Forte, resistente e bem esperto, a raça preenche todos os requisitos de um bom atleta. Border Collie. O Border Collie, conhecido como a raça mais inteligente do mundo, é querido por pessoas de todas as idades. É espoleta, mas obediente quando adestrado. Precisa de espaço e alguém para brincar. Schnauzer. Além de ser sociável e amigável, o Schnauzer é bem apegado ao dono. Acompanha a família em todas as suas atividades e o melhor: é bem comportado dentro de casa! A famosa raça da barbinha comprida pode tanto viver num casarão com quintal como em um pequeno apartamento na cidade. Vira-lata. O cão sem raça definida com certeza se encaixa em todas as famílias. Tem preto, branco, tricolor, de porte pequeno, de porte médio, enfim... das mais variadas combinações que enchem de amor o dia a dia do dono. Sua natureza desconhecida faz com que cada um seja único e com características singulares. Dica da especialista Para Patricia Padovez, médica-veterinária e coordenadora técnica da Farmina Pet Foods, antes de adotar o animal, além de escolher a raça, é preciso preparar a casa e a rotina da família para receber o pet. "Cães exigem dedicação diária. Os donos precisam ter tempo para passear e brincar com o animal, além de cuidar da alimentação e higiene do pet. Sem esquecer do amor e carinho, que são fundamentais para que o pet se sinta bem-vindo".



Como proteger meu pet do calor?

O verão está chegando e algumas cidades brasileiras já registram temperaturas acima dos 28 graus.

Como proteger meu pet do calor?

Cães podem comer açúcar?

Veterinário diz que tipo de alimentos adocicado os cães podem consumir.

Cães podem comer açúcar?

Pesquisa revela que permitir pets nos escritórios ajuda a reter e atrair talentos

Dos empregadores ouvidos, 87% dizem conseguir reter e atrair mais talentos por serem “pet friendly”.

Pesquisa revela que permitir pets nos escritórios ajuda a reter e atrair talentos

Pets na empresa? Eles podem ajudar na produtividade e reduzir o estresse

De olho no aumento da produtividade de seus colaboradores, empresas permitem visitas de pets em dias preestabelecidos.

Pets na empresa? Eles podem ajudar na produtividade e reduzir o estresse

“Cães obesos vivem menos”

Quase 60% dos cachorros sofrem com o sobrepeso e, consequentemente, com as doenças decorrentes da obesidade.

“Cães obesos vivem menos”

Os mitos sobre gatos e gestantes

Gestantes podem continuar dividindo as emoções com seus gatinhos sem medo.

Os mitos sobre gatos e gestantes

Você sabia que seu pet pode doar sangue?

Especialista explica a importância do procedimento e alerta para a necessidade de promover essa atitude que salva vidas.

Você sabia que seu pet pode doar sangue?

“Os cachorros realmente amam seus donos”, diz especialista

Os animais percebem seus tutores como membros da família, mesmo sabendo diferenciar humanos de outros cães.

“Os cachorros realmente amam seus donos”, diz especialista

Confira 6 dicas para proteger os pets durante o inverno

Para amenizar o desconforto dos animais de estimação na época mais gelada do ano, veterinário lista quais são os pontos que demandam mais atenção.

Confira 6 dicas para proteger os pets durante o inverno

Mitos e verdades sobre pulgas e carrapatos

Estes parasitas representam uma preocupação constante e são uma dor de cabeça para donos de cães e gatos.

Mitos e verdades sobre pulgas e carrapatos

Pets: Você sabia que seu cãozinho pode doar sangue?

Especialista explica a importância do procedimento e alerta para a escassez de doadores e a necessidade urgente de promover essa atitude que salva vidas.

Pets: Você sabia que seu cãozinho pode doar sangue?

Cães auxiliam crianças e adultos com deficiências

Além dos alunos da APAE, a terapia com animais também é utilizada para tratamento contra o câncer, doenças cardíacas, estresse, depressão e paralisias.

Cães auxiliam crianças e adultos com deficiências