Portal O Debate
Grupo WhatsApp


5 Dicas para Transformar um Hobby em Renda

5 Dicas para Transformar um Hobby em Renda

10/06/2016 Jaques Grinberg

Transformar um hobby em renda é o sonho de todos.

Fazer o que gosta de ganhar dinheiro. Mas será possível? E eu respondo com uma nova pergunta: O que é mais importante para você, dinheiro ou felicidade?

A opção dinheiro é escolhida por mais de 80% das pessoas, não que prefiram o dinheiro, mas traz a segurança. Será?

E mais uma vez eu respondo com uma nova pergunta: segurança de ter um carro novo para chamar a atenção ou para pagar a conta de um restaurante caro e que muitas vezes não oferece a comida mais saborosa?

Conheço um jovem filho de professores, atualmente com 38 anos, que sempre trabalhou para os outros, por 15 anos na empresa da família. Ajudou a empresa a crescer e transforma-se na maior do seu segmento.

Foi considerado case de sucesso e em 2013 completou quatro anos como CEO desta empresa com um salário alto, status, carro importado, secretária e muito mais.

No final de 2013 decidiu abandonar o emprego, sem saber o que iria fazer, mas simplesmente porque não estava mais feliz. A rotina do trabalho tornou-se uma obrigação e todos os benefícios materiais que recebia mensalmente não eram mais suficientes para acordar e fazer a diferença.

Pesquisando, estudando, avaliando e trocando experiências, decidiu ser palestrante e compartilhar o seu conhecimento e experiências práticas e de sucesso. Hoje, é contratado por empresas pequenas, médias e grandes em todos os Estados do Brasil para ministrar treinamentos e consultoria.

1ª Dica - Seguir a felicidade ao invés do dinheiro é o primeiro passo para ganhar muito dinheiro.

2ª Dica - Preocupar-se com o que a sociedade pensa e quer de você, é diferente do que você deseja para a sua vida. O controle remoto é seu, você escolhe para onde deseja ir.

3ª Dica - Tudo na vida demora e precisa de tempo para amadurecer. Faça tudo com planejamento e de forma honesta, o sucesso é consequência e com certeza virá. A persistência e foco irá ajudá-lo a alcançar o seu objetivo!

4ª Dica - Acredite no seu potencial! Todos nascemos iguais e mesmo que no passado não tivemos as mesmas condições, podemos mudar agora. Nunca é tarde para um recomeço.

5ª Dica - Arrisque! Faça acontecer! Sempre com planejamento e no momento certo!

Sim, é possível transformar um hobby em renda, e ainda ganhar muito dinheiro. Eu sou filho de professores, estudei em escolas públicas no interior de São Paulo onde encontrei amigos verdadeiros.

Hoje, sou feliz e faço a diferença na vida de milhares de brasileiros que participam dos meus treinamentos.

* Jaques Grinberg é empreendedor, coach, palestrante, consultor e sócio em quatro empresas.



Os candidatos avulsos e os partidos

Por iniciativa do ministro Luiz Roberto Barroso, o STF (Supremo Tribunal Federal) abre a discussão sobre a as candidaturas avulsas, onde os pretendentes a cargo eletivo não têm filiação partidária.


Os desafios de tornar a tecnologia acessível à população

Vivemos uma realidade em que os avanços tecnológicos passaram a pautar nosso comportamento e nossa sociedade.


O uso do celular, até para telefonar

Setenta e sete por cento dos brasileiros utilizam o smartphone para pagar contas, transferir dinheiro e outros serviços bancários.


Canto para uma cidade surda

O Minas Tênis Clube deu ao Pacífico Mascarenhas o que a cidade de Belo Horizonte deve ao Clube da Esquina; um cantinho construído pelo respeito, gratidão, admiração, reconhecimento, apreço e amor.


Como acaso tornou famoso notável compositor

Antes de alcançar a celebridade, e a enorme fortuna, Verdi, passou muitas dificuldades financeiras.


Gugu e a fragilidade da vida

A sabedoria aconselha foco no equilíbrio emocional e espiritual diante da fragilidade e fugacidade da vida.


Quando o muro caiu

O Brasil se preparava para o segundo turno das eleições presidenciais, entre o metalúrgico socialista Luís Inácio Lula da Silva e a incógnita liberal salvacionista Fernando Collor de Melo, quando a televisão anunciou a queda do muro de Berlim.


Identidade pessoal e identidade familiar

Cada família gesta a sua identidade, ainda que algumas vezes, de forma inconsciente.


Desprezo e ingratidão

Não sei o que dói mais: se a ingratidão se o desprezo.


A classe esquecida pelo governo

O fato é que a classe média acaba por ser a classe esquecida pelo governo.


O STF em defesa de quem?

A UIF, antigo COAF, foi criada como uma unidade do Ministério da Justiça (hoje, no BACEN) para fazer uma coisa muito simples: receber dos bancos notificações de que alguém teria realizado uma transação suspeita, anormal.


O prazer da leitura

Ao contrário do que se possa pensar, não tenho muitos amigos. Também não são muitos os conhecidos.