Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Ataque à Editora Abril é demonstração de intolerância

Ataque à Editora Abril é demonstração de intolerância

08/11/2014 Natália Vilarouca

Chamar quem depredou e pichou o prédio da Editora Abril de manifestante é totalmente inadequado. Manifestou-se o que? Raiva, indignação? Não. Intolerância e medo da realidade que veio à tona.

Quando as ideias são confusas, contraditórias e autoritárias só resta a violência como resposta. O Partido dos Trabalhadores está mais parecendo uma seita com um bando de fanáticos. São pessoas acostumadas a entregarem o sucesso ou o fracasso de suas vidas ao governo. São vitimistas e apoiam o coitadismo.

Usam os mais necessitados como escudo ideológico das ações totalitárias de seu governo. Abusam do imediatismo e da dependência das pessoas. Centralizam o poder e ainda por cima se valem constantemente ainda da figura de Lula, como se esse indivíduo fosse um deus e mensageiro de todas as boas novas.

Usam o assistencialismo como forma de manejar o gado, que sempre estará bem guardado numa cerca. Ameaçam pessoas. Queimam arquivos. Buscam as ligações com governos violentos e autoritários da América Latina. Às pessoas que estão cuspindo na Veja e arrotando a falta de credibilidade da revista recomendo um exame de consciência. Pois a opinião destas pessoas não está baseada nos fatos, mas na ideologia cega. Aplaudem o que querem escutar e repelem aquilo que não lhes é conveniente.

*Natália Vilarouca é Acadêmica de Direito da Universidade de Fortaleza (UNIFOR) e Colunista do Instituto Liberal e do site Liberdade em Foco.



Para escolher o melhor

Tomar boas decisões em um mundo veloz e competitivo como o de hoje é uma necessidade inegável.

Autor: Janguiê Diniz


A desconstrução do mundo

Quando saí do Brasil para morar no exterior, eu sabia que muita coisa iria mudar: mais uma língua, outros costumes, novas paisagens.

Autor: João Filipe da Mata


Por nova (e justa) distribuição tributária

Do bolo dos impostos arrecadados no País, 68% vão para a União, 24% para os Estados e apenas 18% para os municípios.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


Um debate desastroso e a dúvida Biden

Com a proximidade das eleições presidenciais nos Estados Unidos, marcadas para novembro deste ano, realizou-se, na última semana, o primeiro debate entre os pleiteantes de 2024 à Casa Branca: Donald Trump e Joe Biden.

Autor: João Alfredo Lopes Nyegray


Aquiles e seu calcanhar

O mito do herói grego Aquiles adentrou nosso imaginário e nossa nomenclatura médica: o tendão que se insere em nosso calcanhar foi chamado de tendão de Aquiles em homenagem a esse herói.

Autor: Marco Antonio Spinelli


Falta aos brasileiros a sede de verdade

Sigmund Freud (1856-1939), o famoso psicanalista austríaco, escreveu: “As massas nunca tiveram sede de verdade. Elas querem ilusões e nem sabem viver sem elas”.

Autor: Samuel Hanan


Uma batalha política como a de Caim e Abel

Em meio ao turbilhão global, o caos e a desordem só aumentam, e o Juiz Universal está preparando o lançamento da grande colheita da humanidade.

Autor: Benedicto Ismael Camargo Dutra


De olho na alta e/ou criação de impostos

Trava-se, no Congresso Nacional, a grande batalha tributária, embutida na reforma que realinhou, deu nova nomenclatura aos impostos e agora busca enquadrar os produtos ao apetite do fisco e do governo.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


O Pronto Atendimento e o desafio do acolhimento na saúde

O trabalho dentro de um hospital é complexo devido a diversas camadas de atendimento que são necessárias para abranger as necessidades de todos os pacientes.

Autor: José Arthur Brasil


Como melhorar a segurança na movimentação de cargas na construção civil?

O setor da construção civil é um dos mais importantes para a economia do país e tem impacto direto na geração de empregos.

Autor: Fernando Fuertes


As restrições eleitorais contra uso da máquina pública

Estamos em contagem regressiva. As eleições municipais de 2024 ocorrerão no dia 6 de outubro, em todas as cidades do país.

Autor: Wilson Pedroso


Filosofia na calçada

As cidades do interior de Minas, e penso que de outros estados também, nos proporcionam oportunidades de conviver com as pessoas em muitas situações comuns que, no entanto, revelam suas características e personalidades.

Autor: Antônio Marcos Ferreira