Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Fertilidade na idade da Loba

Fertilidade na idade da Loba

25/03/2009 Divulgação

Enquanto se vive, sempre há tempo para tudo. Esse ditado popular pode valer para muitas situações, mas definitivamente não se aplica quando o assunto é maternidade.

Nesse quesito, o tempo é implacável. Mesmo com os avanços fantásticos ocorridos nos últimos anos na medicina, especificamente na área de reprodução humana, e com a constatação de que estamos vivendo mais em comparação ao passado - na época dos faraós, no Egito antigo, poucas pessoas chegavam aos 45 anos e hoje, segundo o IBGE, a expectativa média de vida gira em torno dos 72 anos - ainda existem limitações para as mulheres que querem engravidar na fase madura, também chamada de idade da loba. Não adianta, não tem acordo. Apesar das várias conquistas no campo profissional - podemos ser engenheiras, físicas nucleares, motoristas de táxi, presidentes de empresas e exercer várias outras ocupações que eram de domínio exclusivo dos homens -, e de vitórias importantes no campo pessoal - temos a liberdade de viver a nossa sexualidade como bem entendemos, o que era impensável há apenas poucas décadas -, a biologia não nos acompanhou no mesmo compasso.

A realidade tem confirmado que o tempo é mesmo um fator limitador. Se para uma mulher jovem a chance de engravidar por ciclo é de 30%, para as balzaquianas esse percentual cai para 20%. Após os 40 anos, apenas 5% terão filhos naturalmente. É injusto, não há dúvida. Numa época em que há tanto para se fazer, em que (quase) tudo é permitido, em que a cosmética evoluiu a ponto de contribuir para que possamos parecer mais belas e jovens por mais tempo, não é de se admirar que uma mulher acabe postergando a maternidade. O universo de possibilidades se expandiu e, com isso, nada mais natural do que querer tornar-se múltipla. E nesse afã de tentar abraçar o mundo com as mãos, o tempo passa muito mais rápido do que conseguimos perceber e quando finalmente o despertador do relógio biológico toca, vemos que estamos próximas aos 40 minutos do segundo tempo, quando as possibilidades de marcar o tão sonhado gol diminuem drasticamente e podem até inexistir sem a ajuda de um técnico experiente.

A boa notícia é que as mulheres que querem ser mães já contam com vários e excelentes "técnicos", ou seja, médicos, muitos dos quais reconhecidos internacionalmente e experts em reprodução assistida e que utilizam as mais variadas técnicas de reprodução, que se aperfeiçoam a cada dia. Em muitos casos, as chances de sucesso são grandes. Mas mesmo assim, requerem boa dose de paciência, determinação e repetição exaustiva das tentativas. Pode ser frustrante e sofrido o processo de querer engravidar e precisar passar por uma verdadeira maratona para transformar o sonho em realidade. Se isso já é complicado para as mulheres jovens, que também apresentam essa dificuldade, mas que têm o tempo a seu favor imagine para as que já passaram dos 40, em que cada dia faz, de fato, diferença. É importante saber que hoje existem ferramentas mais práticas e fáceis de usar que podem auxiliar as mulheres a monitorar seus períodos de fertilidade.

Um dos exemplos é o auto teste da linha Confirme! que pode ser comprado em farmácia e que tem como trunfo o de ser um importante aliado, não só da mulher que está tentando engravidar, mas também do médico que a está auxiliando nesse processo. Com ele, a mulher pode saber quando está em seu período fértil, com margem de acerto superior a 99%, porque consegue detectar qualitativamente o aumento do Hormônio Luteinizante (LH) que ocorre por um breve período, no meio do ciclo menstrual. Esse aumento, chamado de pico do LH e que pode ser identificado na urina, é o causador da ovulação. Saber quando isso acontece, com alta margem de acerto, pode reduzir em muito o tempo gasto em tentativas de engravidar.

Através de testes como esse, a mulher sabe quando está fértil e se tiver relações sexuais nesse período, suas chances de sucesso aumentam consideravelmente. Como bioquímica, digo que o auto teste é apenas uma ferramenta coadjuvante no complexo processo de reprodução, mas seu uso pode contribuir para que uma mulher realize o sonho de ser mãe. Lobas ou gatinhas, conservadoras ou modernas, profissionais ou donas-de-casa, ousadas ou tímidas, não importa em qual grupo se encaixem, todas igualmente merecem concretizar este belo projeto. Que a natureza e a ciência as abençoem nessa caminhada.

*Dra Carolina Ynterian é Bacharel e Mestre em Bioquímica pela Universidade do Estado da Flórida.    



Cuidar da saúde mental do colaborador é fator de destaque e lucratividade para empresa

O Setembro Amarelo é uma campanha nacional de prevenção ao suicídio, mas que coloca em evidência toda a temática da saúde mental.


Setembro Amarelo: a diferença entre ouvir e escutar

Acender um alerta na sociedade para salvar vidas quando se fala em prevenção ao suicídio é tão complexo quanto o comportamento de uma pessoa com a intenção de tirar a própria vida.


Desafios para a Retomada Econômica

A divulgação do Produto Interno Bruto (PIB) do segundo trimestre mostrou uma leve retração da atividade produtiva de 0,1% em relação ao trimestre imediatamente anterior.


Setembro Amarelo: é preciso praticar o amor ao próximo

Um domingo ensolarado é um dia perfeito para exercitar a felicidade, passear no parque, levar as crianças na piscina ou encontrar os amigos com seus sorrisos largos e escancarados.


Setembro Amarelo: é preciso ter ferramentas para lidar com o mundo

No semáforo, a cor amarela é frequentemente associada com desaceleração. O motorista precisa reduzir a velocidade ou até mesmo parar.


Da apropriação ilícita dos símbolos da Nação

Uma nova prática vem sendo efetivada por políticos e partidos radicais em âmbito mundial, a apropriação dos símbolos da nação como se fossem bandeiras de suas filosofias.


Tecnologia é fundamental para facilitar o processo de legalização de novos negócios no Brasil

Imagine se todo o recurso humano e dinheiro envolvidos no processo de abertura e legalização de uma empresa no Brasil fossem utilizados para promover mais eficiência e valor agregado para a sociedade?


Como a tecnologia pode criar uma cultura de reciclagem

Diante das diversas transformações no mundo dos negócios e no modelo de atendimento aos consumidores, empresas de todos os segmentos estão sendo obrigadas a buscarem soluções que permitam acelerar a inovação e a eficiência de seus negócios.


As regras essenciais para o uso de vagas de garagem em condomínios

A garagem traz para o condômino segurança e comodidade para os moradores.


Como usar a sua voz para compartilhar as suas ideias?

Você já se perguntou quantas palavras fala diariamente?


A jornada de inovação dos caixas eletrônicos

Quando os primeiros caixas eletrônicos chegaram ao Brasil, no início dos anos 1980, a grande novidade era a possibilidade de retirar dinheiro ou emitir um extrato de forma automatizada.


A nota oficial do Presidente da República

Após o excesso de retórica do mandatário maior da nação ocorrida no dia de uma das maiores manifestações já realizadas e vistas pelo povo brasileiro, o Presidente da República, veio a público, através de nota oficial, prestar a seguinte declaração, da qual destaca-se os seguintes parágrafos: