Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Filmes podem ajudar estudantes na redação do Enem

Filmes podem ajudar estudantes na redação do Enem

19/08/2018 Beatriz Cristina Domingos da Silva

Quem está se preparando para o Enem sabe que a redação é um dos maiores desafios da prova.

Filmes podem ajudar estudantes na redação do Enem

É motivo de nervosismo, suor e lágrimas para muitos vestibulandos, pois a nota neste quesito é decisiva para o ingresso naquela universidade dos sonhos. Por isso, é preciso conhecer bem os temas mais relevantes do momento no Brasil e no mundo.

A redação do Enem costuma tratar de assuntos que estão em destaque nos meses que antecedem a prova. Pensando nisso, selecionamos três temas, com três filmes correspondentes, que podem “cair” no exame. Assim, de forma didática e divertida, os estudantes vão “arrasar” no Enem.

1- Bullying: A prática de bullying e cyberbulling nas escolas brasileiras é um tema atual e tem sido alvo de muitas discussões. A dica de filme é A Girl Like Her, que conta a história de duas garotas do ensino médio que perderam a amizade e passaram a ser inimigas. A representação do bullying nunca foi tão íntima e aterrorizante como nesse documentário-drama. É possível ver as consequências de ações e atitudes, tanto de quem pratica quanto de quem sofre bullying.

2- Fake News: Com o uso cada vez maior das redes sociais, um termo tem sido muito utilizado ultimamente pela sociedade: Fake News, notícias falsas revestidas de artifícios que fazem com que sejam consideradas — e compartilhadas — como verdadeiras. O que faz com que elas sejam tão perigosas é a escala com que são difundidas.

A dica é o documentário Fake News: Baseado em fatos reais. O longa mostra a saga de André Fran, Rodrigo Cebrian e Felipe UFO por diversos países em busca de respostas para um fenômeno que tornou-se arma política e, mais do que isso, “argumento” para acusar, disseminar mentiras ou distorcer fatos sobre tudo aquilo que não agrada determinado grupo, partido, ideologia ou agenda.

3- Refugiados: A crise de refugiados que a Europa enfrenta atualmente é a maior desde a Segunda Guerra Mundial. O ACNUR (Agência da ONU para Refugiados) informa que 68,5 milhões de pessoas estavam deslocadas por guerras e conflitos até o final de 2017.

Sobre o assunto, a dica é o filme “Casablanca”, um clássico da sétima arte, de 1942, que retrata a vida em tempos de guerra. No auge da II Guerra Mundial, muitos refugiados fugiram da ocupação nazista, chegando ao Marrocos. Enquanto uns conseguiam vistos que lhes permitiam procurar uma vida melhor em outros países – muitos tinham de recorrer ao mercado paralelo, por exemplo –, outros tinham de esperar em Casablanca.

E aí? Gostou das dicas? Não se esqueça de treinar, com o conhecimento adquirido por meios dos filmes e documentários. Afinal, é muito importante analisar os temas e formar opinião em torno dos assuntos pesquisados, conseguindo desse modo uma base sólida para a criação de argumentos e propostas na sua redação do Enem.

* Beatriz Cristina Domingos da Silva é estudante de Design Gráfico e, aos 18 anos, atua como Jovem Aprendiz no grupo Vitae Brasil, de São José dos Campos (SP).

Fonte: Ex-Libris Comunicação Integrada



Mortes e lama: até quando, Minas?

Tragédias no Brasil são quase sempre pré-anunciadas. É como se pertencessem e integrassem a política de cotas. Sim, há cotas também para o barro e a lama. Cota para a dor.


Proteção de dados de sucesso

Pessoas certas, processos corretos e tecnologia adequada.


Perspectivas e desafios do varejo em 2022

Como o varejo lida com pessoas, a sua dinâmica é fascinante. A inclusão de novos elementos é constante, tais como o “live commerce” e a “entrega super rápida”.


Geração millenials, distintas facetas

A crise mundial – econômica, social e política – produzida pela transformação sem precedentes da Economia 4.0 coloca, de forma dramática, a questão do emprego para os jovens que ascendem ao mercado de trabalho.


Por que ESG e LGPD são tão importantes para as empresas?

ESG e LGPD ganham cada vez mais espaço no mundo corporativo por definirem novos valores apresentados pelas empresas, que procuram melhor colocação no mercado, mais investimentos e consumidores satisfeitos.


O Paradoxo de Fermi e as pandemias

Em uma descontraída conversa entre amigos, o físico italiano Enrico Fermi (1901-1954) perguntou “Onde está todo mundo?” ao analisarem uma caricatura de revista que retratava alienígenas, em seus discos voadores, roubando o lixo de Nova Iorque.


Novo salário mínimo em 2022 e o impacto para os trabalhadores autônomos

O valor do salário mínimo em 2022 será de R$ 1.212,00.


2021 – A ironia de mais um ano que ficará marcado na história

Existe um elemento no ano de 2021 que imputou e promoveu uma verdadeira aposta de cancelamentos e desejos para que ele seja mais um ano apagado da memória de milhares de pessoas: A pandemia, que promoveu o desaparecimento definitivo de milhares de pessoas.


Negócios do futuro: por que investir em empreendedorismo no setor financeiro

Você sabia que 60% dos jovens de até 30 anos sonham em empreender?


A importância de formar talentos

Um dos maiores desafios das empresas tem sido encontrar talentos com habilidades desenvolvidas e preparados para contribuir com a estratégia da empresa.


Sustentabilidade em ‘data center’: setor se molda para atender a novas necessidades

Mesmo que a sustentabilidade ainda seja um tema relativamente novo no segmento de data center, ele tem se tornado cada vez mais necessário para as empresas que querem agregar valor ao seu negócio.


Tendência de restruturações financeiras e recuperações judiciais para o próximo ano

A expectativa para o próximo ano é de aumento grande no número de recuperações judiciais e restruturações financeiras, comparativamente, aos anos de 2021 e 2020.