Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Forças Gravitacionais no Varejo

Forças Gravitacionais no Varejo

24/07/2016 Leandro Krug Batista

Einstein estava certo.

Há 100 anos ele conseguiu teorizar (sem nenhuma planilha de Excel ou HP-12C) que existiam ondas gravitacionais emitidas no universo.

E por falar em gravidade, você sabia que a localização de uma loja pode ser definida por leis gravitacionais?

Não são necessariamente as mesmas variáveis que vemos nos estudos da Física, mas somos mais ou menos atraídos por um tipo de varejo em cada circunstância, dependendo de algumas variáveis que contribuem direta ou inversamente para a nossa escolha! São algumas delas:

Tempo de deslocamento: o tempo de deslocamento do cliente até a loja é inversamente proporcional à sua atratividade.

Distância do cliente: a distância também é inversamente proporcional à atratividade ao cliente. Contudo, se o tempo de deslocamento for menor, ele influenciará nessa atratividade.

Ganho financeiro: quanto maior o ganho financeiro com descontos e ofertas na aquisição de produtos, maior a atratividade do consumidor.

Proximidade a outras conveniências: quanto mais questões o cliente puder resolver na própria loja ou nos seu arredores, mais tempo pessoal ele economizará, logo, mais atraído ele estará.

Interação entre o Digital e o Físico: quanto mais o cliente puder transitar entre os canais digitais (celular, internet, ipad) e os canais físicos, tendo uma experiência integrada, maior será a propensão dos seus gastos.

Existem outras forças gravitacionais e até cálculos mais complexos (Método Gravitacional Converse - 1949), contudo, considerando essas variáveis citadas, já é possível compreendermos por que, às vezes, lojas de conveniência nos cobram preços percentualmente tão mais caros e não reclamamos.

E, ao mesmo tempo, enfrentamos quilômetros de distância para passar o dia inteiro em outlets.

* Leandro Krug Batista é professor da Pós-Graduação da Universidade Positivo, consultor de Franchising e Gestão de Redes de Varejo e Mestre em Gestão Estratégica.



O bom senso na vida profissional

Aprender é um processo que nunca deveria se esgotar para nenhuma pessoa.


Lava Jato – Quem é o pai da criança?

Desde o início da operação Lava Jato, a população ficou estupefata com as revelações do emaranhado esquema de corrupção que assolava o país.


Engenharia e inovação, por que o setor está estagnado?

Uma reflexão que merece ser realizada é sobre quais os motivos que levam o setor de Engenharia e Construção a ser tão conservador.


Dicas para entregar seu projeto com melhor qualidade em menor tempo

Há uma infinidade de fatores que influenciam no sucesso (ou não) de um projeto.


Viver não custa…

Meses depois de ter casado, na Igreja, fui viver para andar de prédio, que ficava nos subúrbios da minha cidade.


Insetos na dieta

Aproximadamente dois bilhões de pessoas em 130 países já comem insetos regularmente.


Habilidades socioemocionais podem ser aprendidas

Desde o início da infância, as pessoas aprendem um conjunto de comportamentos que são utilizados nas diferentes interações sociais.


Entenda porque amor é diferente de paixão

Você sabe diferenciar o amor da paixão?


A finalidade e controle das ONGs

O mais adequado não é combatê-las, mas manter sob controle as suas ações como forma de evitar desvio de finalidade, corrupção e outras distorções.


A reforma da máquina pública

A aprovação da reforma da Previdência, pela Câmara dos Deputados, é um avanço do governo.


Os desafios da maternidade e do mercado de trabalho

Ter filhos não é fator de impedimento para uma mulher trabalhar.


Todos querem ser ricos…

Mais vale pobreza, com paz e consciência limpa, que riqueza, sem sossego, alma escurecida, e pesados de remorsos.