Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Lula diz insatisfeito com o programa Procaminhoneiro

Lula diz insatisfeito com o programa Procaminhoneiro

03/05/2010 Divulgação

Durante a posse da nova diretoria da Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores), dia 30 de abril, no Monte Líbano, em São Paulo, o presidente Lula fez um balanço de seu governo e, como qualquer político faria, ressaltou todos os resultados positivos, mas revelou estar insatisfeito com o Procaminhoneiro.

Segundo ele, programa não atingiu o seu objetivo principal que é a renovação da frota de caminhões por parte dos profissionais autônomos. Até o momento, os maiores beneficiados têm sido os frotistas. Naquele momento, Lula fez um pedido diretamente ao novo presidente da Anfavea, Cledorvino Belini, para que lidere uma frente de trabalho para que o Procaminhoneiro beneficie realmente quem é seu foco, o caminhoneiro.

Belini, que é também presidente da Fiat Automóveis e do Fiat Group, holding que representa institucionalmente todas as empresas do grupo Fiat no país, incluindo a Iveco, fabricante de caminhões, é um profissional com histórico de muitas realizações, obviamente, é também um dos mais interessados em vender caminhão, independentemente de quem seja o comprador. Lula, em seu discurso, comentou não entender a razão do Procaminhoneiro não acontecer para os profissionais autônomos.

Nesse momento, ou o presidente quis fazer o papel de ingênuo, ou é mal informado, o que é pouco provável, ou quer forçar uma solução para um problema que ele não tem a solução.
Todas as pessoas que atuam na indústria de caminhões sabem o motivo do programa não conseguir beneficiar a maioria dos caminhoneiros. O projeto, por intermédio do BNDS, financia caminhões e implementos com juros de 4,5% ao ano (para o autônomo e 7% para o frotista), porém, a operação é realizada pelas instituições financeiras, ou seja, pelos bancos que estão dispostos a correr muitos riscos e só trabalham com o ganha-ganha.

Portanto, os caminheiros, dificilmente, conseguem aprovar uma ficha de crédito nessas instituições. É impossível acreditar que o Lula não saiba disso. 

 



O efeito pandemia nas pessoas e nos ‘in-app games’

É fato que a Covid-19 balançou as estruturas de todo mundo, trazendo novos hábitos, novas formas de consumir conteúdo, fazer compras… E, claro, de se entreter.


A violência e o exemplo dos parlamentos

O péssimo exemplo que os políticos, em geral, dão nos parlamentos, insultando, ridicularizando os antagonistas, leva, por certo, a população a comportar-se de modo semelhante.


Brasileiro residente no exterior, por que fazer um planejamento previdenciário?

É muito comum no processo emigratório para o exterior ter empolgação e expectativas sobre tudo o que virá nessa nova fase da vida.


LGPD: é fundamental tratar do sincronismo de dados entre todas as aplicações

Se um cliente solicita alteração nos dados cadastrais ou pede a sua exclusão da base de dados que a empresa possui, o que fazer para garantir que isso ocorra em todos os sistemas e banco de dados que possuem os dados deste cliente ao mesmo tempo e com total segurança?


As gavetas que distorcem a vida política do país

Finalmente, está marcada para terça-feira (30/11), na Comissão de Constituição e Justiça do Senado, a sabatina do jurista André Mendonça, indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para ocupar a vaga decorrente da aposentadoria do ministro Marco Aurélio, no Supremo Tribunal Federal.


O novo normal e a justiça!

Não restam dúvidas que o avanço tecnológico veio para melhorar e facilitar a vida das pessoas.


Repousar de fadigas, livrar-se de preocupações

O dicionário diz que descansar é repousar de fadigas, livrar-se de preocupações.


O fim da violência contra a mulher é causa de direitos humanos

O dia 25 de novembro marca a data internacional da não-violência contra as mulheres.


A primeira romaria do ano em Portugal

A 10 de Janeiro – ou domingo mais próximo dessa data, dia do falecimento de S. Gonçalo, realiza-se festa rija em Vila Nova de Gaia.


Medicina Preventiva x Medicina Curativa

A medicina curativa domina o setor de saúde e farmacêutico. Mas existe outro tipo de cuidado em crescimento, chamado de Medicina Personalizada.


A importância da inovação em programas de treinamento e desenvolvimento

O desenvolvimento de pessoas em um ambiente corporativo é um grande desafio para gestores de recursos humanos, principalmente para os que buscam o melhor aproveitamento das habilidades de um time através do autoconhecimento.


Por que o 13º salário gera “confiança” nos brasileiros?

O fim do ano está chegando, mas antes de pensar no Natal as pessoas já estão de olho no 13º salário.