Portal O Debate
Grupo WhatsApp

O bode pede socorro

O bode pede socorro

06/01/2009 Divulgação

Funcionários da Febem, eu peço desculpas, sou o bode causador do tumulto.  Quero nesta carta explicar a causa do comportamento. Sempre fui um bode pacífico e respeitador. Vivia eu nos arredores da FEBEM, comendo minha grama, pastando, tudo numa boa. De dia, apreciava o sol. À noite, a lua. Curtia até os tempos chuvosos. Era feliz.

Mas o que é bom dura pouco. Chegou no sítio uma cabrita, dessas para virar o juízo. Era tipo Barbie, alta, magra, cabelos longos e sedosos, sorriso encantador, e com o casco alto, tipo plataforma.Confesso que sempre fui chegado a uma cabrita. Não sou bode galã, destes que as cabras suspiram, contudo nunca fiquei na mão. Ela me virou as cabeças. Quando vi, já estava contaminado. O sol já não aquecia legal, a lua perdera o brilho, a grama o sabor. Preso, eu estava completamente preso aos seus encantos. Ela atraia os bodes. Eu, tipo a canção do Ultraje a Rigor, me mordia de ciúmes, e ela nem me notava.

Estando antenado com o mundo das comunicações, pois no sítio temos antena parabólica, eu já sabia da existência da FEBEM. E do quão chamativo é. Volta e meia rádio, televisão e jornal estão aí plantados querendo uma migalha para fazer um furo de reportagem.

Aí, caros amigos da FEBEM, pensei, se eu me fizer notar, aparecer na tevê, quem sabe a cabrita boazuda, perdão, esta cabrita encantadora, possa me dar bola.

Podem rir, me zoar. Não ligo. Fui infantil. Mas qual apaixonado nunca foi?

Como chamar a atenção? Contei com elemento surpresa. Sabia que sábado era dia de visita. E aí... baixei a cabeça e fui a toda velocidade morro acima.

Os corajosos agentes e um senhor de cabelos um pouco grisalho, tentaram me impedir. Tudo bem, uns falaram que eles se esconderam atrás de motos, cones, portas. Compreendam, foi elemento surpresa. E graças aos céus eles fugiram de mim, caso contrário, eu é que teria rolado morro abaixo. Peço perdão às mulheres presentes se caso me viram excitado. Não sou tarado, longe de mim, é que para tomar coragem, lembrei da Virgulina, minha doce cabrita, e quando vi eu estava daquele jeito. Perdão, senhoras!

Tudo estava correndo bem. Eu ia me esforçando, espantando os bravos guardas, na espera que a tevê ou qualquer rádio chegasse para cobrir os fatos.

Aí, não sei como nem por que, chegou um cara numa camionete, me laçou e me raptou. Agora, eu estou no cativeiro. Ele vive me saboreando com aqueles olhos natalinos. Provavelmente se eu não escapo daqui vou virar assado na noite de Natal. Uma torpe morte por amor.

Peço socoooooooooooooooooooooooooooooro para vocês amigos da Febem. Tudo o que fiz foi por amor. Chamem a televisão, o rádio. Dêem a versão verdadeira dos fatos. E se não me encontrarem com vida, mas já dentro da pança do meu seqüestrador, diga para a Virgulina que eu a amo muito.



Setembro Amarelo: é preciso praticar o amor ao próximo

Um domingo ensolarado é um dia perfeito para exercitar a felicidade, passear no parque, levar as crianças na piscina ou encontrar os amigos com seus sorrisos largos e escancarados.


Setembro Amarelo: é preciso ter ferramentas para lidar com o mundo

No semáforo, a cor amarela é frequentemente associada com desaceleração. O motorista precisa reduzir a velocidade ou até mesmo parar.


Da apropriação ilícita dos símbolos da Nação

Uma nova prática vem sendo efetivada por políticos e partidos radicais em âmbito mundial, a apropriação dos símbolos da nação como se fossem bandeiras de suas filosofias.


Tecnologia é fundamental para facilitar o processo de legalização de novos negócios no Brasil

Imagine se todo o recurso humano e dinheiro envolvidos no processo de abertura e legalização de uma empresa no Brasil fossem utilizados para promover mais eficiência e valor agregado para a sociedade?


Como a tecnologia pode criar uma cultura de reciclagem

Diante das diversas transformações no mundo dos negócios e no modelo de atendimento aos consumidores, empresas de todos os segmentos estão sendo obrigadas a buscarem soluções que permitam acelerar a inovação e a eficiência de seus negócios.


As regras essenciais para o uso de vagas de garagem em condomínios

A garagem traz para o condômino segurança e comodidade para os moradores.


Como usar a sua voz para compartilhar as suas ideias?

Você já se perguntou quantas palavras fala diariamente?


A jornada de inovação dos caixas eletrônicos

Quando os primeiros caixas eletrônicos chegaram ao Brasil, no início dos anos 1980, a grande novidade era a possibilidade de retirar dinheiro ou emitir um extrato de forma automatizada.


A nota oficial do Presidente da República

Após o excesso de retórica do mandatário maior da nação ocorrida no dia de uma das maiores manifestações já realizadas e vistas pelo povo brasileiro, o Presidente da República, veio a público, através de nota oficial, prestar a seguinte declaração, da qual destaca-se os seguintes parágrafos:


Combate ao terrorismo após 11 de setembro: incertezas e desafios

Faz 20 anos que acompanhamos, principalmente pela televisão, o maior ataque terrorista da história contemporânea.


ESG qualifica empresas na busca por investidores

Segundo a Morningstar, no início do segundo semestre o volume global investidos em fundos ESG ultrapassou o montante de US$ 2,3 trilhões.


A vacina é para todas as idades

Em todas as fases da vida manter a caderneta de vacinação em dia é muito importante.